Top 10 concursos nacionais mais buscados no Concursos no Brasil

Existem 10 órgãos nacionais que estão com editais abertos ou esperam autorização para novas vagas. Veja quais são os concursos nacionais mais esperados.

Top 10 concursos nacionais mais buscados no Concursos no Brasil

Saiba os detalhes mais importantes desses concursos. - Foto: Assembléia Legislativa do Paraná

Várias seleções são abertas todos os dias em diversos órgãos por todo o país. No mundo dos concurseiros, os certames de nível nacional são mais importantes e podem até compensar mais. Levantamos dados de janeiro de 2018 a maio de 2020 para saber quais eram os concursos nacionais mais buscados no Concursos no Brasil.

Dessa forma, montamos uma lista com o nosso top 10 para você ficar sabendo quais são as seleções mais esperadas ou que estão em andamento no país nesse momento. Confira o nosso ranking:

1. IBGE

Em primeiro lugar temos o concurso IBGE! Uma grande seleção foi prevista para 2020, oferecendo mais de 2 mil vagas imediatas para os níveis fundamental e médio em dois editais diferentes. No entanto, por causa do cenário de emergência causado pela pandemia de coronavírus, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística decidiu adiar o certame para 2021. As vagas a serem disputadas são temporárias nas funções de:

  • Agente Censitário Municipal (ACM);
  • Agente Censitário Supervisor (ACS);
  • Recenseador.

Apesar de não haver previsão para um concurso IBGE para cargos efetivos, este com contratações temporárias vale a pena concorrer. Isso porque as remunerações mensais podem variar entre R$ 3.471 e R$ 9.107, dependendo da função pleiteada. Além disso, os convocados contam com outros benefícios, como auxílio-alimentação e assistência à saúde.

Anterior a este certame, foi realizado no início de 2020 um concurso IBGE para 35 vagas para profissionais de nível médio no Rio de Janeiro. E a última seleção para efetivos foi em 2015, quando o Instituto preencheu 460 vagas de Técnico, 90 de Analista e 50 de Tecnologista. O órgão é responsável por realizar censos e organizar as informações sobre a população, a economia, o nível de escolaridade e outros dados de todos os cantos do Brasil.

2. INSS

Um dos concursos previstos mais aguardados do país! A expectativa para o concurso INSS é grande, uma vez que o órgão possui um déficit de 20 mil servidores. O instituto fez uma solicitação para 7.888 vagas efetivas para os níveis médio e superior com remunerações alcançando os R$ 12 mil. Os cargos oferecidos provavelmente serão de:

  • Técnico do Seguro Social;
  • Médico Perito;
  • Analista do Seguro Social.

Segundo informações da assessoria de imprensa da autarquia, a ideia é lançar um novo edital em 2022. Por isso, é bom começar a se preparar para o concurso INSS e estudar desde já! Baseado em editais anteriores, muito provavelmente haverá etapa única no formato de provas teóricas de caráter objetivo, contanto com questões de:

  • Língua Portuguesa;
  • Ética no Serviço Público;
  • Raciocínio Lógico;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Administração;
  • Noções de Direito;
  • Conhecimentos Específicos.

A última seleção realizada aconteceu em maio de 2020 com 8.230 vagas imediatas para contratação temporária de aposentados e militares da reserva. O Tribunal de Contas da União (TCU) autorizou as admissões com o objetivo de zerar as demandas enviadas à autarquia. Antes disso, houve a realização de um certame com 950 vagas em 2015. O concurso INSS foi para níveis médio e superior com remunerações que chegavam a R$ 7 mil.

3. IPHAN

O último concurso IPHAN foi em 2018 e ainda está vigente, muitos aprovados estão sendo convocados. A oferta havia sido de 411 vagas por todo o país, mas já foram chamados 523 candidatos e outros 232 estão aguardando. O prazo de validade do certame acaba em dezembro de 2020, por isso, existe uma forte esperança no lançamento de um novo edital em breve.

As remunerações oferecidas variavam entre R$ 3.419,97 e R$ 5.035,29 para cargos de nível médio e superior. Além disso, os contratados também contaram com auxílio-alimentação de R$ 480,00. Espera-se que para o próximo concurso IPHAN conte com valores semelhantes.

4. DNIT

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes faz pedidos para novos certames desde 2014. A última solicitação aconteceu em 2017 para a autorização de 367 vagas, com o objetivo de preencher os setores com maiores déficits. Mesmo que ainda não haja previsão de nova seleção, os concurseiros e o próprio DNIT aguardam ansiosos o lançamento de um novo edital para poder suprir cerca de 1.400 vagas.

De acordo com certames anteriores, aprovados no concurso DNIT podem ganhar entre R$ 4.956,57 e R$ 20.079,96, dependendo da função pretendida. Espera-se que sejam abertas oportunidades para os cargos de:

  • Técnico-administrativo;
  • Analista em Infraestrutura de Transportes;
  • Técnico de Suporte em Infraestrutura de Transportes;
  • Analista Administrativo.

5. DEPEN

O concurso DEPEN teve edital em 2020 e as inscrições se encerraram no dia 06 de junho. Ao todo foram ofertadas 309 vagas, sendo 294 para cargos de nível médio e 15 para profissionais com nível superior na área da saúde. Os vencimentos-base oferecidos foram de R$ 4.170.63 e R$ 4.361,30, somados a auxílio-alimentação e outras gratificações.

A seleção contará com cinco etapas de classificação:

  • Provas escritas (objetivas e discursivas);
  • Exame de Aptidão Física;
  • Avaliação de saúde;
  • Avaliação psicológica;
  • Investigação social.

As cidades brasileiras que serão contempladas com os novos servidores são:

  • Campo Grande - MS;
  • Catanduvas - PR;
  • Mossoró - RN;
  • Porto Velho - RO.

O último edital oferecia 258 vagas para os mesmos municípios mais Brasília - DF. Cerca de 52 mil pessoas se inscreveram e 480 foram consideradas aprovadas no concurso DEPEN. Parte foi convocada em 2017 e o restante em 2019.

6. EBSERH

No final de 2019, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares lançou três editais com inscrições finalizando em fevereiro de 2020. O concurso EBSERH somava, no total, 1.660 vagas de níveis médio, técnico e superior para suprir as demandas de 36 unidades hospitalares. Os salários variavam entre R$ 2.170,22 e R$ 10.350,46 dependendo da carreira pleiteada. Segundo o edital, esse certame tem validade de dois anos.

A seleção foi realizada pelo IBFC e a classificação dos candidatos aconteceu por meio de provas objetivas e de títulos. A EBSERH presta serviços ao Sistema Único de Saúde - SUS e tem como objetivo dar assistência médico-hospitalar, ambulatorial e também de apoio diagnóstico e terapêutico à comunidade gratuitamente.

7. Receita Federal

Como a Receita Federal é um dos locais mais disputados no Brasil para trabalhar, portanto a seleção de novos servidores para o órgão é extremamente aguardada. Muitos concurseiros passam anos se preparando com o objetivo de serem aprovados. Existe a esperança de que o Ministério da Economia autorize 700 vagas para Auditor Fiscal e 1.453 vagas para Analista Tributário no concurso Receita Federal.

Estima-se que as remunerações desses cargos seriam de R$ 20 mil e R$ 12 mil respectivamente. Além disso, no último pedido foram solicitadas 1.161 vagas para a Secretaria da Fazenda, totalizando 3.314 oportunidades. A última seleção aconteceu em 2014, contando com 278 vagas, então acredita-se que um novo edital pode ser lançado logo.

O concurso Receita Federal, de acordo com certames anteriores, conta com três fases:

  • Prova objetiva;
  • Prova discursiva;
  • Curso de formação.

8. Polícia Federal

Outro que é muito aguardando entre os concurseiros de plantão é o concurso Polícia Federal. A última solicitação foi feita em 2019 para 3.460 vagas imediatas. Acredita-se que alguns dos cargos a serem preenchidos seriam de nível médio e superior:

  • Agente Administrativo;
  • Agente de Polícia Federal;
  • Agente de Polícia Federal;
  • Arquivista, Administrador;
  • Assistente Social;
  • Contador;
  • Delegado de Polícia Federal;
  • Enfermeiro;
  • Escrivão;
  • Médico;
  • Papiloscopista;
  • Psicólogo.

As remunerações oferecidas, seguindo editais anteriores, podem ficar entre R$ 11.983,26 e R$ 22.672,48, dependendo do cargo. O concurso Polícia Federal pode contar com as seguintes etapas:

  • Provas escritas (objetivas e discursivas);
  • Teste de aptidão física;
  • Exame médico;
  • Avaliação psicológica;
  • Curso de formação;
  • Prova de digitação (para o cargo de Escrivão);
  • Prova oral (para o cargo de Delegado);
  • Prova de títulos.

Além das vagas solicitadas para concurso, uma Medida Provisória aprovada por deputados e senadores criou 45 funções comissionadas e 471 gratificadas. Há ainda a expectativa de transformar 281 cargos do grupo-direção e assessoramento superiores (DAS) em 338 funções comissionadas e seis gratificadas do Poder Executivo.

9. Funasa

O último concurso FUNASA aconteceu em 2009, então já são quase 11 anos sem novas seleções. Apesar de todos os pedidos de autorização para novos certames terem sido negados, espera-se que sejam abertas 450 vagas. Isso porque a Fundação Nacional de Saúde está em déficit de funcionários. A seleção passada contou com 411 vagas imediatas para 35 cidades brasileiras.

Existe esperança na abertura de oportunidades para Agentes Administrativos com remuneração de R$ 3,7 mil. Há também a expectativa de cargos de nível superior que receberão em torno de R$ 5,2 mil. De acordo com editais passados, o concurso FUNASA conta com três etapas classificatórias:

  • Prova objetiva de conhecimentos gerais;
  • Prova discursiva de conhecimentos específicos;
  • Prova de títulos para nível superior.

10. Secretaria do Tesouro Nacional

A Secretaria do Tesouro Nacional (STN) fez um pedido para abertura de 120 vagas de nível superior no cargo de Auditor Federal de Finanças e Controle (AFFC) e aguarda a autorização do Ministério da Economia. Em 2019 houve uma solicitação para 60 vagas de técnicos, por isso o concurso STN é muito aguardado e expectativa para um novo edital é alta.

O déficit ultrapassa 1,5 mil servidores nas funções citadas. De acordo com editais anteriores, as remunerações podem chegar a R$ 7.309,13 e R$ 19,6 mil, considerando os reajustes. O último certame foi realizado em 2012 e contava com 255 vagas para o atual AFFC.

...

Então, concuseiro, fique ligado nas atualizações dos concursos nacionais mais esperados e continue estudando para estar sempre pronto.

Isadora Tristão
Redatora
Nascida na cidade de Goiânia e formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás, hoje, é redatora no site "Concursos no Brasil". Anteriormente, fez parte da criação de uma revista voltada para o público feminino, a Revista Trendy, onde trabalhou como repórter e gestora de mídias digitais por dois anos. Também já escreveu para os sites “Conhecimento Científico” e “KoreaIN”. Em 2018 publicou seu livro-reportagem intitulado “Césio 137: os tons de um acidente”, sobre o acidente radiológico que aconteceu na capital goiana no final da década de 1980.

Compartilhe

Comentários

Especial Auxílio Emergencial

Veja mais »