Concurso do IBAMA: boa pedida para o nível médio

Salário um pouco acima dos R$ 2,5 mil e vagas distribuídas entre diversos Estados. Eis alguns dos atrativos do concurso do Ibama. Se pensa em participar, leia nossas dicas.

Para candidatos com ensino médio que aguardavam uma boa alternativa em matéria de concursos federais, eis que surge o Ibama, que acaba de abrir seleção para preencher 300 vagas. As chances são para o cargo de Técnico Administrativo, que oferece remuneração de R$ 2.580,72, já incluídos a gratificação de desempenho de atividade de especialista ambiental e o auxílio-alimentação.

No ato da inscrição, o candidato deverá optar por uma das cidades com oferta de vagas, dentre as quais Belém (PA), Boa Vista (RR), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Macapá (AP), Maceió (AL), Palmas (TO), Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA), São Paulo (SP), Teresina (PI) e Vitória (ES), além, claro, de Brasília (DF), para onde foi reservada a maior parte das vagas.

As despesas básicas do Concurso Ibama

A primeira vantagem da seleção do Ibama é a relação custo/benefício para os candidatos que decidiram participar "de última hora". Estamos em meados de agosto e as provas serão em outubro, portanto, têm-se aí praticamente dois meses de preparação, tempo suficiente para que tais candidatos pelo menos adquiram o material básico de estudo, na forma de módulo/apostila ou similar, que podem ser encontradas por preços atrativos. Se o candidato tem computador à disposição e prefere material de estudo digitalizado, significa que poderá gastar bem menos nesse quesito, graças às apostilas digitais, que reduzem o preço em cerca de 40%, em relação ao material impresso. Saiba mais a este respeito lendo o informe Apostila específica para o cargo de Técnico Administrativo do Ibama

A outra vantagem nessa linha é o valor da taxa de inscrição para este certame, que é de apenas R$ 55,00, nada sufocante em tempos de taxas bem mais salgadas.

Tudo isso significa - numa visão fria e calculista ou calculada que todo concurseiro precisa ter - que os muitos candidatos que estão com a expectativa de ganhar experiência nesta seleção  poderão participar dela sem medo de gastar em vão. Encarar a empreitada como investimento é a regra, mais uma vez.

Tomando com base um caso bem peculiar, entrará outra despesa aí. Por exemplo, um candidato que more em Feira de Santana (Ba) e queira disputar uma das 15 vagas reservadas para a Bahia, vai ter que somar às suas despesas cerca de R$ 35 - 55 referentes ao translado que fará no dia das provas para a capital, Salvador, que será o local de provas na Bahia.

Resumo de tudo até aqui: provavelmente entre R$ 120 e R$ 165, fora alimentação e pequenos "reparos logísticos" individuais.

O tipo de prova

 As provas do concurso serão Objetiva de Conhecimentos Básicos e Objetiva de Conhecimentos específicosa, de caráter eliminatório e classificatório, com duração de 3 horas e 30 minutos e no turno da tarde (outra vantagem para quem precisaria acordar bem cedo). Trata-se de uma relativa vantagem em relação a outros certames o fato de o Cespe/UnB não cobrar redação ou prova discursiva na seleção. O candidato terá uma preocupação a menos.

O edital lembra que "será reprovado nas provas objetivas e eliminado do concurso público o candidato que se enquadrar em pelo menos um dos itens a seguir:

a) obtiver nota inferior a 10,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Básicos P1;

b) obtiver nota inferior a 21,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Específicos P2;

c) obtiver nota inferior a 36,00 pontos no conjunto das provas objetivas".

Exigência de nível médio: um chamariz para os candidatos com nível superior

Esta é uma das principais desvantagens dos concursos de amplitude nacional, apontada por 9 em cada 10 analistas: pelo fato de ser uma seleção para candidatos de nível médio, a quantidade de gente com nível superior que irá participar será muito grande. Por um lado vai constranger muitos a não participar, por outro pode até estimular. Fico com a segunda alternativa: quem tiver ensino médio não deve se abater!


O conteúdo programático

Levando em conta a vantagem de não ser cobrada prova discursiva, o conteúdo programático pode ser considerado relativamente leve, princpalmente para quem já vem há algum tempo lidando com matérias parecidas de outros concursos.

Reza o edital que "os itens das provas poderão avaliar habilidades que vão além do mero conhecimento memorizado, abrangendo compreensão, aplicação, análise, síntese e avaliação, com o intuito de valorizar a capacidade de raciocínio". Então, não vai bastar estudar o conteúdo focando em decorar (até porque não poderá ser muito produtiva essa tática).

Confira os conteúdos por matérias, de acordo com o edital:

I LÍNGUA PORTUGUESA: 1 Compreensão e interpretação de textos. 2 Tipologia textual. 3 Ortografia oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6 Emprego/correlação de tempos e modos verbais 7 Emprego do sinal indicativo de crase. 8 Sintaxe da oração e do período. 9 Pontuação. 10 Concordância nominal e verbal. 11 Regência nominal e verbal. 12 Significação das palavras. 13 Redação de Correspondências oficiais (Manual de Redação da Presidência da República). 13.1 Adequação da linguagem ao tipo de documento. 13.2 Adequação do formato do texto ao gênero.

II NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 1 Conceitos fundamentais de informática. 1.1 Organização, arquitetura e componentes funcionais (hardware e software) de computadores. 2 Sistema operacional: ambientes Linux e Windows. 3 Redes de computadores: princípios e fundamentos de comunicação de dados. 3.1 Conceitos de Internet e Intranet. 3.2 Utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados a Internet e Intranet. 4 Ferramentas e aplicativos de navegação, de correio eletrônico, de busca e pesquisa. 5 Aplicativos para edição de textos e planilhas, geração de material escrito e multimídia (BrOffice e Microsoft Office). 6 Conceitos básicos de segurança da informação. 6.1 Procedimentos de cópias de segurança. 7 Conceitos de organização e de gerenciamento de informações, arquivos, pastas e programas. 8 Software livre. III ATUALIDADES: Tópicos relevantes e atuais de diversas áreas, tais como política, economia, sociedade, educação, meio ambiente, desenvolvimento sustentável e ecologia.

IV MATEMÁTICA: 1 Álgebra linear 1.1 Conjunto numérico: operações com números inteiros, fracionários e decimais. 2 Proporções e divisão proporcional. 3 Regras de três simples e composta. 4 Porcentagem. 5 Juros simples e compostos; capitalização e descontos. 6 Taxas de juros: nominal, efetiva, equivalentes, proporcionais, real e aparente.

V ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO: 1 Ética e moral: princípios e valores. 2 Ética e democracia: exercício da cidadania. 3 Ética no setor público. 3.1 Decreto nº 1.171/1994 (Código de Ética). 3.2 Lei nº 8.429/1992:
disposições gerais; atos de improbidade administrativa.

12.2.1.2 CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

I NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL: 1 Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, emendas constitucionais e emendas constitucionais de revisão: princípios fundamentais. 2 Aplicabilidade das normas constitucionais. 2.1 Normas de eficácia plena, contida e limitada. 2.2 Normas programáticas. 3 Direitos e garantias fundamentais. 3.1 Direitos e deveres individuais e coletivos. 3.2 Direitos sociais. 3.3 Direitos de nacionalidade. 3.4 Direitos políticos. 4 Organização político-administrativa: competências da União, Estados, Distrito Federal e Municípios. 5 Administração pública. 5.1 Disposições gerais. 5.2 Servidores públicos. 6 Poder executivo: das atribuições e responsabilidades do presidente da república. 7. Artigo 225 da Constituição Federal (Meio ambiente).

II NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO: 1 Administração pública: princípios básicos. 2 Poderes administrativos. 2.1 Poder vinculado 2.2 Poder discricionário. 2.3 Poder hierárquico. 2.4 Poder disciplinar. 2.5 Poder regulamentar. 2.6 Poder de polícia. 2.7 Uso e abuso do poder. 3 Serviços públicos: conceito e princípios. 4 Características básicas das organizações formais modernas: tipos de estrutura organizacional, natureza, finalidades e critérios de departamentalização. 5 Processo organizacional: planejamento, direção, comunicação, controle e avaliação. 6 Organização administrativa: centralização, descentralização, concentração e desconcentração. 7 Ato administrativo. 7.1 Conceito, requisitos e atributos. 7.2 Anulação, revogação e convalidação. 7.3 Discricionariedade e vinculação. 8 Contratos administrativos: conceito e características. 9 Lei nº 8.666/1993 e suas alterações (normas para licitações e contratos). 10 Lei nº 10.520/2002 e Decreto nº 5.504/2005 (pregão). 11 Servidores públicos: cargo, emprego e função públicos. 12 Lei nº 8.112/1990 e suas alterações (regime jurídico dos servidores públicos civis da União). 12.1 Disposições preliminares. 12.2 Provimento, vacância, remoção, redistribuição e substituição. 12.3 Direitos e vantagens: do vencimento e da remuneração. 12.4 Vantagens. 12.5 Férias 12.6 Licenças 12.7 Afastamentos. 12.8 Concessões de tempo de serviço 12.9 Direito de petição. 12.10 Regime disciplinar: dos deveres e proibições. 12.11 Acumulação. 12.12 Responsabilidades. 12.13 Penalidades. 12.14 Processo administrativo disciplinar. 13. Lei nº 9.784/1999 (processo administrativo). 14 Lei Complementar nº 140/2011 (competências ambientais). 15 Decreto nº 2.271/1997 (contratação de serviços).

III LEGISLAÇÃO DO SETOR DE MEIO AMBIENTE (IBAMA): 1 Lei nº 6.938/1981 (política nacional do meio ambiente). 2 Lei nº 7.735/1989 (criação do IBAMA). 3 Decreto nº 6.099/2007 (estrutura regimental do Ibama). 4 Lei nº 9.605/1998 (crimes ambientais).

IV NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO, ORÇAMENTO, FINANÇAS E CONTABILIDADE PÚBLICA: 1 Orçamento público. 1.1 Elaboração, acompanhamento e fiscalização. 1.2 Créditos adicionais, especiais, extraordinários, ilimitados e suplementares. 1.3 Plano plurianual. 1.4 Projeto de lei orçamentária anual: elaboração, acompanhamento e aprovação. 1.5 Princípios orçamentários. 1.6 Diretrizes orçamentárias. 1.7 Processo orçamentário. 1.8 Métodos, técnicas e instrumentos do orçamento público. 1.9 Normas legais aplicáveis ao orçamento público. 1.10 Receita pública: categorias, fontes, estágios. 1.11 Dívida ativa. 1.12 Despesa pública: categorias, estágios. suprimento de fundos. 1.13 Restos a pagar. 1.14 Despesas de exercícios anteriores. 1.15 Conta única do Tesouro. 2 Conceitos básicos de SIAPE, SIAFI, SIASG, SCDP e CADIN. 3 Noções de administração de recursos materiais. 3.1 Classificação de materiais. 3.1.1 Atributos para classificação de materiais. 3.1.2 Tipos de classificação. 3.1.3 Metodologia de cálculo da curva ABC. 3.2 Gestão de estoques. 3.3 Compras. 3.3.1 Organização do setor de compras. 3.3.2 Etapas do processo. 3.3.3 Perfil do comprador. 3.3.4 Modalidades de compra. 3.3.5 Cadastro de fornecedores. 3.4 Compras no setor público. 3.4.1 Objeto de licitação. 3.4.2 Edital de licitação. 3.5 Recebimento e armazenagem. 3.5.1 Entrada. 3.5.2 Conferência. 3.5.3 Objetivos da armazenagem. 3.5.4 Critérios e técnicas de armazenagem. 3.6 Distribuição de materiais. 3.6.1 Características das modalidades de transporte. 3.6.2 Estrutura para distribuição. 3.7 Gestão patrimonial. 3.7.1 Tombamento de bens. 3.7.2 Controle de bens. 3.7.3 Inventário. 3.7.4 Alienação de bens. 3.7.5 Alterações e baixa de bens. 4 Gestão da qualidade e modelo de excelência gerencial. 4.1 Principais teóricos e suas contribuições para a gestão da qualidade. 4.2 Ciclo PDCA. 4.3 Ferramentas de gestão da qualidade. 4.4 Modelo do gespública.

V NOÇÕES DE GESTÃO DE PESSOAS: 1 Conceitos, importância, relação com os outros sistemas de organização. 2 A função do órgão de gestão de pessoas. 2.1 Atribuições básicas e objetivos. 2.2 Políticas e sistemas de informações gerenciais. 3 Comportamento organizacional: relações indivíduo/organização, motivação, liderança, desempenho. 4 Competência interpessoal. 5 Gerenciamento de conflitos. 6 Clima e cultura organizacional 7 Recrutamento e seleção: técnicas e processo decisório. 8 Avaliação de desempenho: objetivos, métodos, vantagens e desvantagens. 9 Desenvolvimento e treinamento de pessoal: levantamento de necessidades, programação, execução e avaliação. 10 Gestão por competências. 11 Qualidade no atendimento ao público: comunicabilidade, apresentação, atenção, cortesia, interesse, presteza, eficiência, tolerância, discrição, conduta, objetividade. 12 Lei nº 11.788/2008 (estágio supervisionado). 13 Lei nº 10.410/2002 (criação da carreira de especialista em meio ambiente. 14 Lei nº 11.156/2005 (criação da GDAEM). 15 Decreto nº 7.133/2010 (avaliação de desempenho individual. 16 Decreto nº 7.203/2010 (vedação do nepotismo). 17 Decreto nº 5.707/2006 (desenvolvimento de pessoal).

VI NOÇÕES DE ARQUIVOLOGIA: 1 Conceitos fundamentais de arquivologia. 2 Gerenciamento da informação e gestão de documentos. 2.1 Diagnósticos. 2.2 Arquivo corrente e intermediário. 2.3 Classificação, arquivamento e ordenação de documentos. 2,4 Avaliação de documentos 2.5 Arquivo permanente. 3 Tipologias documentais e suportes físicos. 3.1 Microfilmagem. 3.2 Automação. 3.3 Preservação, conservação e restauração de documentos. 4 Protocolo: recebimento, registro, distribuição, tramitação e expedição de documentos. 5 Lei nº 12.527/2011 e Decreto nº 7.724/2012 (acesso a informações).

Cronograma semanal de estudos

Como sugestão para aproveitamento de tempo, deixamos a tabela que se segue, para que o candidato possa ajustá-la à sua disponibilidade, durante os próximos cerca de 60 dias que se seguirão até a prova. Listamos apenas os dias da semana, mas o candidato poderá desenvolver a linha de estudos no turno de sua preferência, por exemplo: manhã (08 às 12), tarde (14 às 18) ou noite (19 às 00). Confira e boa sorte!

DiaAssuntos
SegundaLEGISLAÇÃO DO SETOR DE MEIO AMBIENTE (IBAMA) e NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO
TerçaLÍNGUA PORTUGUESA e NOÇÕES DE ARQUIVOLOGIA
QuartaNOÇÕES DE INFORMÁTICA e MATEMÁTICA
QuintaÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO e NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL
SextaNOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO, ORÇAMENTO, FINANÇAS E CONTABILIDADE PÚBLICA : e NOÇÕES DE GESTÃO DE PESSOAS
SábadoREVISÃO DOS ASSUNTOS COM OS QUAIS O CANDIDATO SENTIU MAIS DIFICULDADE AO LONGO DA SEMANA OU RESOLUÇÃO DE PROVAS ANTERIORES

Compartilhe

Comentários

Mais Dicas