Expandir Menu PrincipalPesquisarPor Estado

Dicas para passar no concurso do Banco do Brasil

Dicas de estudos e novidades sobre o concurso do Banco do Brasil.

Publicado em 10/08/2015 - 12h32 • Comunicar erro

Já está publicado mais um edital para realização de concurso no Banco do Brasil (BB). As 860 oportunidades oferecidas são para o cargo de Escriturário, que é a porta de entrada na instituição, com futura lotação em diversos Estados. Quem estiver interessado, tem duas opções interessantes: a primeira é não parar os estudos, uma vez que existe farto material disponível e agora já se pode atualizar o programa, que teve leves alterações; a segunda é uma direta para quem ainda vai começar a estudar: não perca mais tempo!

As seleção será organizada novamente pela Cesgranrio e irá avaliar os candidatos por meio de Prova Objetiva, mas também por Prova de Redação. Será dado enfoque a áreas como técnicas de vendas, domínio positivo da informática, atendimento e outras.

Muitos cursinhos preparatórios em todo o país, online ou não, já estão com bastantes turmas, embora as vagas a serem preechidas estejam contemplando apenas alguns estados. Este é o momento certo para ingressar numa dessas escolas preparatórias e se dedicar ao máximo nos estudos, comprando apostilas, acessando livros em bibliotecas físicas ou virtuais, estudando em grupos, enfim, "correndo atrás do prejuízo".

Devido à grande procura, os candidatos sabem que estarão participando de um concurso no qual as chances de garantir uma vaga para ser incluído nesse cadastro reserva são cada vez menores. Isso não deve servir para o candidato como um desestímulo, mas apenas para lembrá-lo que se sairá melhor aquele que melhor ter aproveitado todo esse tempo de previsão do concurso.

Leia também: Dicas de Informática para o Concurso Banco do Brasil

Para a direção do banco, as mudanças na forma de avaliar inserem a instituição nas tendências da sociedade moderna, uma vez que é preciso treinar cada vez mais o pessoal para a solução dos desafios diários que se apresentam no âmbito do setor bancário, especialmente na área de serviços aos clientes.

Cassia Antonioli, do curso IOB Concursos, adverte que neste concurso os candidatos não costumam dar a devida atenção aos assuntos relacionados a Atendimento (essencial) e Marketing. "Isso porque as matérias mais comuns como Atendimento Bancário e Língua Portuguesa sempre recebem mais atenção. E em concursos concorridos como são os do Banco do Brasil, as pessoas pecam justamente onde acham que podem ser sair bem", ressalta.

Outro exemplo citado por Antonioli é Inglês: 90% dos candidatos acham que sabem alguma coisa do idioma, mas quando chegam na prova, dão aquele vexame. "Do ponto de vista estratégico, ainda falta aos estudantes crer que todo ano sai um novo edital para o BB. Com fé nessa crença, estudar antes mesmo do concurso ser autorizado seria de grande importância!", afirma.

A professora também enfatiza que não há como não pensar em gabaritar as principais disciplinas, como Língua Portuguesa, Conhecimentos Bancários e Informática. "Explico: como são o foco geral de todo leigo, são disciplinas que elevarão a nota de corte da prova como um todo. Daí que o candidato que precisa e quer (sim, tem diferença!) ser aprovado, sabe que a verdadeira disputa começa depois do resultado perfeito nas questões dessas disciplinas".

O curso Alfacon destaca que, de acordo com a última prova aplicada em fevereiro de 2015, a inovação veio na exigência da disciplina de Inglês, o que exigiu do aluno um conhecimento mais aprofundado, levando em consideração um cargo de nível médio. A disciplina de Informática também foi cobrada de forma diferenciada, pois as questões foram elaboradas a fim de aferir um conhecimento mais aprofundado, diferente das questões exigidas em cargos de nível médio.

Rotina de estudos - plano geral

Como rotina de estudos geral, os professores do IOB Concursos concordam que um bom plano de estudos tem que conter:

- A separação do tempo de estudo até a prova, fragmentado na mesma proporção do peso das disciplinas. Se o concurso não tem peso, com a análise do número médio de questões por disciplina das 3 últimas provas;
- Ter aulas / assistir a video aulas com professores especializados no concurso;
- Estudar as leis que são cobradas pelo edital;
- Uma vez por semana, revisar tudo o que foi estudado durante os 7 dias que passaram;
- Uma vez por mês, revisar o conteúdo mais importante daqueles 30 dias;
- Todo domingo pela manhã, simular provas de igual grau de dificuldade.

Candidatos

O candidato e administrador de empresas Marcos Vinícius Barbosa Peixinho informou-nos que, da mesma forma que no edital anterior, "a redação será um critério de seleção importante, no entanto, nada que com disciplina e estudo não seja superado". O mesmo conselho continua válido para este novo certame. Com base na sua vivência nesse tipo de concurso, Peixinho recomenda, portanto, que os candidatos estudem pelo menos duas matérias por dia, uma que tenha facilidade e outra que não tenha tanto assim. "Esta forma de estudar me ajudou demais a ter meu nome na lista de aprovados", lembra o administrador.

E para os que talvez se encontram desanimados com a seleção, vale lembrar o que o próprio diretor de gestão de pessoas do BB, Carlos Neto, nos lembrou tempos atrás, ao falar deste concurso: o banco está interessado em pessoas que realmente possuam uma característica essencial, chamada virtude. Segundo ele, essa característica tem tudo a ver com o planejamento e a execução daquilo que foi traçado, algo que extrapola a questão da sorte ou do azar, ou mesmo do destino. Assim, a virtude do candidato deve prevalecer durante todo o período pré-seleção: ou seja, se você se inscreveu, pague a taxa; se pagou, estude, prepare-se, use o tempo a seu favor, não delegue para ninguém aquilo que necessita ser enfrentado por você mesmo. Fica a dica.

 Antes de corrigir algum trecho deste texto ou dos comentários abaixo, leia este artigo

Tópico: Banco do Brasil

Sobre o Autor/Blog

Dicas sobre concursos públicos. Artigos, reportagens especiais e materiais de estudo que vão ajudar na sua preparação. Fale com a redação: Alberto Vicente Silva (alberto@concursosnobrasil.com.br)

Deixe a sua opinião