Conhecendo melhor seu estilo de aprendizagem

Visual, auditivo ou cinestésico, cada um tem seu jeito próprio de aprender. Qual é o seu e como você pode melhorar o seu projeto?

Estilos de aprendizagem são preferências que todos temos ao aprender algo novo ou estudar para uma prova. Neste aspecto, as pessoas podem ser auditivas, visuais ou cinestésicas. Não há estilo melhor ou pior, trata-se de reconhecer o seu jeito preferido de aprender e usar melhor seu tempo com o que é mais efetivo para você. Há outras tipologias e conceitos em relação ao isso, com muitos autores e pesquisadores sobre o assunto. No artigo “Dica de Coach para aprimorar seus estudos” apresentamos alguns conceitos de estilos de aprendizagem e convidamos você para dar o primeiro passo e descobrir seu estilo. 

Existem alguns testes no mercado onde algumas perguntas são colocadas e que, conforme as respostas, direcionam o estilo da pessoa. Veja aqui um teste simples. Assim que descobrir seu estilo principal, veja a seguir algumas dicas de como aproveitar melhor suas horas de estudo.  

Os VISUAIS são aquelas pessoas que aprendem melhor ao ver, tomando notas do que está sendo ensinado e grifando as informações mais importantes. O que distrai os visuais: excesso de imagens, qualquer coisa que se mexa, que passe pelo seu campo visual. Precisam de silêncio para estudar. Seu método de aprendizagem deve incluir: assistir vídeos e filmes, desenhar esquemas e fichas de resumo, pesquisas de conteúdo, visitar exposições, preparar relatórios sobre o que viu e aprendeu, fazer fotos e imagens. Gostam de ilustrações, diagramas e figuras e estudam melhor decompondo o todo em partes. Gostam de instruções por escrito, mapas e infográficos. Memorizam melhor rostos, imagens e gráficos, copiando o que está no quadro, colorindo, sublinhando e circulando palavras-chave nas apostilas e livros.  

Os AUDITIVOS aprendem melhor ouvindo uma aula expositiva ou palestra. O que distrai os auditivos: qualquer ruído, barulho, pessoas conversando, música. Seu método de aprendizagem deve incluir leitura em voz alta, gravação de sua própria voz lendo suas anotações, audiolivros, participar de grupos de discussão em grupo e dar aulas para os demais sobre o que aprendeu. Estudam melhor quando recebem instruções passo a passo de como resolver determinada questão. Gostam de ouvir as instruções que devem ser seguidas, fazem perguntas e pedem orientações aos professores e amigos. Memorizam melhor nomes e conceitos.  

Os CINESTÉSICOS aprendem melhor quando fazem exercícios, preenchem questionários e testes, montam quebra-cabeças, nos laboratórios, com jogos, simulações e experiências práticas e problemas da vida real. O que distrai os cinestésicos: ruídos e imagens em demasia podem confundir sua atenção, assim como ficar muito tempo parado num mesmo lugar. Gostam de demonstrar e fazer junto as instruções, usam sua intuição quando não tem muita certeza do que fazer. Seu método de estudo deve incluir aulas práticas, trabalho em grupo, preparar apresentações e pesquisas a campo, visitar lugares históricos e museus, viagens e excursões. Usam as mãos como forma de aprender a fazer uma receita ou um experimento. Estudam melhor saindo da rotina, com movimento, atividades criativas e dinâmicas. Memorizam melhor coisas que faz.  

O ser humano é muito complexo e cada um tem seu jeito particular de aprender. Portanto, você pode apresentar um estilo com mais frequência ou então usar diferentes estilos dependendo da situação ou até mesmo usar todos. Vale a pena experimentar estilos que você não esteja tão acostumado naquelas matérias mais difíceis, variar os métodos de aprendizagem ao longo do dia e perceber o que funciona melhor para você.  

Fica aqui meu convite: experimente. Não basta ler. É preciso praticar.  

Cibele Nardi

Compartilhe

Comentários

Mais Guia do Concurseiro

Especial Concurso BB

Veja mais »