Concurso TJ AP: previsão para edital de níveis médio e superior

Está sendo decidido no Tribunal de Justiça do Amapá um novo concurso TJ AP para diminuir o déficit no número de servidores. Veja mais.

concurso TJ AP: fachada do tribunal de justiça do amapá

A aprovação do certame está sendo debatida. - Foto: Wikimedia Commons

Há grande expectativa para um novo concurso TJ AP (Tribunal de Justiça do Amapá), uma vez que o órgão tem um déficit de mais de 200 servidores.

Espera-se que abram vagas para nível superior no cargo de Analista Judiciário e de nível médio na função de Técnico Judiciário. A proposta foi pauta de Sessão do Pleno Administrativo no dia 19 de agosto de 2020.

Situação do concurso TJ AP

O responsável por encaminhar a proposta de realização de um novo concurso TJ AP foi o presidente do Tribunal de Justiça do Amapá, João Guilherme Lages Mendes. A determinação do Pleno Administrativo foi passar os estudos para a Corregedoria-Geral do Estado, que deverá dar uma posição nos próximos 30 dias. Enquanto isso, a ideia de um novo concurso TJ AP deverá ser discutida nos comitês antes de retornar ao Pleno para aprovação.

Atualmente, o Tribunal de Justiça do Amapá conta com 234 cargos vagos e prevê o ingresso no Programa de Aposentadoria Incentivada de outros 100 servidores. Além disso, estima-se que 224 funcionários poderão se aposentar até 225.

Veja a publicação:

Os rumores do concurso TJ AP cresceram com o fim da validade do certame anterior, realizado em 2014.

No início de 2020 também foi autorizada uma seleção para Juiz Substituto.

Concurso TJ AP: cargos e remunerações

No Portal da Transparência do Tribunal do Justiça do Amapá estão disponíveis tabelas que mostram as remunerações iniciais, variando entre R$ 2.729,77 e R$ 3.551,34. Vale ressaltar também que o Plano de Cargos e Salários do TJ AP não contempla gratificações de atividade especial ou superior.

No entanto, existe a previsão de pagamento de Adicional de Qualificação (AQ), que está aguardando regulamentação e disponibilidade orçamentária e financeira para ser efetivada.

Dessa forma, os cargos esperados no concurso TJ AP e as respectivas remunerações são de;

  • Analista Judiciário (nível superior): entre R$ 3.551,34 e R$ 7.694,16;
  • Técnico Judiciário (nível médio): entre R$ 2.729,77 e R$ 5.914,23.

Último Concurso TJ AP

O último concurso TJ AP aconteceu em 2014 e foi homologado em 2015. A Fundação Carlos Chagas foi responsável pelo certame que ofertava 100 vagas para Analista e Técnico Judiciário em diferentes especialidades. Na época, mais de 27 mil pessoas se inscreveram, sendo 3.038 para nível superior e 13.275 para nível médio.

A seleção contou com provas objetivas de conhecimentos gerais e específicos para todos os candidatos e prova prática para Taquígrafos.

Foram aprovados 450 candidatos e, até dezembro de 2018, 25 pessoas já haviam sido nomeadas. O concurso TJ AP teve validade de dois anos e foi prorrogado por mais dois, sendo finalizado em 2019.

Concurso TJ AP: etapas

Considerando o edital passado, é provável que o novo concurso TJ AP realize as mesmas etapas. Dessa forma, a prova objetiva pode abordar questões de múltipla escolha acerca dos seguintes temas:

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico-Matemático;
  • Noções de Direito Constitucional;
  • Noções de Direito Administrativo;
  • Noções de Direito Civil;
  • Noções de Direito Processual Civil;
  • Noções de Direito Penal;
  • Noções de Direito Processual Penal.

Vale ressaltar que as questões de Direito estão na área de conhecimentos específicos, portanto variam de acordo com o cargo pretendido. Segundo o edital do concurso TJ AP de 2014, as questões das disciplinas de conhecimentos gerais têm peso 1, enquanto conhecimentos específicos têm peso 3.

Havendo oferta para a especialidade de Taquigrafia, é possível que seja realizada também uma prova prática. Nesse caso, levando em conta o último concurso TJ AP, a avaliação pode acontecer da seguinte maneira:

  • Fazer registro taquigráfico de texto a ser previamente sorteado e ditado em velocidade variável e crescente, de 80 a 90 palavras por minuto;
  • Decifrar texto em microcomputador PC no prazo de 1 hora.

O que estudar para o concurso TJ AP

Agora que você já sabe quais temas devem cair no concurso TJ AP, confira o que estudar para a prova:

Língua Portuguesa

  • Ortografia oficial;
  • Acentuação gráfica;
  • Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação;
  • Conjunção;
  • Emprego de tempos e modos verbais;
  • Vozes do verbo;
  • Concordância nominal e verbal;
  • Flexão nominal e verbal;
  • Regência nominal e verbal;
  • Ocorrência de crase;
  • Pontuação;
  • Redação: confronto e reconhecimento de frases corretas e incorretas;
  • Intelecção de texto.

Raciocínio Lógico-Matemático

  • Estrutura lógica de relações arbitrárias entre pessoas, lugares, objetos ou eventos fictícios; deduzir novas informações das relações fornecidas e avaliar as condições usadas para estabelecer a estrutura daquelas relações;
  • Compreensão e elaboração da lógica das situações por meio de: raciocínio verbal, raciocínio matemático, raciocínio sequencial, orientação espacial e temporal, formação de conceitos, discriminação de elementos;
  • Compreensão do processo lógico que, a partir de um conjunto de hipóteses, conduz, de forma válida, a conclusões determinadas.

Direito Constitucional

  • Princípios fundamentais constitucionais;
  • Da aplicabilidade e interpretação das normas constitucionais: vigência e eficácia das normas constitucionais;
  • Controle de constitucionalidade: sistemas difuso e concentrado; ação direta de inconstitucionalidade; ação declaratória de constitucionalidade e arguição de descumprimento de preceito fundamental;
  • Dos direitos e garantias fundamentais: dos direitos e deveres individuais e coletivos; dos direitos sociais; dos direitos de nacionalidade; dos direitos políticos;
  • Da organização político-administrativa: das competências da União, Estados e Municípios;
  • Da Administração Pública: disposições gerais; dos servidores públicos;
  • Da organização dos Poderes. 8 Do Poder Executivo: das atribuições e responsabilidades do presidente da república;
  • Do Poder Legislativo: da fiscalização contábil, financeira e orçamentária;
  • Do Poder Judiciário: disposições gerais; do Supremo Tribunal Federal; do Superior Tribunal de Justiça; dos Tribunais Regionais Federais e dos Juízes Federais; dos Tribunais e Juízes do Trabalho; dos Tribunais e Juízes dos Estados;
  • Das funções essenciais à Justiça: do Ministério Público; da Advocacia Pública: da Advocacia e da Defensoria Públicas.

Direito Administrativo

  • Princípios da Administração pública;
  • Poderes administrativos: poder normativo, disciplinar e hierárquico; poder de polícia; uso e abuso do poder;
  • Serviços Públicos: conceito e princípios; delegação: concessão, permissão e autorização;
  • Ato administrativo: conceito, requisitos e atributos; anulação, revogação e convalidação; elementos; discricionariedade e vinculação;
  • Organização administrativa: administração direta e indireta; centralizada e descentralizada; autarquias, fundações, empresas públicas e sociedades de economia mista;
  • Órgãos públicos: conceito, natureza e classificação;
  • Servidores públicos: cargo, emprego e função públicos;
  • Contratos;
  • Controle Externo e Controle Interno da Administração: controle administrativo; controle judicial; controle legislativo; responsabilidade civil do Estado;
  • Improbidade administrativa (Lei nº 8.429/1992);
  • Lei nº 066/93 e alterações posteriores, Regimento Interno do TJAP e Decreto nº 069/91 (Lei da Organização Judiciária do TJAP).

Direito Civil

  • Lei e eficácia da lei;
  • Aplicação da lei no tempo e no espaço;
  • Interpretação da lei;
  • Lei de Introdução às normas do Direito Brasileiro;
  • Das Pessoas Naturais: Da Personalidade e Da Capacidade; Dos Direitos da Personalidade;
  • Das pessoas jurídicas;
  • Domicílio Civil;
  • Bens;
  • Dos Fatos Jurídicos: Dos negócios jurídicos; Dos atos jurídicos lícitos; Dos Atos Ilícitos;
  • Prescrição e decadência;
  • Dos Direitos das Obrigações;
  • Da Responsabilidade Civil;
  • Do Penhor, Da Hipoteca e Da Anticrese;
  • Dos Contratos: Das Disposições Gerais; Da Compra e Venda; Da Prestação de Serviço; Do Mandato; Da Transação. Da Empreitada.

Direito Processual Civil

  • Da jurisdição e da ação: conceito, natureza e características; das condições da ação;
  • Das partes e procuradores: da capacidade processual e postulatória; dos deveres e da substituição das partes e procuradores;
  • Do litisconsórcio e da assistência;
  • Da intervenção de terceiros: oposição, nomeação à autoria, denunciação à lide e chamamento ao processo;
  • Do Ministério Público;
  • Da competência: em razão do valor e da matéria; competência funcional e territorial; modificações de competência e declaração de incompetência;
  • Do Juiz;
  • Dos atos processuais: da forma dos atos; dos prazos; da comunicação dos atos; das nulidades;
  • Da formação, suspensão e extinção do processo;
  • Do processo e do procedimento: dos procedimentos ordinário e sumário
  • Do procedimento ordinário: da petição inicial: requisitos, pedido e indeferimento;
  • Da resposta do réu: contestação, exceções e reconvenção;
  • Da revelia;
  • Do julgamento conforme o estado do processo;
  • Das provas: ônus da prova; depoimento pessoal; confissão; provas documental e testemunhal;
  • Da audiência: da conciliação e da instrução e julgamento;
  • Da sentença e da coisa julgada;
  • Da liquidação e do cumprimento da sentença;
  • Da ação rescisória;
  • Dos recursos: das disposições gerais;
  • Do processo de execução: da execução em geral; das diversas espécies de execução: execução para entrega de coisa, execução das obrigações de fazer e de não fazer;
  • Dos embargos do devedor;
  • Da execução por quantia certa contra devedor solvente;
  • Da remição;
  • Da suspensão e extinção do processo de execução;
  • Do processo cautelar: das medidas cautelares; das disposições gerais; dos procedimentos cautelares específicos: arresto, sequestro, busca e apreensão, exibição e produção antecipada de provas;
  • Dos procedimentos especiais: ação de consignação em pagamento; embargos de terceiro; ação monitória;
  • Informatização do Processo Judicial (Lei nº 11.419/2006).

Direito Penal

  • Princípios de Direito Penal;
  • Da aplicação da lei penal;
  • Do Crime;
  • Excludentes de ilicitude;
  • Da imputabilidade penal;
  • Do concurso de pessoas;
  • Das Penas: Das espécies de pena; Da cominação das penas; Dos efeitos da condenação;
  • Da Ação penal;
  • Da extinção da punibilidade;
  • Dos crimes contra a fé pública: Da falsidade documental. Dos crimes contra a Administração Pública: Dos crimes praticados por funcionário público contra a administração em geral; Dos crimes praticados por particular contra a administração em geral; Dos crimes contra a administração da Justiça;
  • Abuso de autoridade (Lei nº 4.898/1965);
  • Dos crimes contra a honra;
  • Imunidade penal do parlamentar.

Direito Processual Penal

  • Princípios gerais: aplicação da lei processual no tempo, no espaço em relação às pessoas; sujeitos da relação processual;
  • Do Inquérito policial;
  • Da ação penal;
  • Da competência;
  • Da prova: Do exame de corpo de delito e das perícias em geral; Do interrogatório do acusado; Das testemunhas; Dos documentos; Da busca e da apreensão;
  • Do Juiz, do Ministério Público, Do acusado e defensor, dos Assistentes e Auxiliares da Justiça;
  • Das espécies de prisão e da liberdade provisória;
  • Das citações e intimações;
  • Da sentença;
  • Das nulidades;
  • Dos recursos em geral: disposições gerais; do recurso em sentido estrito; da apelação; do habeas corpus e seu processo;
  • Dos Juizados Especiais Criminais (Lei nº 9.099/1995 e alterações posteriores e Lei nº 10.259/2001 e alterações posteriores);
  • Súmulas do STJ e do STF.

Compartilhe

Concursos por E-mail
Assine nosso boletim para receber Concursos Amapá diretamente no seu e-mail

Veja mais concursos abertos »