Concurso TRF 1ª Região: Edital e Inscrição

Tribunal Regional Federal da 1ª Região abre várias vagas para Analistas e Técnicos Judiciários do quadro de pessoal da Justiça Federal de 1º e 2º graus.

Foi divulgado o edital do concurso público do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, que compreende estados do Pará, Minas Gerais, Roraima, Mato Grosso, Goiás, Amapá, Amazonas, Tocantins, Rondônia, Acre, Bahia, Maranhão e Piauí, além do Distrito Federal. O concurso será coordenado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

De acordo com o edital, a iniciativa se destina ao provimento de cargos e formação de cadastro de reserva nos cargos de Analista Judiciário e Técnico Judiciário do quadro de pessoal da Justiça Federal de 1º e 2º graus, com oferta de 20 vagas e remuneração de R$ 6.376,41 e R$ 10.461,90, ambos com carga horária de 40 horas semanais.

Para candidatos de nível superior, as vagas são para Analista Judiciário nas áreas Administrativa, Judiciária, Informática, Taquigrafia e Oficial de Justiça Avaliador Federal. Já para os que possuem ensino médio completo as vagas são de Técnico Judiciário, que envolve as áreas Administrativa, Taquigrafia e Segurança e Transporte.

Apostilas TRF 1ª REGIÃO - ANALISTA JUDICIÁRIO (COMUM A TODAS AS ÁREAS) - TÉCNICO JUDICIÁRIO
(COMUM A TODAS AS ÁREAS) - ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA: ADMINISTRATIVA -  TÉCNICO JUDICIÁRIO - ÁREA: ADMINISTRATIVA

Será admitida a inscrição somente via internet, na página oficial do Cebraspe (http://www.cespe.unb.br/concursos/trf1_17_servidor), solicitada no período entre 13 de setembro e 03 de outubro de 2017. A taxa para o cargo de Analista Judiciário é de R$ 86,00 e para Técnico Judiciário, custa R$ 75,00.

Provas TRF 1

Como formas de seleção dos candidatos, serão realizadas provas objetivas (todos), prova discursiva, prova prática de acompanhamento taquigráfico e prova de aptidão física (conforme o cargo disputado). Todas essas etapas, além do procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros e a perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência, serão realizadas nas cidades de Belém, Belo Horizonte, Boa Vista, Brasília, Cuiabá, Goiânia, Macapá, Manaus, Palmas, Porto Velho, Rio Branco, Salvador, São Luís e Teresina.

As provas objetivas e a prova discursiva para todos os cargos serão aplicadas na data provável de 26 de novembro de 2017, em turnos e com durações diferenciadas. Os gabaritos oficiais preliminares serão divulgados dois dias após a aplicação.

O prazo de validade do concurso será de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

Edital foi divulgado no Diário Oficial da União (https://goo.gl/rJsrik) e todas as atualizações devem ser obrigatoriamente conferidas na página oficial do Cebraspe. 

***

Dicas para as provas TRF 1: Como estudar Raciocínio Lógico

Aritmética, álgebra, geometria, estruturas lógicas, frações, proporções, problemas etc. Em editais de concursos públicos o tema Raciocínio lógico pode englobar uma quantidade grande e imponente de assuntos. Isso assusta muitas vezes, mas o que fazer na hora de estudar?

Confira as dicas da professora Kellen Manoela para se dar bem nessas questões de prova.

Identifique o que é pedido no concurso

Antes de começar a estudar, leia o edital! Veja que assuntos serão cobrados e faça uma lista daqueles que você ainda não domina. A matemática é uma ciência que engloba uma quantidade muito grande de assuntos. Ela é ainda mais ampla que o que é pedido no edital do concurso. É importante identificar que fração da matemática precisa ser compreendida para a prova.

Aprenda a priorizar assuntos mais importantes

Todos os temas dentro da área de Raciocínio Lógico podem ser bem interessantes e até divertidos de se estudar. Seria muito bom aprender tudo para acertar todas as questões dessa área. Mas, infelizmente, você tem um tempo finito para se preparar para a prova. Dependendo da antecedência com a qual você começar a estudar é possível que você não tenha tempo para aprender totalmente todos os assuntos. Nesse caso o que fazer?

Sendo necessário escolher entre saber superficialmente todos os assuntos ou saber bem alguns tópicos opte pela segunda opção. Um conhecimento superficial em geral não é suficiente para chegar na resposta certa. Como as questões são de múltipla escolha o seu raciocínio inicial não é levado em conta, então é muito importante conseguir resolver corretamente todo o exercício.

Que assuntos escolher? Olhe as provas antigas para ver quais os temas que usualmente são cobrados no concurso em questão. Comece por esses temas que possuem maior probabilidade derem usados nas provas.

Organize-se

Faça um plano de estudos com metas semanais ou quinzenais. Separar a sua tarefa em metas menores tornará mais fácil avaliar o seu progresso.

Pratique

Essa é, provavelmente, a dica mais importante. Você já tentou aprender a tocar piano olhando um pianista? Lendo sobre teoria da música? Com a matemática o mesmo acontece. Ela é uma disciplina onde você só aprende fazendo.

Ler a teoria associada com cada um dos temas é um importante passo inicial, mas não deve ser o único passo. Para garantir que você vá conseguir colocar em prática a teoria você precisa resolver exercícios. Isso vai ajudar a lembrar e entender melhor a teoria.

Se possível resolva questões antigas do concurso buscado. As provas de concurso possuem um viés para o tipo de vaga aberto. É importante conhecer o contexto em que os problemas matemáticos podem aparecer.

Avalie o tempo de resolução

Em um concurso público não basta saber resolver um problema, é preciso ser rápido e resolvê-lo dentro do tempo da prova. Isso é algo que exige um certo treinamento. Faça simulados marcando o tempo de resolução dos exercícios. Isso certamente vai te deixar mais preparado tanto psicologicamente como intelectualmente para o concurso.

Não tenha medo do concurso

Qualquer que seja o seu nível de conhecimento matemático não se intimide com o concurso. Desde que você estude e pratique bastante você certamente conseguirá acertar diversas questões da área de raciocínio lógico.

Estude todos os conteúdos TRF 1 nas: Apostilas completas para os cargos do TRF 1ª Região

Mais dcas de Raciocínio Lógico que podem lhe ajudar: I - II - III - IV - V - VI - VII

Tópico: TRF

Veja mais concursos abertos »