Concurso Exército - Formação de Sargentos (ESA)

Concurso para ingresso no Curso de Formação Sargentos oferece 1.100 vagas para Áreas Geral/Aviação, Música e Saúde.

A Escola de Sargentos das Armas do Exército Brasileiro (ESA) divulgou as normas completas (edital nº 01/SCA) para realização do novo concurso nacional de admissão aos Cursos de Formação de Sargentos das Áreas Geral/Aviação, Música e Saúde. O início das formações está previsto para fevereiro de 2019 e término em dezembro de 2020.

Houve prorrogação do prazo de inscrição, que agora deve ser feita até 27 abril de 2018, por meio do site da ESA (http://www.esa.ensino.eb.br/) ou mediante o envio de documentação impressa, caso o candidato não possa fazê-la pela Internet. Deve ser realizado o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 95,00.

As 1.100 vagas estão distribuídas da seguinte maneira:

  • Área Geral/Aviação: 910 vagas para os candidatos do sexo masculino e 100 vagas para as candidatas do sexo feminino;
  • Área de Música: 30 vagas para os candidatos de ambos os sexos; 
  • Área da Saúde: 60 para os candidatos de ambos os sexos.

Para participar do concurso, o candidato deverá, entre outros requisitos: ter concluído o ensino médio; possuir no mínimo 17 e no máximo, 24 anos de idade (para as áreas de Saúde e Música, a idade máxima será de 26 anos de idade, conforme o limite de datas especificado no edital); medir, no mínimo, 1,60m de altura, para o sexo masculino, ou 1,55m para o sexo feminino (mas há exceções, conforme o edital); e não estar em condição de réu em ação penal.

Para a área de Geral/Aviação os cursos são: Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia, Comunicações, Material Bélico - Manutenção de Viatura Auto, Material Bélico - Manutenção de Armamento, Material Bélico - Mecânico Operador, Material Bélico - Manutenção de Viatura Blindada, Manutenção de Comunicações, Topografia, Intendência e Aviação - Manutenção.

Na área de Música os naipes são: Clarineta; Fagote em dó/Contra-Fagote em dó; Flauta em dó/Flautim em dó; Oboé em dó/Corne-inglês; Saxhorne; Saxofone; Tu b a; Tímpanos, Bombo, Pratos, Tarol e Caixa Surda; Trombone Tenor/Trombone Baixo; Trompa; Trompete / Cornetim / Flueghorne. Por fim, na Saúde as vagas estão destinadas ao curso de Técnico em Enfermagem.

O concurso de admissão para a matrícula nos CFS terá as seguintes fases:

a) 1ª fase: composta pelas etapas de exame intelectual, valoração de títulos, inspeção de saúde, exame de aptidão física e exame de habilitação musical, para os candidatos da área Música aprovados (aptos) nas etapas anteriores e convocados para este exame prático;

b) 2ª fase: revisão médica e comprovação dos requisitos biográficos dos candidatos, de caráter eliminatório, quando de sua apresentação nas OMCT.

As provas (exame intelectual) serão aplicadas provavelmente no dia 29 de julho de 2018, em locais anunciados no site da ESA, com bastante antecedência.

Fontes: Diário Oficial da União, publicado no dia 27 de março de 2018 (https://bit.ly/2q8ysLW). Prorrogação: https://bit.ly/2Jo8JYX

Edital e atualizações: http://concurso.esa.eb.mil.br/site/

***

Dicas para as provas da ESA 2018: Noções de Estatística

A Estatística é uma ciência exata que fornece subsídios para coleta, análise, resumo e apresentação de dados. Trata-se de uma ciência que está presente em praticamente tudo o que envolve a nossa vida diária (ainda que pareça não estar): censos populacionais, previsão do tempo, índices de audiência da tv, rádio, internet, projeções da economia, eleições, transações comerciais/bancárias, empresas, indicadores de saúde, indústrias, e muito mais.

Algumas pessoas têm dificuldades com a matéria e é por isso que os professores insistem em orientar que Estatística requer sempre a compreensão da teoria básica e a fixação dessa teoria, a partir da realização de muitos exercícios. O problema, para muitos, é que Estatística envolve a realização de cálculos matemáticos. Ou seja, de alguma forma, estudar Estatística é, de fato, estudar Matemática.

Para as provas do concurso CFO PMSP (que apresenta um programa bastante extenso), esta matéria também será cobrada. Veja a seguir alguns conceitos e definições que podem ajudar a compreender melhor o tema.

- Representação gráfica (barras, segmentos, setores, histogramas).

A representação gráfica é muito importante, pois pode vir a facilitar ou dificultar a interpretação dos dados obtidos. Têm-se diversos tipos de gráficos, dentre os quais:

Gráfico de Barras: também é chamado de gráfico de colunas, e pode ser usado para representar dados de uma tabela de frequência associada a uma variável qualitativa. Desta forma, cada barra retangular representa a frequência ou a frequência relativa da variável em questão. Por exemplo: “Taxas de nascimento dos continentes”.

Gráfico de segmentos: é conhecido também como gráfico de linhas, e é utilizado em maioria das vezes para mostrar o crescimento, decréscimo ou estabilidade de uma amostra. Por exemplo: “as vendas em setembro aumentaram 3 vezes mais do que em julho”.

Gráfico de setores: é o famoso “gráfico de pizza”, esse tipo de gráfico é usado para apresentar partes de um todo e medidas de porcentagem. Por exemplo: “73% dos entrevistados gostam de café, 10% não gostam e 17% preferem chás”.

Histogramas: este tipo de gráfico é composto por retângulos justapostos onde a base é apoiada em um eixo horizontal. Um histograma possui muita relevância em sistemas estáveis, pois desta forma previsões de desempenho poderão ser realizadas. Desta forma, é muito utilizado por empresas.

Medidas de tendência central (média, mediana e moda).

Média: a média é definida como o valor que mostram para onde os valores se concentram, é obtida através da soma dos valores de todos os dados dividida pela soma do número de dados. Existem outras formas de calcular a média, a qual varia conforme o objetivo, as quais: média geométrica, harmônica e ponderada.

Moda: a moda é o valor que surge com mais frequência nos dados, é uma medida útil para redução de um conjunto de dados qualitativos, que pode ser apresentados em nomes ou categorias, onde não é possível calcular a média ou a mediana.

Mediana: é uma medida que pode ser chamada de medida de localização, separando a metade superior da metade inferior do conjunto de dados. Entretanto, este valor pode ser encontrado de forma variada, dependendo se o número de dados é par ou ímpar. No cálculo da mediana, deve-se seguir as seguintes regras: - mediana é o valor que ocupa a posição central, no caso de quantidades ímpares de dados; - mediana é média dos dois valores centrais, se a quantidade de dados for par.

Treino é fundamental!

É claro que, como dissemos antes, não basta compreender concepções básicas, tais como as que apresentamos acima. Para cada uma dessas noções, há uma fórmula matemática por trás, capaz de expressá-las, em números precisos ou aproximados, conforme o caso. Para estudar tais temas com aproveitamento, o candidato terá que entender essas fórmulas, a partir do treino, ou seja, resolvendo questões.

Para estudar com detalhes todo o conteúdo do concurso ESA, adquira a Apostila para o concurso da ESA

Um livro no qual o candidato pode encontrar a introdução básica sobre o assunto é “Estatistica para Leigos” (Deborah Rumsey, 2009).

Tópico: Exército

Compartilhe

Concursos RelacionadosVagas
Banco do NordesteNíveis Médio e Superior700
Liquigás DistribuidoraTodos os níveis de escolaridade1.349
Veja todos » Concursos Abertos