Expandir Menu PrincipalPesquisarPor Estado

Concurso Correios: edital sem data definida

Correios não informa quando sairá novo edital para preencher vagas e formar cadastro reserva. Enquanto isso, confira Programa e dicas de estudos.

Publicado em Comunicar erro

O anunciado concurso da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, para ocupação de pelo menos 2.000 vagas, está suspenso desde 08 de outubro do ano passado. Para este ano de 2016, a expectativa é de que a empresa se pronuncie, dando enfim o aval para a publicação do edital. No momento, a situação continua indefinida, apesar dos esforços da representação sindical, que aguarda um posicionamento oficial do governo interino, liderado por Michel Temer.

O edital estava previsto para ser divulgado em 2015, com oferta de vagas imediatas e formação de cadastro reserva para o cargo de Agente de Correios, nas atividades de Carteiro e Operador de Triagem e Transbordo (OTT), de nível médio. Ainda não há confirmação sobre qual será a organizadora, mas especula-se que pode ser o CESPE/CEBRASPE, repetindo-se o que aconteceu em 2011. No entanto, o momento é de cautela.

Na nota de interrupção do certame, a empresa ressaltou que o cancelamento não afetaria a qualidade e a eficiência operacional, uma vez que desde 2011 o efetivo da empresa foi aumentado em 13 mil novas vagas. "Com isso, os Correios passaram de 107 mil trabalhadores em 2010 para os 120 mil atuais". Também não ficou claro também se seria apenas uma "suspensão temporária" ou, de fato, um "cancelamento", pois a nota mencionava ambas as possibilidades. Meses depois, a empresa explicou que reavaliará a necessidade de pessoal nas diversas unidades, sob orientação da DEST, e somente depois tomará uma decisão sobre a contratação de novos empregados.

Persistência é o caminho

Do ponto de vista dos candidatos, apesar de ter sido um grande "golpe na esperança", a suspensão não é motivo para desânimo. Todos apontam para uma só direção (a de que o concurso vai sair, basta esperar!), por isso é preciso continuar estudando disciplinadamente, já que a abertura do edital é somente uma questão de tempo.

A expectativa é de que sejam abertas as vagas anunciadas e também haja espaço para formar cadastro reserva para vários Estados da Federação (AM, BA, MG, MS, MT, PE, PR, RJ, RS, SC, SP) e no DF. A maior concentração de oportunidades será nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais e Mato Grosso, lembrando que, conforme a legislação atual, 10% dessas vagas serão reservadas para pessoas com deficiência (PCD) e 20% para pessoas negras e pardas (PPP). Em alguns Estados, os Correios ainda possuem cadastro de reserva do concurso de 2011, ainda vigente, e convocações têm sido feitas.

Para as representações sindicais dos servidores da empresa, mesmo se forem abertas exatas 2 mil vagas, seria um quantitativo ainda insuficiente para suprir a demanda por novos funcionários, estimada pela Fentec em cerca de 70 mil, e pela Findect em cerca de 15 mil. Mas a boa notícia é que a história demonstra que várias convocações serão feitas ao longo da validade do concurso: em 2011, apesar da oferta ter sido de 7 mil vagas, mais de 20 mil aprovados foram convocados e assumiram seus postos. Isso estimulará muito a busca por uma boa classificação.

O salário inicial para os Operadores de Triagem e Transbordo, somado à gratificação (GIP), chegaria a R$ 1.284,00. No caso dos carteiros, soma-se ainda o adicional de distribuição, elevando a remuneração para R$ 1.620,50. Além disso, os admitidos terão benefícios como vale alimentação/refeição (de R$ 971,96 a R$ 1.092,48), vale-transporte, auxílio-creche ou auxílio babá, além de adicionais - de acordo com o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) - e a possibilidade de adesão ao Plano de Previdência Complementar.

Para os candidatos aprovados nas provas de conhecimento, haverá também a realização do teste de esforço e, posteriormente, o exame médico admissional.

Apesar da prioridade ser dada para o cargo de Agente de Correios, nas atividades de Carteiro e Operador de Triagem e Transbordo (OTT), espera-se que também sejam oferecidas vagas para o nível superior, a exemplo do que ocorreu em 2011, quando também foram contemplados cargos como Enfermeiro do Trabalho, Engenheiro de Segurança do Trabalho e Médico do Trabalho.

PROGRAMA TEÓRICO BÁSICO DO CONCURSO DOS CORREIOS (último edital)

Para aqueles candidatos que estão elaborando um cronograma de estudos com base nas seleções passadas, listamos a seguir os conteúdos cobrados para Carteiro e Operador de Triagem e Transbordo (fonte: edital oficial de 2011). No entanto, até a divulgação da organizadora e do edital, algumas mudanças deverão ser implementas. Exemplo disso é o que está sendo cogitado com relação à matéria de Informática, que poderá ser substituída por uma de Conhecimentos Gerais.

Como ainda não há confirmação, é importante os candidatos pelo menos se debrucem um pouco nos conhecimentos básicos mais recentes, a exemplo, do Windows 7 e do pacote Office 2010 para a frente, e até mesmo pensar em incluir noções sobre a suíte Libre Office). Quanto a Língua Portuguesa e Matemática, não são esperadas modificações significativas.

HABILIDADES

As questões da prova poderão avaliar habilidades que vão além do mero conhecimento memorizado, abrangendo compreensão, aplicação, análise, síntese e avaliação, com o intuito de valorizar a capacidade de raciocínio.

CONHECIMENTOS (Para todos os cargos):

LÍNGUA PORTUGUESA:

1 Compreensão e interpretação de textos.

2 Ortografia oficial.

3. Acentuação gráfica.

4 Emprego das classes de palavras: nome pronome, verbo, preposições e conjunções.

5 Emprego do sinal indicativo de crase.

6 Sintaxe da oração e do período.

7. Pontuação.

8. Concordância nominal e verbal.

9 Regência nominal e verbal.

10. Significação das palavras.

11. Formação de palavras.

MATEMÁTICA:

1. Números relativos inteiros e fracionários, operações e propriedades.

2. Múltiplos e divisores, máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum.

3.Números reais.

4. Expressões numéricas.

5. Equações e sistemas de equações de 1º grau.

6. Sistemas de medida de tempo.

7. Sistema métrico decimal.

8. Números e grandezas diretamente e inversamente proporcionais.

9. Regra de três simples.

10. Porcentagem.

11. Taxas de juros simples e compostas, capital, montante e desconto.

12. Princípios de geometria: perímetro, área e volume.

INFORMÁTICA [LEMBRAR QUE ESTE CONTEÚDO PASSARÁ POR REFORMULAÇÃO]:

1. Conceitos básicos de computação.

2. Componentes de hardware e software de computadores.

3. Sistema operacional Windows (XP e VISTA) [CONSIDERE ESTUDAR A PARTIR DO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7].

4. Conhecimentos de Word, Excel, PowerPoint [CONSIDERE ESTUDAR TAMBÉM NOÇÕES SOBRE A SUÍTE LIBRE OFFICE].

5. Internet: conceitos, navegadores, tecnologias e serviços.

PROGRAMA TAF BÁSICO DO CONCURSO DOS CORREIOS

Além da parte teórica, é preciso lembrar que o concurso dos Correios cobra avaliação física, com aplicação de alguns testes (TAF). Confira alguns detalhes dos testes físicos a seguir.

A AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE FÍSICA LABORAL (somente para Carteiro e Operador de Triagem e Transbordo).

I – Teste de Barra Fixa - CRITÉRIOS ESPECÍFICOS PARA O SEXO MASCULINO E FEMININO;
II – Teste de Corrida de Doze Minutos; e
III – Testes de Dinamometria (FORÇA MUSCULAR).

PREVISÃO DE DISTRIBUIÇÃO DAS VAGAS

Unidade da FederaçãoVagas previstasCargo
Amazonas11Carteiro
Bahia18Operador
Distrito Federal12Operador
Minas Gerais81Carteiro e Operador
Mato Grosso do Sul5Carteiro
Mato Grosso43Carteiro e Operador
Pernambuco23Operador
Paraná197Carteiro e Operador
Rio de Janeiro144Carteiro
Rio Grande do Sul21Carteiro
Santa Catarina14Carteiro
São Paulo1.293Carteiro e Operador
TOTAL1.862

Dicas: Questões comentadas de Matemática/Raciocínio Lógico - Correios - Carteiro

(Correios, 2011)

Em 2008, nos 200 anos do Banco do Brasil, os Correios lançaram um selo comemorativo com uma tiragem de 1.020.000 unidades. No selo, cujo formato é de um retângulo medindo 40 mm × 30 mm, a estampa ocupa um retângulo que mede 35 mm × 25 mm.

Dadas essas condições, é correto afirmar que a área do retângulo da estampa é

(A)  superior a 90% da área do retângulo do selo. 


(B)  inferior a 75% da área do retângulo do selo. 


(C)  superior a 75% e inferior a 80% da área do retângulo do selo. 


(D)  superior a 80% e inferior a 85% da área do retângulo do selo. 


(E)  superior a 85% e inferior a 90% da área do retângulo do selo. 


Primeiro precisamos calcular a área do retângulo da estampa e do selo. Como os dois tem formato retangular a área é calculada como:

Área = base x altura

Para a estampa temos: área-estampa= 35 mm × 25 mm = 875 mm2

Para o selo temos: área-selo= 40 mm × 30 mm = 1200 mm2

Queremos saber a que porcentagem a área da estampa corresponde. Para isso podemos fazer uma regra de três simples.

1200 mm2 ----------- 100%

875 mm2 ----------- X

X = 875 x 100 / 1200 = 72,9%

Portanto a alternativa correta é a (B).

(Correios, 2011)

Das correspondências que deveria entregar, o carteiro Carlos passou 7/10 delas para o carteiro Jorge; dessas, Jorge repassou 3/5 para o carteiro Marcos. Nesse caso, com relação à quantidade de correspondências que Carlos deveria entregar, a quantidade que coube a Marcos é igual a:

(A) 3/10

(B)2/5

(C)21/50

(D)10/15

(E)1/10

Essa pode parecer uma questão trabalhosa, mas ela é bem simples, só é necessário ler com cuidado. Ela simplesmente pede que se calcule 3/5 de 7/10. Para isso basta que se multiplique as duas frações:

(3/5) x (7/10) = (21/50)

O que corresponde à alternativa (C).

(Correios, 2011)

Suponha que, no envio, por SEDEX, de encomendas entre as cidades de São Paulo – SP e Rio Branco – AC, a parcela fixa seja de R$ 35,10 e a constante de proporcionalidade, R$ 13,20. Com base nessa situação, considere o envio, por SEDEX, de duas encomendas de 3 kg cada uma e quatro encomendas de 2 kg cada uma, todas para pessoas diferentes, de São Paulo para Rio Branco. Assinale a opção correspondente à expressão numérica que representa o valor a ser pago pelo envio dessas encomendas.

(A) [35,10+13,20×3]×2+[35,10+13,20×2]×4

(B) [35,10+13,20]×3×2+[35,10+13,20]×2×4

(C) [35,10+13,20×3]+[35,10+13,20×2]


(D) [35,10+13,20]×[3×2+2×4]

(E) 35,10×3×2+13,20×2×4

Para cada encomenda com 3 kg o custo é igual a parcela fixa (35,10) mais 3 vezes a constante de proporcionalidade (13,20):

35,10+13,20×3

Portanto o preço de duas encomendas com 3kg será:

[35,10+13,20×3]x2

Já para cada encomenda com 2 kg o custo é a parcela fixa mais 2 vezes a constante de proporcionalidade:

35,10+13,20×2

O preço para 4 dessas encomendas será 4 vezes esse valor:

 [35,10+13,20×2]x4

O preço total deve ser a soma desses dois custos:

[35,10+13,20×3]×2+[35,10+13,20×2]×4

O que é a alternativa (A).

Jornalista Alberto Vicente Silva

Colaboração: Kellen Manoela

Tópico: Correios

Concursos RelacionadosVagas
CAIXAEstagiárioVárias
FUNPRESP-JUD - Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder JudiciárioNível Superior14
Exército BrasileiroNíveis Fundamental e Médio415
Marinha do BrasilNível Médio/Técnico165
Veja todos » Concursos Abertos