PREVFOGO (IBAMA) abrirá processo seletivo

As centenas de vagas ofertadas serão para Brigadas Federais para a prevenção e combate aos incêndios florestais.

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) publicou autorização para a realização de um novo processo seletivo do PREVFOGO (Sistema Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais). De acordo com a portaria nº 3.020/2019, serão contratadas Brigadas Federais para a prevenção e combate aos incêndios florestais.

Uma das justificativas para a autorização é a Portaria nº 153/2019, na qual o Ministério do Meio Ambiente declarou em estado de emergência ambiental os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima e Tocantins.

A seleção a ser aberta pelo PREVFOGO vai viabilizar contatações temporárias de:

  • - Brigadista Chefe de Brigada (1), Brigadista Chefe de Esquadrão (2) e Brigadistas (10) para a prevenção e combate aos incêndios florestais nos municípios de Amarante do Maranhão, Fernando Falcão, Montes Altos (Maranhão), Conquista D'0este, Tangará da Serra (Mato Grosso) e Formoso do Araguaia (Tocantins).
  • - Um Brigadista Chefe de Brigada, dois Brigadistas Chefes de Esquadrão e doze Brigadistas para a prevenção e combate aos incêndios florestais nos municípios de: Sena Madureira, Brasiléia (Acre), Apuí (Amazonas), Oiapoque, Tartarugalzinho (Amapá), Serra do Ramalho, Porto Seguro (Bahia), Alto Paraíso, Cavalcante, Minaçu, Teresina de Goiás (Goiás), Bom Jardim (Maranhão), Porto Murtinho, Aquidauana (Mato Grosso do Sul), Feliz Natal, Cotriguaçu, Cáceres, Poconé, Campo Novo dos Parecis, Paranatinga (Mato Grosso), Altamira, Itaituba, Oriximiná, Novo Progresso, Mojú, São Geraldo do Araguaia, Pau D'Arco (Pará), Petrolina (Pernambuco), Uruçuí, Floriano, Alvorada do Gurguéia (Piauí), Porto Velho, Machadinho D'Oeste, Nova Mamoré (Rondônia), Amajari, Cantá, Normandia, Boa Vista e Uiramutã (Roraima).
  • - Um Brigadista Chefe de Brigada, quatro Brigadistas Chefes de Esquadrão e dezesseis Brigadistas para a prevenção e combate aos incêndios florestais, no município de Tocantinópolis, Pium e Lagoa da Confusão (Tocantins).
  • - Um Brigadista Chefe de Brigada, quatro Brigadistas Chefes de Esquadrão e dezoito Brigadistas para a prevenção e combate aos incêndios florestais, nos municípios de Humaitá (Amazonas), Canarana e Serra Nova Dourada (Mato Grosso).
  • - Um Brigadista Chefe de Brigada, quatro Brigadistas Chefes de Esquadrão e vinte e quatro Brigadistas para a prevenção e combate aos incêndios florestais, nos municípios de Barreiras, Itaetê (Bahia), Grajaú (Maranhão), São João das Missões (Minas Gerais), Corumbá (Mato Grosso do Sul), Serra Talhada (Pernambuco), Tocantínia, Itacajá (Tocantins) e Pacaraima (Roraima).
  • - Dois Brigadistas Chefes de Brigada, quatro Brigadistas Chefes de Esquadrão e vinte e quatro Brigadistas para a prevenção e combate aos incêndios florestais, nos municípios de Quixeramobim (Ceará), Rio de Janeiro (RJ), Porto Velho (Rondônia), Tocantínia (TO).
  • - Dois Brigadistas Chefes de Brigada, seis Brigadistas Chefes de Esquadrão, trinta e seis Brigadistas para a prevenção e combate aos incêndios florestais no Distrito Federal.

Além dessas vagas, a Portaria determina que haverá chances para Brigadistas de Manejo Integrado do Fogo nas seguintes condições e quantidades por Estados:

  • Um gerente do fogo, um chefe de brigada e quatro chefes de esquadrão no Distrito Federal;
  • Quatro brigadistas em Cavalcante, no Estado de Goiás;
  • Seis brigadistas em Amarante do Maranhão, dois brigadistas em Fernando Falcão e dois brigadistas em Montes Altos no Estado do Maranhão;
  • Dois brigadistas em Conquista D´Oeste, Campo Novo dos Parecis e Paranatinga, quatro brigadistas em Tangará da Serra, e seis brigadistas em Canarana e Serra Nova Dourada no Estado do Mato Grosso;
  • Dois brigadistas em Normandia, Uiramutã, Pacaraima, Amajari e Cantá, em Roraima;
  • Três brigadistas em Tocantinópolis, cinco brigadistas e um chefe de esquadrão em Lagoa da Confusão e Formoso do Araguaia, seis brigadistas em Itacajá e em Tocantínia, no Estado de Tocantins;
  • Seis brigadistas em Humaitá, no Estado do Amazonas.

Já nos estados do Acre, Amazonas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, PIauí, Rio de Janeiro, Rondônia, Tocantins e Roraima, bem como no Distrito Federal, haverá a contratação de Brigadistas Gerente do Fogo para apoio às Coordenações Estaduais do PREVFOGO

Por fim, é informado que o Centro Especializado PREVFOGO será o responsável pela seleção, contratação, administração e gerenciamento das atividades das brigadas.

Veja a Portaria completa no DOU.

Última seleção do PREVFOGO

A última seleção do PREVFOGO foi em 2016, com dois editais para provimento de 41 vagas distribuídas em Gerente de Fogo com Nível Superior (3), Brigadista Chefe de Brigada com Nível Médio (2) Brigadista de Combate (30) e Brigadista Chefe de Esquadrão (6).

A seleção constou de análise de currículo e documentação para todos os cargos. Para o cargo de Gerente de Fogo houve ainda uma Entrevista Individual.

Para os cargos de Brigadista e Chefe de Esquadrão ocorreu um Teste de Aptidão Física e Teste de Habilidade no Uso de Ferramentas Agrícolas.

Os candidatos aprovados atuaram em jornadas semanais de 40 horas com remuneração mensal que variava de um salário-mínimo e meio chegando até quatro salários-mínimos, a depender do cargo. Receberiam também algumas vantagens como Auxílio-alimentação, auxílio pré-escolar, auxílio-transporte (quando couber) e seguro acidente.

Compartilhe

Concursos por E-mail
Assine nosso boletim para receber Concursos Brasil diretamente no seu e-mail
Concursos RelacionadosVagas
CaixaEstagiárioVárias
CaixaEstagiárioVárias
Veja todos » Concursos Abertos