Edital Concurso CBPM - Companhia Baiana de Pesquisa Mineral – BA

Companhia Baiana de Pesquisa Mineral - CBPM
EDITAL DE ABERTURA DO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS PERMANENTES
EDITAL N°001/2012

O Diretor Presidente da CBPM, no uso de suas atribuições legais e regimentais, faz saber aos interessados que estarão abertas as inscrições para o Concurso Público para provimento de cargos permanentes do quadro de funcionários da CBPM, o qual será regido pelas disposições deste Edital.

I - Das Disposições Preliminares

1.1. O Concurso Público de Provas Escritas Objetivas destina-se ao preenchimento de 75(setenta e cinco) vagas do quadro de funcionários permanentes da CBPM, juntamente com aquelas que vierem a ocorrer no período de validade do concurso.

1.2. O Concurso Público será realizado sob a supervisão da Comissão para efetivação do concurso público, nomeada pelas Portarias nºs 025 e 29 de 2012 e executado pela Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico - Fundação CEFETBAHIA.

1.3. O prazo de validade do concurso será de 02(dois) anos, contados da data da respectiva homologação, podendo este prazo, antes de esgotado, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da Administração, por ato expresso do Diretor Presidente da CBPM.

1.4. São requisitos para participar do Concurso:

a) ser brasileiro nato ou naturalizado, ou gozar das prerrogativas previstas no artigo 12 da Constituição Federal;

b) ter o mínimo de 18 anos completos à data de encerramento das inscrições;

c) ter habilitação para o cargo pretendido, conforme especificado no item 2.1. do Capítulo II deste Edital;

d) estar em dia com as obrigações resultantes da legislação eleitoral;

e) estar quite com as obrigações militares, se do sexo masculino;

f) não ter registro de antecedentes criminais, que implique a mudança do "estado penal";

g) estar em pleno gozo dos direitos civis e políticos;

h) gozar de boa saúde física e mental para o exercício do cargo;

i) declarar que conhece e está de acordo com as exigências do Edital.

1.5. O concurso será constituído de uma etapa:

1.5.1. Etapa Única: Prova Escrita, de caráter eliminatório e classificatório, abrangendo os programas descritos no ANEXO I, composta por 60 (sessenta) questões objetivas, aplicadas para todos os candidatos inscritos em todos os cargos, e 1 (uma) questão Dissertativa, exclusivamente para os cargos de Administrador, Advogado, Analista de Sistema, Assistente Social, , Bibliotecário, Contador, Economista, Engenheiro de Minas e Geólogo.

1.5.2. Os pontos serão distribuídos na forma a seguir:

Cargos

Escolaridade

Etapa Única (Prova Escrita)

Questões

Objetivas

Dissertativa

Total

Assistente Administrativo

Nível Médio

60

---

60

Auxiliar Técnico

60

---

60

Técnico de Editoração Gráfica

Nível Técnico

60

---

60

Técnico de Geologia ou Mineração

60

---

60

Administrador

Nível Superior

60

1

61

Advogado

60

61

Analista de Sistema

60

61

Assistente Social

60

61

Contador

60

61

Bibliotecário

60

61

Economista

60

61

Engenheiro de Minas

60

61

Geólogo

60

61

1.6. Após a homologação do resultado do concurso, os candidatos APROVADOS serão nomeados por ordem de classificação final mediante ato do Diretor Presidente da CBPM, publicado no Diário Oficial do Estado e na Página Oficial da CBPM no endereço www.cbpm.com.br, quando começará a correr o prazo legal para a efetiva contratação.

1.6.1. A aprovação e a classificação final geram, para o candidato, apenas a expectativa de direito à contratação, cabendo exclusivamente à CBPM deliberar sobre o aproveitamento dos candidatos aprovados, obedecida a ordem de classificação.

1.6.2. Se o candidato APROVADO e nomeado não comparecer dentro do prazo determinado será nomeado o candidato que imediatamente o suceder conforme Capítulo X deste Edital.

II - Dos Cargos, Pré-Requisitos, Síntese das Atribuições, Vagas, Vencimentos e Valores da taxa de Inscrição.

2.1 Os cargos e os códigos, os pré-requisitos exigidos, as vagas, os vencimentos, a competência e síntese das atribuições e os valores das taxas de inscrição são os estabelecidos a seguir:

Cargo: Assistente Administrativo - 40h semanais

Salário base:

R$ 2.176,27

Taxa Inscrição:

R$ 40,00

Síntese das atividades: Desenvolver atividades administrativas variadas e diversificadas, realizando alguns estudos e controles que apresentam certo grau de dificuldade, de acordo com a sua área de atuação, bem como, organizar, controlar e arquivar correspondência da Instituição, agendando compromissos, mantendo contatos internos e externos.

Pré-requisitos exigidos: Ensino Médio completo.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

001

14

1

Cargo: Auxiliar Técnico - 40h semanais

Salário base:

R$ 1.640,52

Taxa Inscrição:

R$ 40,00

Síntese das atividades: Executar atividades de apoio aos trabalhos geológicos, geoquímicos, geofísicos, topográficos e de laboratório no campo e no escritório, bem como, fazer a manutenção dos veículos da Empresa, quando em viagens de apoio técnico.

Pré-requisitos exigidos: Ensino Médio completo e Carteira de Habilitação categoria C.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

002

24

1

Cargo: Técnico de Editoração Gráfica - 40h semanais

Salário base:

R$ 2.176,27

Taxa Inscrição:

R$ 40,00

Síntese das atividades: Elaborar desenhos de construção civil, arquitetônico, cartográficos, baseados em estudos de projetos, levantamentos topográficos para serem representados em plantas e mapas.

Pré-requisitos exigidos: Ensino Médio Completo.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

101

1

0

Cargo: Técnico de Geologia ou Mineração - 40h semanais

Salário base:

R$ 3.180,54

Taxa Inscrição:

R$ 40,00

Síntese das atividades: Executar serviços de apoio aos trabalhos geológicos, geoquímicos, geofísicos, topográficos, de laboratório e técnico-administrativos.

Pré-requisitos exigidos: Ensino Médio Profissionalizante em: Geologia ou Mineração.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

102

9

1

Cargo: Administrador - 40h semanais

Salário base:

R$ 4.031,46

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Pesquisar, estudar, analisar, organizar, implantar, controlar e coordenar atividades referentes à administração de pessoal, de material, financeira e orçamentária, organização e métodos e outros campos de administração geral.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em Administração com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

201

1

0

Cargo: Advogado - 40h semanais

Salário base:

R$ 4.031,46

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Analisar e emitir pareceres sobre assuntos jurídicos pertinentes à Legislação Fiscal, Trabalhista, Administrativa, Civil, Comercial, Mineral e outras.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em Direito com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

202

2

0

Cargo: Analista de Sistema - 40h semanais

Salário base:

R$ 4.031,46

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Planejar, avaliar, coordenar e estruturar as atividades de desenvolvimento e análise de sistemas de informações, processamentos de dados e suporte, em sintonia com as necessidades dos usuários.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em: Análise de Sistemas ou Ciências da Computação ou Ciências da Informação ou Engenharia da Computação com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

203

3

0

Cargo: Assistente Social - Carga horária conforme Lei Federal nº 8.662/1993 e suas alterações.

Salário base:

R$ 4.031,46

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Organizar e executar programas de serviço social, realizando atividades de caráter educativo, recreativo, assistência à saúde e outros, para facilitar a integração dos trabalhadores e contribuir para as relações humanas na Empresa.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em: Assistente Social ou Serviço Social com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

204

1

0

Cargo: Contador - 40h semanais

Salário base:

R$ 4.031,46

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Orientar o cumprimento e a aplicação sob o aspecto contábil, da legislação societária, fiscal, trabalhista e previdenciária.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em Ciências Contábil com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

205

3

0

Cargo: Bibliotecário - 40h semanais

Salário base:

R$ 4.031,46

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Organizar e executar o sistema de informações técnico-científicas do centro de documentação, desenvolvendo e aperfeiçoando sistemas de busca e recuperação da informação, para permitir a centralização, controle, armazenamento, recuperação e divulgação das informações.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em Biblioteconomia com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

206

1

0

Cargo: Economista - 40h semanais

Salário base:

R$ 4.031,46

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Elaborar e acompanhar orçamentos, acompanhar a situação econômica e financeira da Empresa, bem como efetuar estudos de viabilidade econômica de projetos e de mercados.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em Economia com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

207

3

0

Cargo: Engenheiro de Minas - 40h semanais

Salário base:

R$ 5.362,81

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Realizar estudos e projetos técnicos e técnico-econômicos de pesquisa mineral, de lavra e de beneficiamento de minério.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em Engenharia de Minas com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

208

1

0

Cargo: Geólogo - 40h semanais

Salário base:

R$ 5.362,81

Taxa Inscrição:

R$ 60,00

Síntese das atividades: Planejar, coordenar e executar todo e qualquer tipo de mapeamento geológico, prospecção e pesquisa mineral utilizando métodos multidisciplinares.

Pré-requisitos exigidos: Bacharel em Geologia com registro no respectivo órgão de classe.

Localidade

Código

Vagas

Não Deficientes

Portadores de Deficiência

Salvador

209

9

0

2.1.1 O regime de contratação da CBPM é o da Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

2.1.2 Não serão adicionados à remuneração dos cargos oferecidos ajuda de custo para o transporte e alimentação.

2.1.3 Os contratados terão os seguintes direitos, garantidos pelo Acordo Coletivos 2012/2013: assistência média, hospitalar e odontológica, extensivas aos seus dependentes legais, vale alimentação para 22 dias, independente da quantidade de dias úteis mensais, auxilio faculdade/universidade para a 1ª graduação, auxilio pré-vestibular, auxilio creche/escolar para dependentes até

12 anos e auxilio para filhos portadores de necessidades especiais.

2.1.4. Todos os contratados deverão ter disponibilidade para viajar, especialmente geólogos, engenheiros de minas, técnicos de geologia ou Mineração e Auxiliares Técnicos.

2.1.5. Os cargos em concurso são regidos pelo Plano de Cargos e Salários da CBPM, devidamente aprovado pelo Conselho de Administração.

2.1.6. A jornada normal de trabalho será de 40 (quarenta) horas semanais, salvo determinação diversa da lei.

III - Da Inscrição

3.1. A inscrição do candidato implicará o conhecimento e aceitação das normas e condições estabelecidas neste Edital.

3.2. As inscrições serão realizadas no período de 05/12/2012 a 20/12/2012, exclusivamente, pela internet no site www.fundacaocefetbahia.org.br/cbpm/concurso.asp.

3.2.1. Preencher o Formulário de Inscrição via internet, imprimir o boleto bancário para recolhimento da taxa correspondente à opção do cargo, conforme indicado no subitem 2.1, Capítulo II deste Edital, em qualquer banco vinculado ao Sistema de Compensação Nacional.

3.2.2. Nas inscrições via Internet, o candidato deverá:

a) acessar o site: www.fundacaocefetbahia.org.br/cbpm/concurso.asp, imprimir o edital e seguir as orientações contidas na tela;

b) digitar corretamente os dados cadastrais e a opção do cargo;

c) imprimir o boleto bancário;

d) pagar a taxa de inscrição no período de 05/12/2012 a 20/12/2012 em qualquer banco vinculado ao Sistema de Compensação Nacional;

e) acessar o site a partir de 72h após o pagamento da taxa de inscrição para imprimir o comprovante de inscrição, contendo a informação referente à sua opção de cargo, data e horário da realização da prova.

3.2.2.1. As inscrições via internet, cujos pagamentos forem efetuados após a data estabelecida, não serão acatadas;

3.3.2.2. As inscrições efetuadas somente serão confirmadas após a compensação do boleto bancário.

3.3. A Fundação CEFETBAHIA e a CBPM não se responsabilizam por solicitação de inscrições via Internet não recebida por motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, bem como outros fatores que impossibilitem a transferência de dados.

3.4. O descumprimento das instruções para inscrição via Internet implicará a sua não efetivação.

3.5. O pagamento da inscrição nas agências bancárias deverá ser efetuado em espécie, em moeda corrente.

3.6. Não serão aceitas inscrições para mais de um cargo, tendo em vista que as provas para todos os cargos se realizarão concomitantemente, no mesmo dia e horário.

3.7. As informações prestadas na ficha de inscrição serão de inteira responsabilidade do candidato, reservando-se a CBPM o direito de excluir do Concurso Público aquele que não preencher esse documento de forma completa, correta e legível e/ou que fornecer dados comprovadamente inverídicos ou incorretos.

3.8. Não serão aceitas inscrições pagas por depósito em caixa eletrônico, via postal, fac-símile (fax), condicional e/ou extemporânea ou por qualquer outra via não especificada neste Edital.

3.9. Não serão aceitas inscrições pagas por depósito bancário.

3.10. Não serão aceitas inscrições pagas, por qualquer motivo, após o encerramento do período de inscrição.

3.11. Efetivada a inscrição, em hipótese alguma serão aceitos pedidos de devolução da importância paga.

3.11.1. Não serão aceitos pedidos de isenção de pagamento do valor da inscrição, seja qual for o motivo alegado.

3.12. O candidato que se julgar amparado pelo Decreto nº 3.298, de 20/12/99, publicado no DOU de 21/12/99, Seção 1, alterado pelo Decreto nº. 5.296, de 02/12/2004, publicado na Seção 1 do DOU do dia 03/12/2004, poderá concorrer a vaga reservada a portadores de deficiência, devendo fazer sua opção na Ficha de Inscrição.

3.12.1. O candidato portador de deficiência deverá enviar, exclusivamente via SEDEX, expedido  impreterivelmente até 2(dois) dias após a data do encerramento das inscrições, para a Fundação CEFETBAHIA, situada no Boulevard América, nº. 749, Jardim Baiano, Nazaré, Salvador - BA, CEP 40.050-320, laudo médico atestando o tipo da deficiência, o grau ou nível, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doença - CID, a provável causa da deficiência, especificando se congênita ou adquirida, se temporária ou permanente.

3.12.1.1. O laudo médico só terá validade se emitido até 30 dias antes da data da abertura das inscrições, digitado em papel timbrado, contendo a razão social da instituição emitente, CNPJ, endereço completo, nome do responsável para contatos, telefone, n°do registro no Conselho Regional de Medicina do profissional que assinou o referido laudo.

3.12.1.2. O candidato que deixar de enviar o laudo médico terá seu pedido para concorrer à vaga de deficiente INDEFERIDO.

3.12.2. Se o laudo médico apresentado não atender ou contemplar todos os requisitos exigidos nos subitens 3.12.1 e 3.12.1.1., o pedido para concorrer à vaga de deficiente será INDEFERIDO.

3.12.3. O laudo médico (original ou cópia autenticada), a partir do seu recebimento na Fundação CEFETBAHIA, constituirá parte integrante do requerimento de inscrição e, dessa forma, não será devolvido ao candidato.

3.12.4. O candidato portador de deficiência participará do concurso em igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere ao conteúdo, à avaliação, ao horário, ao local de aplicação das provas e aos critérios de habilitação estabelecidos nos Capítulos V, VI e VII.

3.13. Os candidatos que necessitarem de condições especiais, devidamente comprovadas por laudo emitido por especialista, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doença - CID, deverão solicitá-las à coordenação de seleção da Fundação CEFETBAHIA com antecedência mínima de 10 (dez) dias da data de aplicação da prova, obedecendo aos critérios de viabilidade e de razoabilidade, cuja decisão será comunicada ao candidato até 2 (dois) dias antes da realização da prova.

3.14. Serão disponibilizados aos candidatos, no site: www.fundacaocefetbahia.org.br/cbpm/concurso.asp os Cartões Informativos indicando o local e horário da prova, o cargo para o qual efetuou a inscrição e o seu respectivo número de inscrição.

3.14.1. Somente serão disponibilizados os cartões informativos de inscrição para os candidatos que efetivaram o pagamento de suas taxas de inscrição no período e forma estabelecidos no subitem 3.2.

3.14.2. Caso o cartão do candidato não seja disponibilizado até cinco dias antes da data marcada para a realização da prova, é de inteira responsabilidade do candidato comparecer, até 3 (três) dias antes da data de realização da prova, na sede da Fundação CEFETBAHIA, situada no Boulevard América, nº. 749, Jardim Baiano, Nazaré, Salvador, Bahia, CEP 40.050-320, para receber o cartão Informativo;

3.14.3. Não serão dadas, por telefone, informações a respeito de datas, de locais e de horários de provas.

3.15. As inscrições INDEFERIDAS serão divulgadas no site: www.fundacaocefetbahia.org.br/cbpm/concurso.asp.

3.16. A qualquer tempo, a CBPM poderá determinar a anulação da inscrição, das provas e da contratação do candidato, desde que verificada qualquer prática infracional, seja de natureza administrativa ou penal.

IV - Da Prova Escrita

4.1. A prova escrita, de caráter eliminatório e classificatório, para os cargos de Assistente Administrativo, Auxiliar Técnico, Técnico de Editoração Gráfica e de Técnico de Mineração, constará exclusivamente da primeira parte e, para os cargos de Administrador, Advogado, Analista de Sistema, Assistente Social, Bibliotecário, Contador, Economista, Engenheiro de Minas e de Geólogo, será constituída de 2 (duas) partes, entregues simultaneamente aos candidatos, com as seguintes características:

a) Primeira Parte: objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, composta por 60 (sessenta) questões de múltipla escolha, com 5 (cinco) alternativas de resposta (A, B, C, D e E), para todos os cargos. A atribuição de peso às questões se dará de acordo com a tabela contida no subitem 4.4., totalizando 120 (cento e vinte) pontos;

b) Segunda Parte: dissertativa, de caráter classificatório, composta por 1 (uma) questão Dissertativa, valendo 5 (cinco) pontos, com o peso 2 (dois), totalizando 10 (dez) pontos.

4.2. Serão atribuídos pesos para cada questão, sendo o número total de pontos igual a 120 (cento e vinte) para os cargos de Assistente Administrativo, Auxiliar Técnico, Técnico de Editoração Gráfica e de Técnico de Mineração e 130 (cento e trinta) para os cargos de Administrador, Advogado, Analista de Sistema, Assistente Social, Contador, Bibliotecário, Economista, Engenheiro de Minas e de Geólogo.

4.3. Os programas das áreas de conhecimento exigidas para as provas constam no Anexo I deste Edital.

4.4. Quadro de Prova: área de conhecimento, número de questões e respectivos pesos e total de pontos:

Para os Cargos de Assistente Administrativo, Auxiliar Técnico, Técnico de Editoração Gráfica e de Técnico de Geologia e Mineração.

Áreas de Conhecimento

Quantidade de Questões / Peso (Pso)

Total de Questões

Total de Pontos

1

2

3

Conhecimentos Gerais

15

20

15

50

100

Conhecimentos Específicos

3

4

3

10

20

Somatório Geral

18

24

18

60

120

Para os Cargos de Administrador, Advogado, Analista de Sistema, Assistente Social, Contador, Bibliotecário,

Economista, Engenheiro de Minas e de Geólogo

Áreas de Conhecimento

Quantidade de Questões / Peso (Pso)

Total de Questões

Total de Pontos

1

2

3

Conhecimentos Gerais

15

20

15

50

100

Conhecimentos Específicos

3

4

3

10

20

Questão Dissertativa (5pts)

---

1

---

1

10

Somatório Geral

18

25

18

61

130

4.5. As provas para todos os cargos serão aplicadas exclusivamente no município de Salvador no dia 03 de fevereiro de 2013, no turno matutino, sendo certo que qualquer alteração de data, local e/ou turno será especificada oportunamente em Edital publicado no site: www.fundacaocefetbahia.org.br/cbpm/concurso.asp

4.5.1. Caso a quantidade de candidatos efetivamente inscritos supere a capacidade da rede de ensino do Município de Salvador, as provas serão realizadas também nos municípios que integram a Região Metropolitana de Salvador.

4.6. As provas terão duração de 4h (quatro horas), com horário de início previsto para as 9 (nove) horas, considerado o HORÁRIO LOCAL. O candidato deverá comparecer ao local da prova com  antecedência mínima de 1 (uma) hora fixada para o início da sua aplicação, portando documento de identificação e Cartão Informativo de Inscrição ou comprovante de pagamento da taxa de inscrição.

4.6.1. Os horários previstos para abertura e fechamento dos portões serão, respectivamente, às 08h20m (oito horas e vinte minutos) e às 08h50m (oito horas e cinquenta minutos), considerado o HORÁRIO LOCAL. Não será permitido o ingresso de candidatos, em hipótese alguma, no estabelecimento, após o fechamento dos portões.

4.6.2. O candidato deverá assinar a lista de presença, de acordo com o constante no seu documento de identificação, vedada a aposição de rubrica.

4.6.3. Depois de identificado e instalado em sala de aplicação das provas, o candidato não poderá consultar ou manusear nenhum material de estudo ou de leitura enquanto aguarda o horário de início das provas.

4.6.4. Após o fechamento dos portões, iniciam-se os procedimentos operacionais relativos ao processo de aplicação da prova, no qual será observado o contido no subitem 4.23, no que couber.

4.7. Somente será permitido o ingresso à sala de aplicação das provas, do candidato que estiver previamente inscrito e munido do original de documento de identificação.

4.8. Serão considerados documentos de identificação os expedidos por Secretaria de Segurança Pública, Órgão fiscalizador de exercício profissional (Ordem, Conselho, etc), Ministério Público, Poder Judiciário ou por outro órgão público que, por lei federal, valham como identidade, tais como Carteira de Trabalho e Previdência Social e Carteira Nacional de Habilitação (modelo novo, com foto).

4.8.1. Não serão aceitos documentos de identificação em cópias, ainda que autenticadas, ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados.

4.8.2. Os documentos de identificação deverão estar em perfeitas condições de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato, e deverão conter, obrigatoriamente, foto e data de nascimento.

4.8.2.1. Caso julgue conveniente, a Fundação CEFETBAHIA poderá encaminhar o candidato ao posto do Instituto de Identificação "Pedro Melo", instalado nas dependências do local da prova, para coleta de impressões digitais, como forma de identificação do candidato presente à prova.

4.9. Durante as provas não será admitida qualquer espécie de consulta ou comunicação entre os candidatos, nem a utilização de livros, notas, códigos, manuais, impressos ou anotações, máquinas calculadoras (também em relógios), agendas eletrônicas ou qualquer outro equipamento eletrônico, telefone celular, transmissor/receptor de mensagens de qualquer tipo, BIP, walkman, gravador ou similares.

4.9.1. Os pertences pessoais dos candidatos, inclusive telefone celular, deverão ser colocados em locais adequados na própria sala de aplicação das provas e ficarão retidos durante todo o período de permanência dos candidatos em sala, não se responsabilizando a Fundação CEFETBAHIA por perdas ou extravios ocorridos durante a realização das provas, nem por danos neles causados.

4.10. É vedado o ingresso de candidato portando arma, no local de prova, mesmo que possua o respectivo porte.

4.11. A inviolabilidade das provas será comprovada na sala de aplicação das provas, no momento do rompimento do lacre dos envelopes, mediante Protocolo de Abertura, e na presença de, no mínimo, dois candidatos, que deverão assinar esse Protocolo, sendo que, caso haja recusa do(s) candidato(s) em fazê-lo, o fiscal de sala deverá constar isso no Relatório de Ocorrências.

4.12. Somente serão permitidos assinalamentos na Folha de Respostas feitos pelo próprio candidato, com caneta esferográfica (tinta preta ou azul), vedada qualquer colaboração ou participação de terceiros.

4.13. Não será permitida a saída de candidatos antes de transcorrida 1(uma) hora do início da prova, por motivo de segurança.

4.14. Os candidatos somente poderão levar o Caderno de Questões na última hora faltante para o término das provas.

4.15. Não haverá segunda chamada para as provas, seja qual for o motivo alegado para justificar a ausência do candidato, sendo que o seu não comparecimento importará em automática exclusão do concurso.

4.16. Não haverá prorrogação do tempo de duração das provas, em razão de afastamento do candidato da sala respectiva.

4.17. Em hipótese alguma o candidato poderá prestar prova fora da data, do horário, da cidade e do local predeterminados.

4.18. Ao terminar a prova, o candidato entregará, obrigatoriamente, ao fiscal de sala, a sua Folha de Respostas.

4.19. O último candidato a entregar a prova deverá apor sua assinatura em Protocolo de encerramento, sendo que, caso haja recusa do candidato em fazê-lo, o fiscal de sala deverá constar isso no Relatório de Ocorrências.

4.20. Na correção da Folha de Respostas será atribuída nota 0 (zero) à questão marcada com a alternativa incorreta, com mais de uma alternativa assinalada, sem alternativa assinalada ou com emenda ou rasura, ainda que legível a olho nu.

4.21. Em nenhuma hipótese haverá substituição da Folha de Respostas Objetivas por erro do candidato, sendo de sua inteira responsabilidade proceder ao seu preenchimento em conformidade com as instruções respectivas.

4.22. Não será permitido o ingresso ou a permanência de pessoas estranhas ao processo seletivo no estabelecimento de aplicação das provas.

4.23. Será excluído do concurso o candidato que:

a) apresentar-se após o horário estabelecido;

b) ausentar-se da sala de aplicação das provas sem o acompanhamento de fiscal ou antes de decorrida uma hora do início das provas;

c) for surpreendido em comunicação com outras pessoas;

d) estiver portando ou fazendo uso de qualquer tipo de equipamento eletrônico de comunicação;

e) lançar mão de meios ilícitos para a execução da prova;

f) não devolver a Folha de Respostas das Questões Objetivas;

g) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos;

h) fizer, em qualquer documento, declaração falsa ou inexata;

i) agir com incorreção ou descortesia, para com qualquer membro da equipe encarregada da aplicação das provas ou da comissão de concurso;

j) for responsável por falsa identificação pessoal;

k) utilizar ou tentar utilizar meios fraudulentos para obter aprovação própria ou de terceiros, em qualquer instante do processo seletivo;

l) efetuar o pedido de inscrição fora do prazo estabelecido neste Edital;

m) não possuir os pré-requisitos para o cargo almejado, estabelecidos no item 2.1.;

n) deixar de apresentar quaisquer documentos que comprovem o atendimento a todas as condições e requisitos estabelecidos neste Edital.

o) for surpreendido consultando ou utilizando livros, notas, códigos, manuais, impressos ou anotações, máquinas calculadoras (também em relógios), agendas eletrônicas ou qualquer outro equipamento eletrônico, telefone celular, transmissor/receptor de mensagens de qualquer tipo, BIP, walkman, MP3, MP4, gravador ou similares;

p) sair da sala de aplicação das provas antes do horário previsto no subitem 4.13. sem devolver o caderno de questões ao fiscal de sala.

4.24. Será considerada falta grave, implicando sua ocorrência na exclusão do candidato, com a anulação da respectiva prova, o comportamento incorreto ou descortês para com qualquer dos examinadores, seus auxiliares, fiscais ou autoridades presentes.

V - Do Julgamento da Etapa Única - Prova Escrita

5.1. Da Nota nas Questões Objetivas, para todos os cargos:

5.1.1. A nota obtida nas questões objetivas de múltipla escolha será calculada da seguinte forma:

a) A nota obtida em cada questão objetiva padronizada (Nop) corresponde ao produto entre a nota obtida em cada questão objetiva (No) e seu respectivo peso (Pso), sendo representada pela seguinte fórmula matemática: Nop = No x Pso.

b) A nota total obtida nas questões objetivas corresponde ao somatório das notas obtidas em cada questão objetiva padronizada (∑Nop).

5.2. Da Habilitação / Inabilitação na prova objetiva, para todos os cargos:

5.2.1. Depois de apurada a nota da prova objetiva, os candidatos serão relacionados por cargo/código, em ordem decrescente de nota total nas questões objetivas (∑Nop) e serão HABILITADOS aqueles cuja classificação for inferior ou igual a 3 (três) vezes o número de vagas ofertadas, conforme subitem 2.1, considerando-se, também, o percentual mínimo de acerto nas questões objetivas (∑Nop) igual a 30% (trinta por cento).

5.2.2. Serão INABILITADOS aqueles candidatos cuja classificação for superior a 3 (três) vezes o número de vagas ofertadas, conforme subitem 2.1, e aqueles que não obtiverem o percentual mínimo de acerto nas questões objetivas (∑Nop) igual a 30% (trinta por cento).

5.3. Do desempate na prova objetiva, para todos os cargos:

5.3.1. Havendo empate na totalização dos pontos, terá preferência o candidato que, na ordem a seguir, tenha obtido, sucessivamente:

a) o maior número de acertos em questões objetivas de peso 3;

b) o maior número de acertos em questões objetivas de peso 2;

c) o maior número de acertos em questões objetivas de peso 1.

5.4. Da nota na questão Dissertativa, exclusivamente para os cargos de Administrador, Advogado, Analista de Sistema, Assistente Social, Bibliotecário, Contador, Economista, Engenheiro de Minas e Geólogo:

5.4.1. Somente os candidatos HABILITADOS na prova objetiva terão a questão Dissertativa corrigida, após o que suas notas serão calculadas da seguinte forma: a nota total da redação padronizada (Nrp) corresponde ao produto entre a nota de redação (Nr) e o respectivo peso (Psr), sendo representada pela seguinte fórmula matemática: Nrp = Nr x Psr.

5.5. Da Nota Final na Etapa Única:

5.5.1.Para os cargos Administrador, Advogado, Analista de Sistema, Assistente Social, Contador, Bibliotecário, Economista, Engenheiro de Minas e Geólogo: Depois de apurada a questão Dissertativa, a nota do candidato (Nf) corresponde à soma entre a nota total nas questões objetivas (somatório de Nop) e a nota na questão Dissertativa padronizada (Nrp), sendo representada pela fórmula matemática: Nf = somatório de Nop + Nrp.

5.5.2. Para os cargos de Assistente Administrativo, Auxiliar Técnico, Técnico de Editoração Gráfica e Técnico de Geologia ou Mineração: Depois de apurada a primeira parte de prova, a nota do candidato (Nf) corresponde à nota total das questões objetivas (somatório de Nop), sendo representada pela fórmula matemática: Nf =somatório de Nop.

5.5.3. Depois de apurada a nota final (Nf) da prova escrita, os candidatos HABILITADOS, para todos os cargos, serão CLASSIFICADOS em ordem decrescente de nota, na Etapa Única (NgI).

VI- Da Aprovação, Classificação para Reserva Técnica e Eliminação no concurso

6.1. Depois de apurada a etapa única(NgI), para todos os cargos, o candidato HABILITADO será classificado por cargo/código, em ordem decrescente de nota global NG = NgI.

Onde:

NG = Nota Global no Concurso

NgI = Nota da Etapa Única (Prova escrita)

6.2. Somente será APROVADO no concurso, por cargo/código, o candidato HABILITADO na etapa única (para todos os cargos), cuja classificação for igual ou inferior ao número de vagas ofertadas, de acordo com o item 2.1 deste Edital.

6.3. Somente será CLASSIFICADO PARA RESERVA TÉCNICA no concurso, por cargo/código, o candidato HABILITADO na etapa única (para todos os cargos), cuja classificação for maior do que o número de vagas ofertadas, de acordo com o item 2.1 deste Edital.

6.4. O candidato que não for APROVADO nem CLASSIFICADO PARA RESERVA TÉCNICA será ELIMINADO.

6.5. Havendo empate na totalização dos pontos, terá preferência o candidato que, na ordem a seguir, tenha obtido, sucessivamente:

a) possua mais tempo de serviço prestado ao Estado da Bahia (art. 13, § único, alínea "a", da Lei nº 6.677/1994);

b) seja mais idoso, caso persista o empate.

6.6. Em hipótese alguma haverá convocação de candidatos ELIMINADOS ou EXCLUIDOS do concurso.

6.7. Serão considerados ELIMINADOS, para todos os efeitos, os candidatos que não satisfizerem os requisitos fixados neste Edital.

VII- Dos Recursos

7.1. Os gabaritos, as questões das provas aplicadas e os resultados de cada uma das etapas do concurso, para fins de recursos, estarão disponíveis na sede da Fundação CEFETBAHIA, situada no Boulevard América, nº. 749, Jardim Baiano, Nazaré, Salvador - BA e no endereço eletrônico: www.fundacaocefetbahia.org.br/cbpm/concurso.asp a partir do primeiro dia útil após a aplicação das provas e/ou do resultado de cada uma das etapas previstas no concurso, durante o período estabelecido para recurso.

7.2. Qualquer candidato, no prazo de até às 17h do 2º (segundo) dia útil após a publicação do ato de indeferimento do seu pedido de inscrição, da publicação do gabarito da prova objetiva e da publicação dos resultados de cada uma das etapas do concurso no site: www.fundacaocefetbahia.org.br/cbpm/concurso.asp poderá, fundamentadamente, interpor recurso, que deverá ser julgado em 10 (dez) dias pela Comissão de Concurso, observando-se as seguintes normas:

a) cada recurso, datilografado ou digitado, em 5 (cinco) vias de igual teor e forma, contendo o cargo para o qual o candidato está concorrendo, bem como nome, o número de inscrição e assinatura do candidato, deverá versar sobre uma única questão objetiva e/ou sobre resultados de cada uma das etapas do concurso e ser entregue, tempestivamente, no Protocolo da Fundação CEFETBAHIA, situada no Boulevard América, nº. 749, Jardim Baiano, Nazaré, Salvador-Ba CEP 40.050-320;

b) admitir-se-á um único recurso, por questão objetiva, para cada candidato, relativamente ao gabarito;

c) se do exame dos recursos resultar anulação de questão objetiva, os pontos a ela correspondentes serão atribuídos a todos os candidatos presentes, independentemente da formulação de recurso;

d) se, por força de decisão favorável a eventual recurso, houver modificação do gabarito oficial, com retificação de alternativa(s) considerada(s) correta(s), as provas serão recorrigidas de acordo com o novo gabarito, admitindo-se novo recurso somente da(s) questão(ões) retificada(s), na forma e prazo referidos nos itens anteriores.

e) somente serão aceitos os recursos protocolados na sede da Fundação CEFETBAHIA, situada no Boulevard América, nº. 749, Jardim Baiano, Nazaré, Salvador - BA CEP 40.050-320 ou aqueles postados impreterivelmente no prazo acima estabelecido com expedição, exclusivamente, via SEDEX e com Aviso de Recebimento (AR);

VIII - Da Homologação do Concurso e da Convocação para Avaliação Médica

8.1. A homologação ocorrerá no prazo de até dez dias úteis, contados da publicação do resultado final.

8.2. Após a homologação do resultado final do concurso, o Diretor Presidente da CBPM convocará para avaliação médica os candidatos APROVADOS, por ordem de classificação final e por código/cargo, no Diário Oficial do Estado.

IX - Da Avaliação Médica, da Convocação e da Contratação

9.1. Os candidatos convocados para avaliação médica deverão submeter-se aos exames médicos promovidos pela CBPM .

9.1.1. É responsabilidade exclusiva do candidato o comparecimento ao local indicado para a avaliação médica, em data, horário e condições constantes do Edital de Convocação.

9.1.1.1 O candidato que deixar de se apresentar, por qualquer motivo, para avaliação médica na forma estabelecida no subitem

9.1.1., será considerado desistente e NÃO SERÁ CONTRATADO.

9.1.2. A CBPM, respaldada no laudo expedido pelo seu serviço médico, divulgará o resultado sobre a qualificação do candidato como portador de deficiência e sobre a compatibilidade desta com as atribuições do cargo, não cabendo recurso dessa decisão.

9.1.2.1. Caso o candidato não tenha sido qualificado como portador de deficiência, na forma do subitem 9.1.2., perderá o direito de concorrer à vaga reservada a candidatos em tal condição e passará a concorrer igualmente com todos os demais candidatos, observada a rigorosa ordem de classificação no cargo a que concorre, não cabendo recurso dessa decisão.

9.1.2.2. Caso o candidato tenha comprovado sua condição de deficiente, mas a deficiência da qual é portador seja considerada, pela avaliação médica, incompatível para o exercício das atribuições do cargo a que concorre, indicadas no Capítulo

II deste Edital, será considerado INAPTO para o cargo pleiteado e, conseqüentemente, não será contratado.

9.1.2.3. Após a investidura do candidato no cargo, a deficiência não poderá ser arguida para justificar a concessão de aposentadoria.

X - Da Contratação

10.1. Requisitos básicos para contratação:

10.1.1. Ter sido APROVADO no concurso na forma estabelecida neste Edital.

10.1.2. Ter sido considerado APTO na avaliação médica.

10.1.3. Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa, e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos.

10.1.4. Estar quite com as obrigações eleitorais e militares.

10.1.5. Possuir nível de escolaridade exigido para o exercício do cargo para o qual se inscreveu no concurso conforme disposto no subitem 2.1.

10.1.6. Apresentar, de acordo com os pré-requisitos do respectivo cargo, comprovante original e cópia do Diploma / Certificado dos respectivos cursos, devidamente registrado no órgão competente.

10.1.7. Ter idade mínima de 18 anos na data de inscrição.

10.1.8. Apresentar folhas de antecedentes da Polícia Federal e da Polícia dos Estados onde tenha residido nos últimos cinco anos, expedida, no máximo, há seis meses.

10.1.9. Apresentar certidão negativa de antecedentes criminais.

10.1.10. Apresentar os originais e cópias dos seguintes documentos: RG; CPF; Título de Eleitor; Carteira de Trabalho; PIS; comprovante de residência com bairro e CEP; Certidão de Nascimento ou de Casamento (conforme o respectivo estado civil); Certidão de Nascimento dos filhos menores de 24 anos (para maiores de 21 anos apresentar também o atestado escolar) e 2(duas) fotos 3X4 atuais com fundo branco.

XI - Das Disposições Finais

11.1. O ato de inscrição gera a presunção absoluta de que o candidato conhece as presentes instruções e de que aceita as condições do concurso, tais como se acham estabelecidas na legislação pertinente e neste Edital.

11.2. A inexatidão das declarações, as irregularidades de documentos ou de outra natureza, ocorridas no decorrer do processo seletivo, mesmo que só verificadas posteriormente, eliminarão o candidato do concurso, anulando-se todos os atos e efeitos decorrentes da sua inscrição.

11.3. A aprovação e a classificação final geram para o candidato apenas a expectativa de direito à contratação, cabendo exclusivamente à CBPM deliberar sobre o aproveitamento dos candidatos APROVADOS, em número suficiente para atender às necessidades do serviço, observado o número de vagas existentes, não havendo, portanto, obrigatoriedade de contratação do número total de APROVADOS.

11.4. O acompanhamento das publicações referentes ao concurso é de responsabilidade única e exclusiva do candidato.

11.5. Não serão prestadas informações, por telefone, a respeito de datas, horários e locais de provas ou sobre o resultado destas.

11.6. Serão EXCLUÍDOS, para todos os efeitos, os candidatos que não satisfizerem os requisitos fixados neste Edital.

11.7. Todos os editais de convocação, avisos e resultados de todas as etapas serão publicados no Diário Oficial do Estado e na Página Oficial da CBPM na Internet www.cbpm.com.br.

11.8. Não será fornecido ao candidato qualquer documento comprobatório de classificação no concurso, valendo para esse fim, as listagens divulgadas no Diário Oficial do Estado.

11.9. Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão de Concurso e, no que couber, pelo Diretor Presidente da CBPM. Salvador, 05 de dezembro de 2012.

Hari Alexandre Brust

Diretor Presidente da CBPM

ANEXO I

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONHECIMENTOS GERAIS - CARGOS DE NÍVEL ENSINO MÉDIO E TÉCNICO

Cargos: Assistente Administrativo (Código: 001), Auxiliar Técnico (Código: 002), Técnico De Editoração Gráfica (Código: 101), Técnico de Geologia ou Mineração (Código: 102),

Português: Leitura e interpretação de textos (ficcionais e/ou não ficcionais); Ortografia, acentuação, pontuação. Formação de palavras. Léxico: adequação no emprego das palavras, morfossintaxe: o nome e seus determinantes; o verbo; as palavras de relação; estrutura do período, da oração e da frase; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal; colocação pronominal; formas de tratamento (usos e adequações). Estrutura do parágrafo. Coesão e coerência textuais; Estilística: denotação e conotação; figuras de linguagem. Níveis de linguagem.

Inglês: Compreensão de textos escritos, de nível intermediário que abordem aspectos técnicos e científicos. Conhecimento de aspectos linguístico-estruturais e gramática funcional: estrutura da sentença; frase nominal; substantivo; adjetivo; numerais; pronomes; frase verbal; tempos verbais; verbos auxiliares; palavras relacionais; formação de palavras.

Informática Básica:

Conceitos básicos de hardware e software. Dispositivos de entrada/saída e suas propriedades. Redes de computadores. Protocolo tcp/ip. Conceitos básicos de ambiente Windows Windows XP e Windows 7 e suas funcionalidades: ícones, atalhos de teclado, janelas, arquivos, pastas, programas, impressão. Conceitos e modos de utilização de aplicativos para edição de textos, planilhas e apresentações: ambiente Microsoft Office, BR Office. Conceitos básicos de tarefas e procedimentos de informática: organização e gerenciamento de arquivos, pastas e programas. Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados à Internet e intranet. Conceitos básicos de Internet e utilização de ferramentas de navegação: browsers Internet (Internet Explorer, Google Chrome, Mozilla Firefox e similares), correio eletrônico(Outlook Express, Mozilla Thunderbird e similares), grupos de discussão, fóruns , wikis, busca e pesquisa na internet. Conceitos de proteção e segurança, realização de cópias de segurança (backup). Noções de vírus, worms e pragas virtuais. Aplicativos para segurança (antivírus, firewall, antispyware, etc.) Conceitos de tecnologias e ferramentas multimídia, de reprodução de áudio e vídeo. Conhecimentos gerais sobre redes sociais (twitter, facebook, linkedin).

Atualidades

Noções sobre a vida econômica, social, política, tecnológica, relações exteriores, segurança, ecologia e com as diversas áreas correlatas do conhecimento juntamente com suas vinculações histórico - geográficas.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CARGOS DE NÍVEL ENSINO MÉDIO E TÉCNICO

Cargo: ASSISTENTE ADMINISTRATIVO (Código: 001)

Administração (Administração pública gerencial. Aspectos básicos da gestão de pessoas. Gestão estratégica da qualidade. Suporte administrativo nas áreas de contabilidade, finanças, logística e gestão de estoques. Noções de arquivística); Direito Administrativo (Conceituação, objeto, fontes e princípios do direito administrativo. Administração pública. Atos administrativos. Bens e serviços públicos. Princípios básicos da licitação); Relações Interpessoais (Ética, Gerenciamento do relacionamento. Retenção e aquisição de novos clientes. Qualidade no atendimento ao público. Comunicabilidade, apresentação, atenção, cortesia, interesse, presteza, eficiência, tolerância, discrição, conduta e objetividade; Noções de Segurança do Trabalho (Introdução à segurança e saúde do trabalhador. Órgãos e instituições relacionadas à segurança e à saúde do trabalhador - siglas e atribuições. Prevenção contra incêndio. Fundamentos de segurança e higiene do trabalho). Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: AUXILIAR TÉCNICO (Código: 002)

Legislação de Trânsito: Código de Trânsito Brasileiro, instituído pela lei nº 9,503, de 23 de setembro de 1997 e suas alterações, inclusive, a Lei 11.705, de 19-06-2008, Decreto nº 6.488, de 06 2008, Decreto 6.489, de 19-06-2008 e Resoluções do Contran, sistema nacional de trânsito, normas gerais de circulação e conduta, do pedestre e condutores de veículos não motorizados, do cidadão, educação para o trânsito, sinalização de trânsito, engenharia de tráfego, operação, fiscalização e policiamento ostensivo de trânsito, dos veículos, registro, licenciamento, habilitação, infrações penalidades, medidas administrativas, processo administrativo, crimes de trânsito, direção defensiva; noções sobre o funcionamento do veículo de duas ou mais rodas; noções de primeiros socorros, respeito ao meio ambiente e convívio social; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho. Mecânica de veículos automotores. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: TÉCNICO DE EDITORAÇÃO GRÁFICA (Código: 101)

Conhecimento das ferramentas de editoração científica e dos recursos computacionais específicos de um ou mais dos seguintes softwares (na língua portuguesa ou inglesa), e em qualquer uma de suas respectivas versões ou atualizações: Adobe Photoshop (CS3, CS4 ou CS5), Adobe Illustrator (CS3, CS4 ou CS5), Adobe InDesign (CS3, CS4 ou CS5) e Corel Draw (X3, x4 ou x5); Diferenciação entre imagens bitmapedas e vetoriais; Tratamento de imagens digitais: escalabilidade, compartilhamento e alteração;Métodos de armazenamento de imagens digitais; Preparação e fechamento de arquivo para impressão em todas as suas etapas;Noções de escala, localização, orientação e projeção. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: TÉCNICO DE GEOLOGIA OU MINERAÇÃO (Código: 102)

Geologia Geral, Mineralogia e Petrografia: Constituição Física e Química da Terra; Processos Endógenos e Exógenos; Teoria da Tectônica de Placas; Cristaloquímica; Cristalografia; Propriedades Físicas dos Minerais; Estrutura Interna da Terra; Magmatismo vs Tectônica de Placas; Nomenclatura das Rochas Ígneas; Tipos de Metamorfismo; Fatores Físico-químicos do Metamorfismo; Classificação da Fácies e Zonas Metamórficas; O Ciclo Sedimentar; Rochas Sedimentares Químicas e Detríticas; Principais Estruturas Sedimentares; Dobras; Falhas e Fraturas; Foliações; Mapas Topográficos e Geológicos; Coordenadas Geográficas e UTM.

Prospecção Geoquímica: Dispersão Geoquímica; Intemperismo; Pedogênese; Estudos Geoquímicos Orientativos; Técnicas de Amostragem; Processamento de Amostras; Tratamento de Dados Geoquímicos.

Prospecção Geofísica: Propriedades x Métodos de Investigação; Tipos de Levantamento; Métodos de Prospecção Geofísica(gravimetria, magnetometria, radiometria, elétricos, eletromagnético); GPR; Tratamento de Dados e Geração de Mapas Geológicos.

Prospecção Mineral: Mapeamentos Geológico e Topográfico; Trincheiras e Poços de Pesquisa; Sondagem (finalidade, descrição de testemunhos, integração seções geológicas e mapas); Amostragem de Depósitos; Cubagem de Reserva; Estudo de Viabilidade Técnico-econômica.

Conhecimentos Básicos de Topografia: Uso de Equipamentos Específicos; Caminhamento Planialtimétrico; Conceitos de Planos de Referência; Conceito de Escala; Elaboração de Mapas; Uso de GPS; Fotografias Aéreas; Imagens de Satélite; Uso de Teodolito, Estação-Total, Nível e Clinômetro.

Fundamentos de Informática: Planilha Eletrônica; AutoCad; GIS - ArcView. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

CONHECIMENTOS GERAIS - CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR

Cargos: Administrador (Código: 201), Advogado (Código: 202), Analista de Sistemas (Código: 203), Assistente Social (Código: 204), Contador (Código: 205), Bibliotecário (Código: 206), Economista (Código: 207), Engenheiro de Minas (Código: 208) e Geólogo (Código: 209).

Português: Leitura e interpretação de textos (ficcionais e/ou não ficcionais);Ortografia, acentuação, pontuação. Formação de palavras. Léxico: adequação no emprego das palavras. Morofo-sintaxe: o nome e seus determinantes; o verbo; as palavras de relação; estrutura do período, da oração e da frase; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal; colocação pronominal; formas de tratamento (usos e adequações). Estrutura do parágrafo. Coesão e coerência textuais; Estilística: denotação e conotação; figuras de linguagem. Níveis de linguagem.

Dissertação: A dissertação versará sobre tema relacionado à área específica respectiva ao cargo almejado. O tema poderá ser sugerido com base em: trechos de textos literários ou informativos; estímulos visuais como gravuras, fotografias, charges e quadrinhos.

Inglês: Compreensão de textos escritos, de nível intermediário que abordem aspectos técnicos e científicos. Conhecimento de aspectos linguístico-estruturais e gramática funcional: estrutura da sentença; frase nominal; substantivo; adjetivo; numerais; pronomes; frase verbal; tempos verbais; verbos auxiliares; palavras relacionais; formação de palavras.

Informática Básica:

Conceitos básicos de hardware e software. Dispositivos de entrada/saída e suas propriedades. Redes de computadores. Protocolo tcp/ip. Conceitos básicos de ambiente Windows Windows XP e Windows 7 e suas funcionalidades: ícones, atalhos de teclado, janelas, arquivos, pastas, programas, impressão. Conceitos e modos de utilização de aplicativos para edição de textos, planilhas e apresentações: ambiente Microsoft Office, BR Office. Conceitos básicos de tarefas e procedimentos de informática: organização e gerenciamento de arquivos, pastas e programas. Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados à Internet e intranet. Conceitos básicos de Internet e utilização de ferramentas de navegação: browsers Internet (Internet Explorer, Google Chrome, Mozilla Firefox e similares), correio eletrônico(Outlook Express, Mozilla Thunderbird e similares), grupos de discussão, fóruns , wikis, busca e pesquisa na internet. Conceitos de proteção e segurança, realização de cópias de segurança (backup). Noções de vírus, worms e pragas virtuais. Aplicativos para segurança (antivírus, firewall, antispyware, etc.) Conceitos de tecnologias e ferramentas multimídia, de reprodução de áudio e vídeo. Conhecimentos gerais sobre redes sociais (twitter, facebook, linkedin).

Atualidades

Noções sobre a vida econômica, social, política, tecnológica, relações exteriores, segurança, ecologia e com as diversas áreas correlatas do conhecimento juntamente com suas vinculações histórico - geográficas.

Cargo: ADMINISTRADOR (Código: 201)

Administração Geral: Conhecimentos de Administração e do Processo Gerencial; Administração, planejamento, organização e avaliação de serviços de informação; conhecimentos de qualidade e produtividade; elaboração e análise de instrumentos de gestão. Estruturas Organizacionais, Organização e Métodos;

Processo organizacional: planejamento, planejamento estratégico, direção, comunicação, controle e avaliação; processo decisório;

Comportamento organizacional: motivação, liderança, treinamento e desempenho, cultura organizacional.

Administração de Recursos Humanos: Estratégias Comportamentais; Relações com empregados; Gerenciamento de desempenho. Recrutamento e Seleção. Remuneração e benefícios. Motivação. Desenvolvimento de Pessoas. Organizações de aprendizagem. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: ADVOGADO (Código: 202)

Direito Minerário - Princípios constitucionais do direito minerário. Propriedade do solo e do subsolo. Legislação e institutos do direito minerário. Descrição e regime jurídico dos bens minerais: recursos nucleares, propriedades, pesquisa, lavra, transporte, importação e exportação, enriquecimento, reprocessamento e comércio. Decreto Lei 227 de 28/02/67. Lei 9314 de 14/11/96. Direito Administrativo: Administração Pública - princípios fundamentais, poderes e deveres. Uso e Abuso do poder. Organização Administrativa Brasileira (D.L.200/67 e 900/69-CF/88 artigos 37 e seguintes EC 19/98). Poderes Administrativos - vinculado, discricionário, hierárquico, regulamentar, disciplinar e de polícia. Processo Administrativo Disciplinar - do ato administrativo, conceito, requisitos, atributos, classificação, espécies. Anulação e revogação. Licitação e contratos, modalidades e etapas de uma licitação e contratos administrativos. Convênios e consórcios. Intervenção no domínio econômico. Controle da Administração Pública. Controle externo a cargo do Tribunal de Contas. Controle jurisdicional - sistemas de contencioso, administrativo e de jurisdição uma. Instrumento do controle jurisdicional. Investidura. Processo disciplinar. Serviços Públicos - Concessão, permissão, autorização e delegação. Bens Públicos. Poder de Polícia. Desapropriação. Processos Administrativos. Responsabilidade Civil do Estado. Limitações à Propriedade Privada. Do Mandado de Segurança.

Direito do Trabalho: Direito individual do trabalho - garantias constitucionais, proteção contra despedida arbitrária, FGTS, salário mínimo, piso salarial, irredutibilidade do salário, décimo terceiro salário, trabalho noturno, proteção do salário, participação nos lucros ou resultados, duração do trabalho, turnos de revezamento, repouso semanal remunerado, serviço extraordinário, férias, licença à gestante, licença paternidade, proteção do trabalho da mulher, aviso prévio, periculosidade, insalubridade, penosidade, creches e pré-escolas, prazos prescricionais das ações trabalhistas, isonomia salarial, proteção do trabalho do menor. CLT - normas gerais e especiais de tutela do trabalho, contrato individual do trabalho, disposições gerais, remuneração, alteração, suspensão, interrupção, rescisão, aviso prévio, estabilidade, força maior, disposições especiais. Direito coletivo do trabalho - garantias constitucionais, organização sindical, reconhecimento de convenções e acordos coletivos de trabalho, direito de greve. CLT - organização sindical, convenções e acordos coletivos. Legislação complementar - FGTS, greve, abono anual, vale transporte, estágio, trabalho rural e trabalho temporário. Recursos judiciais trabalhistas em todas as instâncias.

Direito Civil: Fontes formais do direito positivo. Vigência e eficácia. Conflitos de leis no tempo e no espaço. Hermenêutica e aplicação da lei. Pessoa natural - começo e fim da personalidade, capacidade de fato e de direito, pessoa absoluta e relativamente incapaz. Pessoa jurídica - classificação. Pessoa jurídica de direito público e privado - personalidade jurídica, representação e responsabilidade. Registro civil. Domicílio da pessoa natural e jurídica, pluralidade e mudança de domicílio. Bens - classificação, bens fora do comércio. Atos e fatos jurídicos - conceito e classificação, interpretação dos atos jurídicos, defeitos dos atos jurídicos, erro, dolo, coação, simulação e fraude. Modalidades - condição suspensiva, condição resolutiva e termo, forma, nulidade absoluta e relativa, ratificação. Atos ilícitos - conceito e espécies, prescrição - causas suspensivas e interruptivas. Direito das coisas - posse e propriedade. Direitos reais sobre coisas alheias - enfitense e servidões. Direitos reais de garantia - penhor, anticrese e hipoteca. Direito das obrigações - modalidades, cláusula penal, efeito das obrigações, pagamento por consignação, com sub-rogação, imputação, novação, transação, compromissos, confusão e remissão. Perdas e danos. Cessão de crédito. Contratos - espécies, obrigação por declaração unilateral de vontade, obrigações por atos ilícitos. Responsabilidade Civil. Teoria da culpa e do risco. Dano moral. Liquidação das obrigações. Concurso de credores.

Direito Comercial: Sociedades Comerciais - conceito, ato constitutivo, personalidade jurídica, contrato social, tipos de sociedades de pessoas. Sociedades por ações, sociedade aberta e fechada. Direitos e deveres dos sócios. Títulos de crédito - conceito, característica e classificação, código de defesa do consumidor, princípios gerais, campo de aplicação. Sociedade por cota de responsabilidade limitada. Sociedades anônimas - objeto social, valores mobiliários, acionistas, órgãos sociais, operações de transformação, incorporações, fusão, cisão. Sociedades controladoras. Contratadas e controladas. Dissolução e liquidação das sociedades. Falência e concordata - normas gerais. Quadro geral de credores - classificação dos créditos. Intervenção e liquidação extrajudicial (Lei nº 5.024/74). Indisponibilidade dos bens. Responsabilidade dos administradores e membros do conselho fiscal. Poderes e responsabilidades do interventor e liquidante. Sociedade de economia mista.

Direito Ambiental: Conceito. Fontes. Princípios. Campos de Avaliação. O Direito, os Recursos Ambientais e o Desenvolvimento. Proteção Constitucional ao Meio Ambiente. Direito Ambiental Comparado. A Tutela Administrativa e Judicial do Meio Ambiente. Ecologia e Meio Ambiente. Da Responsabilidade Ambiental. A Crise Ambiental. Conceitos Ecológicos. Definição de Eco-Sistemas e Área de Preservação Ambiental. Eco-Desenvolvimento e Desenvolvimento Sustentável. Biodiversidade. O Processo Ecológico Transindividual. Leis nº.s. 9.795/99 e 9.966/00, Decreto nº. 3.179/99 e Resolução CONAMA nº. 001/86. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Engenharia de software : software: arquitetura e projeto de sistemas, análise de requisitos, análise estruturada, análise orientada a objetos e modelagem de dados, aspectos fundamentais do projeto de software, projetos: tipologias, interface com usuário, tempo real; garantia de qualidade, testes, manutenção, gerenciamento de configuração, ferramentas CASE; gerência de projetos: métricas de produtividade e qualidade, estimativas, pontos de função, modelos empíricos, análise de risco, cronograma, reengenharia, planejamento organizacional, montagem da equipe, modelagem, planejamento e acompanhamento, implementação, codificação, requisitos de segurança, extração de informações, documentação, controle de versões, auditoria do código fonte, homologação, implantação, manutenção e evolução.

Sistemas de gerenciamento de banco de dados: conceitos, arquitetura, banco de dados relacionais; modelo relacional: domínios, relações e variáveis, álgebra relacional, cálculo relacional, integridade, visões, dependências funcionais, normalizações, modelagem semântica, gerenciamento de transações, segurança, gerenciamento de acesso; bancos de dados distribuídos.

SQL: componentes, linguagem de definição de dados, consultas, inserções, atualizações e exclusões do conteúdo de tabelas, extensões da SQL, procedures, visões, índices, otimizações de consultas, triggers e transações.

Microsoft SQL Server 2000: ambiente, administração do sistema, segurança, backup e restore, transferência de dados, automatizando tarefas de administração de sistema, data warehousing, MS Decision Support Services.

UML: casos de uso, modelo conceitual, associações, atributos, glossário, diagramas de sequência, contratos, diagramas de colaboração, diagramas de classe de projetos, pacotes, diagramas de estado, diagrama de implementação.

Estrutura de dados: introdução, listas lineares, árvores, algoritmos de ordenação.

Programação nas linguagens: JAVA, ASP, VB e DELPHI.

Design e construção de web sites: ferramentas disponíveis no mercado. Conhecimentos de HTML e XML. Criação de web site com acesso a banco de dados.

Sistemas operacionais: introdução, processos e threads, deadlocks, gerenciamento de memória, entrada e saída, sistemas de arquivos, sistemas operacionais multimídia, sistemas com múltiplos processadores, segurança. Funcionamento do Windows 2000.

Redes : conceitos básicos, camadas, técnicas básicas de segurança, protocolos. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: ASSISTENTE SOCIAL (Código: 204)

Relações Sociais: Interpretação histórico-metodológica e questões teórico-metodológicas.

Processos de Trabalho Social - Reestruturação na produção e processo no serviço social: Determinações; Desafios; Demanda e resposta; Competência técnica, teórica, metodológica e ética e política; Estratégia de ação no Serviço Social. Instrumentais para Intervenção: Pesquisa, Planejamento, Diagnóstico e Assessoria.

Serviço Social e Interdisciplinaridade

Saúde no Trabalho e Serviço Social

Noções de Direito: Código da Profissão e Lei 8662/93; Lei Orgânica da Assistência Social - LOAS (Lei Federal no 8.742, de 7 de dezembro de 1993). Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: CONTADOR (Código: 205)

Demonstrações Contábeis e Encerramento de Exercício: Plano geral de contas, regras para elaboração do plano, importância da classificação das contas; Balanço patrimonial, ativo e passivo reais e fictícios, elaboração do balanço. Demonstrações contábeis exigida pela lei nº 6.404, de 15/12/1976; classificação das contas no balanço patrimonial, demonstração de lucros ou prejuízos acumulados, demonstração do resultado do exercício, demonstração das origens e aplicações de recursos, modelo de demonstrações das mutações do patrimônio liquido, notas explicativas, exemplo de notas explicativas.

Inventários: conceito de inventário classificação de inventários, operações a cumprir, legais e permanentes, quadro sinótico sobre inventário.

Medidas preliminares para elaboração do balanço: elaboração do balancete de verificação, confronto do balancete com os registros específicos, inventário e retificação dos saldos das contas, depreciação - cálculos e contabilização, amortizações, correção monetária do ativo imobilizado (atualmente revogada), ajustes de despesas e receitas, provisão para devedores duvidosos e outras provisões, apuração de receitas não operacionais, venda de bens de uso, aplicação em investimentos.

Orçamentos e Custos: Conceito de orçamento, finalidades do orçamento. Por que departamentalizar? que é departamento e como se classifica, departamento e centro de custo, custo dos departamentos de serviços, esquema completo da contabilidade de custos, síntese do esquema básico completo, contabilização dos custos indiretos de produção.

Registro e Apuração dos Impostos e Taxas Federais, Estaduais e Municipais: elaboração de registros fiscais e contábeis e apuração de ICMS/ISS, calcular e conferir INSS sobre serviços prestados por terceiros, emitir DARF's, DAM's e GPS's das obrigações fiscais, emitir DCTF, DIRF, DACON, DMS e DMA, planejamento fiscal e tributário, registro e Apuração do LALUR - Lucro Real.

Finanças: formação de preço, elaboração e acompanhamento de fluxo de caixa, análise do mercado financeiro, contas a pagar, contas a receber, tesouraria.

Auditoria Interna e Externa: conceito auditoria interna e externa, avaliações dos controles internos, normas da auditoria interna e independente, planejamento da auditoria, pareceres da auditoria. Noções básicas de auditoria independente e interna. Contabilidade Pública Lei 4.320/64 e a Lei de Responsabilidade Fiscal: responsabilidade da Gestão fiscal: órgãos obrigados, equilíbrio das contas públicas, planejamento e transparência, metas e limites; receita corrente líquida (conceito); L.D.O. e a Lei Orçamentária Anual; execução orçamentária e cumprimento das metas; receita pública; despesa pública: tipos de despesa, restrições e limites com base na legislação do TCU; transferência de recursos públicos para o setor privado;

Controladoria: acompanhamento orçamentário, elaboração de relatório gerencial, avaliação de indicadores de desempenho, controle e padronização de fluxo de informação.

Planejamento estratégico: conceitos, objetivos, comprometimento corporativo, o papel do orçamento.

Mutações Patrimoniais: dependente e independente da execução orçamentária; endividamento: dívida pública fundada, dívida mobiliária, contratações de operações de crédito, operações de crédito por antecipação de receita, concessão de garantias, restos a pagar, limites e restrições; a gestão patrimonial; transparência, controle e fiscalização: instrumentos de transparência, prestação de contas, relatório da gestão fiscal, órgãos encarregados pela fiscalização, principais pontos de fiscalização.

Legislação Tributária. Imposto de Renda das Pessoas Jurídicas: Incidência. Provisões tributárias (IRPJ - CSSL - PIS/PASEP - COFINS).

Controle Patrimonial: aquisição, inclusão, movimentação e baixa.

Contabilidade Pública: A Contabilidade Pública Brasileira: Fundamentos teóricos, conceito de contabilidade pública, campo de atuação, objetivos, organização da contabilidade pública. Controle interno e externo.

Escrituração Contábil: lançamentos contábeis nos sistemas orçamentários, financeiros, patrimoniais e de compensação.

Relatório da Gestão: Prestação e julgamento das Contas. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: BIBLIOTECÁRIO (Código: 206)

Planejamento em Serviços de Informação: características e objetivos de um centro de informação; planejamento dos recursos humanos, materiais e financeiros; planejamento do espaço físico; critérios para formação de um acervo; redes e sistemas de informação; o IBICT; relatórios como instrumento de planejamento e avaliação.

Organização e Administração de Serviço de Informação: documentação, desenvolvimento de uma coleção e sua estrutura; preparo técnico do material bibliográfico; armazenagem e recuperação do material bibliográfico, segundo o seu suporte. Indexação: princípios da indexação; serviços de indexação; a prática da indexação; técnica de elaboração de descritores, cabeçalhos de assunto, vocabulário controlado; elaboração de resumos. Catalogação: finalidade e funções; geração; código anglo-americano. Classificação: catálogo de assunto; classificação decimal de dewey; classificação decimal universal; tabela de cutter e tabela PHA (Heloísa de Almeida Prado).

Normalização: normalização de publicações técnico-científicas, segundo as normas da ABNT; a normalização e as linguagens documentárias.

Serviço de Referência: conceituação; atendimento a pesquisas e consultas; técnicas de busca; utilização de fontes de informação: enciclopédias, dicionários, ementários, bibliografias, diretórios; intercâmbio entre bibliotecas; doação de duplicatas e empréstimo; serviços de alerta e disseminação da informação; perfil do usuário; empréstimo, reserva, devolução e cobrança de publicações.

Elaboração de Bibliografias: referenciação de livros e publicações não periódicas, no todo ou em parte, segundo as normas da ABNT; referenciação de artigos de periódicos, segundo as normas da ABNT. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: ECONOMISTA (Código: 207)

Análise Microeconômica: Teoria do Consumidor; Teoria da Firma; Estruturas de Mercado; Mercado de Fatores. Análise Macroeconômica: Contabilidade Social; Determinação da Renda; Modelo IS-LM; Demanda Agregada; Oferta Agregada; Macroeconomia Aberta. Políticas Públicas e Planejamento Educacional: Conceito de Planejamento; Importância do Planejamento; Abordagens do Planejamento; Níveis - Tipos de Planejamento; Fases - Etapas do Planejamento Características e Princípios do Planejamento; Elaboração e Execução, Avaliação de Planos e Projetos. Contabilidade pública: Introdução a Técnica Orçamentária: funções básicas do Estado; meios para manutenção do Estado; princípios orçamentários. Orçamento Público: planejamento; características do orçamento; técnicas de elaboração orçamentária; recursos para execução dos programas; execução orçamentária. Receitas Públicas: definição; classificação; estágios da receita. Despesas Públicas: definição; classificação; estágios da despesa; despesas não submetidas ao processo normal de realização. Patrimônio na Administração Pública: conceito; aspecto qualitativo e quantitativo patrimônio; inventário. Sistema de Contas: conceito, Resultado Financeiro, Resultado Econômico e aplicação. Plano de Contas: plano de contas dos sistemas orçamentário, financeiro, patrimonial e de compensação. Escrituração Contábil: lançamentos contábeis de abertura do exercício financeiro; lançamentos contábeis durante o exercício financeiro; lançamentos contábeis de encerramento do exercício financeiro. Demonstrações Contábeis: Balanço Orçamentário; Balanço Financeiro; Balanço Patrimonial; Demonstração das Variações Patrimoniais. Responsabilidade Fiscal: Lei de Responsabilidade Fiscal; Anexo das Metas Fiscais; Relatório Resumido de Execução Orçamentária. Licitações (Lei nº 8.666/93, Lei nº 10.520/02 e Decreto 5.450/05): Conceito, Objetivos, Princípios, Fases da licitação, Modalidades de licitação, Tipos de licitação, Dispensa e Inexigibilidade. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

PESQUISA MINERAL: Geologia de Jazidas Minerais; Métodos de Cubagem; Figuras Geométricas/Inverso do Quadrado da Distância - IQD/Krigagem (Geoestatística); Reserva Geológica e Reserva Lavrável/Parametrização de Reservas/Teores Médios e Teores de Corte; Avaliação Econômica de Jazidas. LAVRA: Lavra - Conceito Técnico Legal; Desenvolvimento de Mina; Lavra a Céu Aberto e Lavra Subterrânea; Tipos de Lavra a Céu Aberto; Métodos de Lavra Subterrânea; Determinação da Escala de Produção da Mina; Cálculo da Vida Útil da Mina; Regime Operacional da Mina; Determinação do Número de Frentes de Lavra; Características Físicas do Minério e do Estéril; Plano de Perfuração; Plano de Fogo / Explosivos e Acessórios; Carga e Transporte; Estudos Geotécnicos; Sistema de Deposição de Estéril; Dimensionamento de Equipamentos; Disponibilidade, Utilização e Rendimento de Equipamentos; Dimensionamento de Pessoal; Insumos da Lavra; Mecânica de Rochas (Caracterização de Maciços Rochosos; Classificação Geomecânica de Maciços Rochosos; Tensões em Maciços Rochosos; Deformabilidade dos Maciços Rochosos; Resistência dos Maciços Rochosos; Comportamento Mecânico das Descontinuidades; Escavações Subterrâneas em Rochas; Estabilidade de Taludes); Ventilação (Dimensionamento do Circuito de Ventilação; Dimensionamento de Equipamentos; Qualidade e Quantidade do Ar; Velocidade do Ar; Portas e Tapumes; Instalação do Sistema de Ventilação; Ventilação Auxiliar; Controle de Ventilação); Investimentos e Custos de Lavra;

BENEFICIAMENTO: Beneficiamento de Minério - Conceito Amplo e Restrito; Escalas e Curvas Granulométricas (Gráficos); Determinação do Grau de Liberação; Fragmentação - Aspectos Energéticos e Tecnológicos; Cominuição - Aspectos Energéticos e Tecnológicos; Equipamentos de Fragmentação; Classificação (Peneiramento); Instalações de Fragmentação Primária, Secundária e Terciária; Métodos de Separação de Partículas Minerais; Métodos Densitários; Métodos Sedimentários; Método de Separação em Meio Denso; Método de Separação em Leitos; Separação Magnética de Minerais; Separação por Flotação; Fluxogramas de Processo;

MEIO AMBIENTE: Diagnóstico Ambiental da Área da Mina: Meio Físico e Meio Biológico; Qualidade Ambiental da Área da Mina; Impactos Ambientais; Medidas Mitigadoras; Prevenção e Controle da Poluição por Óleo; Medidas de Estocagem, Controle e Destinação dos Resíduos Gerados; Medidas de Prevenção e Controle dos Mananciais de Água; Medidas de Segurança do Trabalhador; Controle de Erosão e Drenagem; Plano de Recuperação de Áreas Degradadas.

ASPECTOS LEGAIS: Regulamento do Código de Mineração; Estrutura do Relatório de Pesquisa; Estrutura do Plano de Aproveitamento Econômico; Plano de Fechamento da Mina; Plano de Resgate e Salvamento; Plano de Controle de Impacto Ambiental; Legislação Ambiental - Federal e Estadual; Licenciamento Ambiental; Roteiro de Caracterização do Empreendimento; EIA-RIMA. Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Cargo: GEÓLOGO (Código: 209)

GEOLOGIA / GEOLOGIA ESTRUTURAL / GEOTECTÔNICA: Mapeamento de terrenos ígneos, vulcanossedimentares, sedimentares e metamórficos de baixo e alto graus (Problemas gerais e organização dos trabalhos de campo; Metodologia de mapeamento; Análise e amostragem de afloramentos; Análise, interpretação e integração de dados; História geológica). Zonas de cisalhamento (Definição e classificação; Caracterização e posicionamento de estruturas associadas - fraturas de tração, cisalhamento e híbridas, dobras, lineações, foliações, indicadores cinemáticos; Tipos de Rochas - Séries milonítica e cataclasítica). Dobras (Definição, elementos geométricos fundamentais, classificação e técnicas de mapeamento; Caracterização e posicionamento de estruturas associadas - foliação, lineação, boudins, indicadores cinemáticos, fraturas; Hierarquia de estruturas; Vergência; Superposição de dobramentos). Análise de tensão/Deformação em maciços rochosos. (Círculo de Mohr; Propriedades reológicas dos materiais; Principais fluxos de deformação de rochas - coaxial e não co-axial). Sistemas tectônicos convergentes frontais, convergentes oblíquos e divergentes (Caracterização e estruturas associadas). Tectônica de Placas (Estruturas, metamorfismo e plutonismo associados com bordas convergentes, divergentes, trascorrentes e com ambientes intraplacas).

METALOGÊNESE: Modelos metalogenéticos e modelos exploratórios na pesquisa mineral. Objetivos, características, aplicações. Ferramentas modernas utilizadas em metalogênese e em exploração mineral (isótopos estáveis, inclusões fluidas, geocronologia, SIG, etc). Aplicações. Principais processos formadores de depósitos minerais (mecanismos, produtos, importância econômica e exemplos): Processos ígneos (ortomagmáticos e magmato-hidrotermais); Processos hidrotermais (movimentação de fluidos na crosta terrestre, depósitos realacionados a fluidos metamórficos, depósitos vulcano-exalativos e sedimentar-exalalativos); Processos Sedimentares (concentrações detríticas - formação de pláceres, sedimentação química - formações terríferas e manganesíferas bandadas, fosfoforitas, evaporitos, etc); Processos de superfície (lateritas e depósitos de enriquecimento residual). Depósitos minerais no contexto da tectônica global (distribuição dos minérios nos ambientes geotectônicos; metalogênese através do tempo geológico).

GEOFÍSICA DE EXPLORAÇÃO MINERAL: Propriedades Físicas dos Minerais e Rochas. Conceituação e Classificação dos Métodos Geofísicos. Aplicação dos Métodos Geofísicos no Mapeamento Geológico. Aplicação dos Métodos Geofísicos na Exploração Mineral. Aplicação dos Métodos Geofísicos no Monitoramento de Processos de Impacto ao Meio Ambiente. Comportamento anômalo dos depósitos minerais e como eles poderão ser monitorados ou diagnosticados por métodos geofísicos específicos.

PETROGRAFIA/LITOGEOQUÍMICA: Estruturas em rochas ígneas (Critérios macroscópicos e microscópicos de identificação de processos de mistura entre magmas - mixing e mingling); Diagramas de fase (Caracterização de sistemas com fusão congruente, incongruente, solução sólida parcial e solução sólida total); Coeficiente de partição na formação de magmas (Geração de diferentes tipos de magmas a partir de uma fonte quimicamente homogênea); Tipos de magmas (Caracterização dos tipos dos magmas com base nos conteúdos de álcalis, graus de saturação em sílica e alumínio); Evolução de magmas (Métodos de quantificação da evolução dos magmas incluindo regressão e AFC - assimilation with fractional crystallization). Séries Magmáticas (Caracterização geoquímica das séries magmáticas - elementos indicadores; Discriminação de ambiências geotectônicas por meio da litogeoquímica e da geoquímica isotópica). Geoquímica Isotópica. (Utilização dos isótopos de Sm e Nd como indicadores de tempo de residência crustal; Utilização dos valores de epsilon de Sr e Nd na identificação de reservatórios). Caracterização de Reservatórios isotópicos (Definição dos reservatórios isotópicos).

SENSORIAMENTO REMOTO E GEOPROCESSAMENTO: Geotecnologia - Conceito, abrangência, relação com especialidades afins. Cartografia Digital e Cartografia Temática - princípios da representação cartográfica e suas aplicações. Sistemas de Geo- Posicionamento (GPS, GLONASS, GALILEU). Sensoriamento Remoto - sensores imageadores e não imageadores, sensores óticos e de micro-ondas, sensores multiespectrais e hiperespectrais, sensores de elevada resolução espacial. Principais sensores comerciais disponíveis no mercado e tipos de aplicação mais adequada para cada sensor. Processamento Digital de Imagem procedimentos de pré-processamento, principais técnicas para realce digital de imagens de satélite, métodos de classificação, pós-processamento. Principais formatos de arquivo. Sistemas de Informações Geográficas (Georreferenciadas) - princípios, representação geográfica, georrefenciamento, natureza dos dados espaciais, incertezas, generalizações, abstrações e metadados. Principais pacotes de software disponíveis no mercado e suas características. Projeções Cartográficas - principais tipos de projeção cartográfica e datums. Modelagem de Dados Espaciais - criação e manutenção de base de dados espaciais, visualização e interações com usuários, mecanismos de busca, e análise de dados, simulações, cenários e suporte a decisão. Geoprocessamento - principais procedimentos e ferramentas de análise de dados espaciais em um SIG (merge, buffer, clip, principais tipos de interpoladores e seu uso etc.). Exploração Mineral e Geotecnologias - técnicas de PDI aplicado a extração de dados para exploração mineral, técnicas de modelagem espacial como suporte à definição de alvos para exploração mineral. Princípios de Fotointerpretação - aplicação a imagens de satélite e a imagens digitais. Integração SIG - Sensoriamento Remoto - criação de base de dados, espaciais com produtos de sensoriamento remoto, análises e processamentos integrados. Aplicações de Geotecnologias a Mapeamentos Temáticos, com ênfase em cartografia geológica. Modelos Numérico do Terreno - definições, preparação e utilização com ênfase em aplicações geológicas.

MEIO AMBIENTE: Caracterização dos ecossistemas da Bahia. Legislação ambiental Federal e Estadual. Política Nacional de Meio Ambiente. Meio Ambiente e Cidadania. Licenciamento Ambiental. Monitoramento Ambiental.

PROSPECÇÃO E AVALIAÇÃO MINERAL: Fases e etapas de trabalho num programa de exploração e pesquisa mineral (Caracterização e ordenamento cronológico de cada fase. Escalas de trabalho. Metodologias - análise e avaliação dos dados e informações disponíveis, critérios para a seleção de áreas, planejamento dos trabalhos, mapeamentos e levantamentos geológicos, geofísicos, geoquímicos, investigações diretas em subsuperfície, análises químicas, cubagem e ensaios tecnológicos preliminares; Análises e avaliações de resultados - critérios para tomada de decisão em cada fase/etapa realizada). Guias de prospecção mineral: Conceito, aplicações e exemplos. Critérios de prospecção mineral: Conceito, aplicações e classificação (critérios litológicos: exemplos; Critérios estratigráficos; exemplos; critérios estruturais: exemplos; critérios geomorfológicos: exemplos; critérios paleogeográficos: exemplos; critérios geotectônicos: exemplos; critérios geofísicos: exemplos; critérios geoquímicos: exemplos; critérios associados: exemplos). Prospecção geoquímica através de Sedimentos de Corrente e Solos (Fundamentos da aplicação à prospecção mineral; escalas de trabalho; metodologias dos levantamentos, amostragens e análises; conceito e determinações de "limiar" (threshold) e anomalias; análise e integração dos dados geoquímicos com informações geológicas e geofísicas; conceito de elemento "farejador" (pathfinder): aplicações e exemplos). Aplicação de Minerais Pesados na prospecção (Princípios e fundamentos da aplicação; metodologias de trabalho: amostragens, tratamento das amostras e análises; condições mais favoráveis para a aplicação: exemplos). Noções de Métodos Analíticos. Conceito de Zonalidade nas mineralizações (Caracterização e identificação da zonalidade; aplicações na prospecção mineral: exemplos). Alteração das Rochas Encaixantes das mineralizações (Tipos, caracterização e identificação das alterações; importância e aplicações das alterações das rochas encaixantes na prospecção: exemplos). Métodos de Prospecção de Depósitos Minerais (Minerais Metálicos; Minerais e Rochas Industriais). Avaliação de Recursos e Reservas (Conceitos; Métodos de Cubagem: Figuras Geométricas / Inverso do Quadrado da Distância - IQD / Krigagem (Geoestatística); Reserva Geológica e Reserva Lavrável / Parametrização de Reservas / Teores Médios e Teores de Corte).

SISTEMAS DEPOSICIONAIS: Princípios de Correlação Estratigráfica (Horizontalidade / superposição / continuidade, litoestratigrafia, bioestratigrafia, cronoestratigrafia, estratigrafia isotópica, lei de Walter). Sistemas Deposicionais (Principais tipos de ambientes de deposição continentais e marinhos - leques aluviais, rios, deltas, areias litorâneas, plataformas siliciclásticas e carbonáticas, recifes, talude, leques submarinos etc.). Estratigrafias de Seqüências (Definições, superfícies limitantes, paraseqüências, padrões de empilhamento, tratos de sistema, tipos de seqüência, vales incisos, influência das variações do nível do mar etc). Estratigrafia Sísmica (Conceitos, padrões de terminação de refletores sísmicos - onlap, downlap, toplap etc..). Aplicações da utilização de Sistemas Deposicionais e de Estratigrafia de Seqüências na prospecção de recursos minerais em terrenos sedimentares Fanerozóicos e Precambrianos.

METAMORFISMO: Fatores e Mecanismos (A pressão e Temperatura no Globo Terrestre; Condução e Gradiente Geotérmico; Gradiente Geotérmico e Contexto Geodinâmico; Transformações Metamórficas; Tipos de Metamorfismo: Regional ou Dinamotermal, Soterramento ou de Carga, Contato ou Térmico, Dinâmico ou Cataclástico, Hidrotermal ou Metassomático e de Impacto). Texturas e Estruturas (Tensores e Textura/Estrutura; Desenvolvimento de Estruturas Planares e Lineares; Recristalização Pré, Sin e Pós-tectônica). Evolução das Condições de Metamorfismo (Paragênese Mineral; Isógradas do Metamorfismo; Fácies, Subfácies e Graus Metamórficos; Regra das Fases: Diagramas ACF, A'KF e AFM; Geotermobarometria; Geoquímica das Rochas Metamórficas - Mobilidade dos Elementos). Metamorfismo X Tectônica (Metamorfismo e Geodinâmica; Cinturões Metamórficos Emparelhados na Tectônica de Placas. Zonas de Subducção, Arcos Vulcânicos, Colisão Continental, Metamorfismo de Fundo Oceânico). Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

Concurso relacionado:Concurso CBPM (BA)