Edital Concurso Prefeitura de Ilópolis – RS

MUNICÍPIO DE ILÓPOLIS
ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL
EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO No 010/2011

“Torna Público a abertura de inscrições para Concurso Público”

OSMAR BALDISSARELLI, Prefeito Municipal de Ilópolis, Rio Grande do Sul, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município, TORNA PÚBLICO à abertura de inscrições para Concurso Público ao provimento dos cargos que integram o quadro de vagas do Município.

NORMAS QUE REGEM O PROCESSAMENTO DO CONCURSO

O presente Concurso reger-se-á pelas disposições deste edital, pelo regulamento de concursos e com base no artigo 37 da Constituição Federal e Lei Orgânica do Município no que couber.

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES.

1.1. Este Concurso Público, de acordo com a Licitação municipal Dispensa nº 093/2011 de 09 de setembro de 2011 e Contrato nº 079/2011, será executado pela SELLECTOR CONCURSOS e destina-se a selecionar candidatos para provimento de Cargos e cadastro de reserva do Município de ILÓPOLIS.

1.2. O Concurso Público consistirá da avaliação de conhecimentos, mediante aplicação de Provas Objetivas, Provas de Títulos e Provas Práticas de acordo com a especificidade do cargo, em conformidade com o estabelecido no Edital.

1.3. As Provas Objetivas serão realizadas na cidade de ILÓPOLIS - RS, em datas, horários e locais a serem divulgados conforme estabelecido no item 3 - Da Divulgação, deste Edital.

1.4. Para os cargos públicos onde a escolaridade exigida for nível superior e nível técnico é exigido registro no conselho ou órgão de classe competente.

1.5. O Concurso Público destina-se ao preenchimento de vagas existentes e outras que vierem a vagar ou a serem criadas por Lei Municipal, durante o período de validade do concurso para o Quadro de Cargos de Provimento Efetivo, conforme quadros abaixo e Anexo I deste Edital.

Cargo

Vagas

Escolaridade

Carga
Horária
Semanal

Vencimento

R$

Valor Inscr
R$

Tipo de Prova

Assistente Social

01

Superior na área com Registro no Conselho de Classe

30

2.052,94

50,00

Objetiva

Contador

01

Superior de Ciências Contábeis com Registro no Conselho de Classe

40

3.326,97

50,00

Objetiva

Motorista

02

Ensino Fundamental Completo e/ou Incompleto e CNH - Categoria "D".

44

940,49

30,00

Objetiva/ Prática

Nutricionista

01

Superior na área com Registro no Conselho de Classe

20

1.222,18

50,00

Objetiva

Oficial de Serviços Gerais

01

Ensino Fundamental Completo e/ou Incompleto

44

662,46

30,00

Objetiva/ Prática

Operador de Máquinas

01

Ensino Fundamental Completo e/ou Incompleto, carteira de habilitação profissional categoria "C" e experiência comprovada em trabalhos com máquinas e equipamentos rodoviários.

44

1.069,54

30,00

Objetiva/ Prática

Psicólogo

01

Superior na área com Registro no Conselho de Classe

36

2.052,94

50,00

Objetiva

Professor História

01

Formação de curso superior de graduação plena correspondente a área de conhecimento específico, ou complementação pedagógica, nos termos da lei vigente, para o exercício da docência nas séries finais do Ensino Fundamental

22

534,66

50,00

Objetiva/ Títulos

Professor Língua Inglesa

01

Formação de curso superior de graduação plena correspondente a área de conhecimento específico, ou complementação pedagógica, nos termos da lei vigente, para o exercício da docência nas séries finais do Ensino Fundamental

22

534,66

50,00

Objetiva/ Títulos

2 DAS ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

As atribuições para o exercício de cada cargo deste Concurso constam no ANEXO I deste Edital.

3 DA DIVULGAÇÃO

3.1 A Divulgação oficial de todas as etapas referentes a este Concurso Público se dará na forma de Editais, Extratos de Editais e Avisos, através dos seguintes meios e locais:

3.2 Divulgação no quadro de publicações da PREFEITURA MUNICIPAL DE ILÓPOLIS, sito na Rua Conselheiro José Bozzetto, n° 987 - Ilópolis- RS

3.3 Divulgação eletrônica pelos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br em caráter informativo

4 DAS INSCRIÇÕES

4.1. Período: de 14 de outubro de 2011 até 27 de outubro de 2011, das 08h e 30min às 11h e das 13h e 30min às 17h.

4.1.1. As inscrições para o Concurso serão realizadas no Setor de Pessoal, na sede da Prefeitura Municipal de Ilópolis, Rua Conselheiro José Bozzetto, nº 987, onde também poderão ser obtidas as informações sobre este Edital e seus anexos.

4.1.2. A Administração Municipal de ILÓPOLIS e a Sellector Concursos, não se responsabilizam pelas inscrições que não forem efetuadas por motivos de ordem técnica alheias ao seu âmbito de atuação, tais como o candidato que não comprovar a documentação necessária, o não pagamento da taxa de inscrição ou o não preenchimento correto da ficha de inscrição e quaisquer outros fatores exógenos que impossibilitem a transferência dos dados dos candidatos para a Comissão Organizadora do Concurso.

4.1.3. O candidato deverá possuir a idade mínima de 18 (dezoito) anos até a data da posse.

4.1.4. A inscrição no Concurso Público implica, desde logo, o conhecimento e tácita aceitação pelo candidato, das condições estabelecidas neste Edital.

4.1.5. Ficam advertidos os candidatos habilitados e classificados, de que em caso de nomeação, a posse no cargo só lhe será deferida se exibirem à documentação comprobatória das condições previstas no item 13 do presente Edital.

4.1.6. Não serão aceitas inscrições pagas com cheques.

4.1.7. Não serão aceitas inscrições condicionais, por correspondência, fac-símile (fax) ou por qualquer outro meio eletrônico.

4.1.8. Não serão aceitas inscrições fora do prazo estabelecido neste edital.

4.1.9. O Valor da taxa de inscrição não será devolvido em hipótese alguma, mesmo que o candidato não efetive sua inscrição ou não tenha sua inscrição homologada, salvo se o Concurso não for realizado em virtude de cancelamento.

4.1.10. A inscrição somente será aceita após a confirmação do pagamento da taxa de inscrição.

4.1.11. Uma vez efetuada a inscrição, não poderá ser realizada nenhuma alteração nos dados informados da inscrição, somente do cadastro.

4.1.12. A Sellector Concursos e o Município não se responsabilizam por inscrições não recebidas, em decorrência de ordem técnica, falhas de comunicação, congestionamento de linhas de comunicação, bem como outros fatores, de ordem técnica, estranhos ao sistema, que impossibilitem a transferência de dados.

4.1.13. O candidato marcará em item específico no Formulário de Inscrição, declaração de que está de acordo com as exigências e condições previstas neste edital.

4.1.14. Documentação Necessária para Inscrição:

Para inscrever-se, o candidato deverá nos dias previstos no subitem 4.1. - comparecer no local de inscrição munido de ORIGINAIS E CÓPIAS:

a) Cédula de identidade civil ou militar ou CTPS frente e verso; São considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pela Secretaria da Justiça e Segurança, pelos Ministérios Militares: carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (Ordens, Conselhos); passaportes; CNH's.

b) Comprovante de recolhimento da taxa de inscrição pago junto a tesouraria da Prefeitura Municipal;

c) Informação do número do CPF;

d) Caso o candidato seja portador de deficiência física, deverá entregar atestado médico em receituário próprio, especificando claramente a deficiência, nos termos da Classificação Internacional de Doenças (CID), à Comissão de Concursos até o último dia de inscrições, endereçado à Prefeitura Municipal de Ilópolis, Rua Conselheiro José Bozzetto, nº 987, Ilópolis/RS, assim como deverá assinalar no formulário de inscrição o campo específico para este fim.

4.1.15. A inscrição deverá ser feita pessoalmente pelo candidato ou, por procuração, com poderes específicos autenticada em cartório. Não serão aceitas inscrições por correspondência. O procurador não poderá ser funcionário público municipal, excetuando-se dessa ressalva os parentes até segundo grau. A falha das informações constantes no cartão de inscrição tornará o pedido anulado em qualquer fase do Concurso

4.2.16. Os candidatos, ao efetivar sua inscrição, assumem inteira responsabilidade pelas informações constantes no seu formulário de inscrição, sob as penas da lei, bem como assume que está ciente e de acordo com as exigências e condições previstas neste Edital, do qual o candidato não poderá alegar desconhecimento.

5 HOMOLOGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES

5.1 Após o encerramento do período de inscrição, será divulgado o Edital contendo as inscrições homologadas e não homologadas.

5.2 Da não homologação de inscrição caberá recurso e deverá ser formulado no prazo de 02 (dois) dias úteis, a contar do primeiro dia útil subseqüente ao da publicação do Edital de homologação das inscrições mediante requerimento ao Prefeito Municipal.

6 DAS DISPOSIÇÕES GERAIS SOBRE A INSCRIÇÃO

6.1 O candidato não poderá inscrever-se para mais de um cargo do presente concurso.

6.2 É vedada a inscrição condicional ou extemporânea (fora do prazo).

7 DAS PROVAS

7.1 O Concurso Público consistirá de exames de conhecimentos, mediante aplicação de Provas Objetivas, Provas Práticas e Prova de Títulos.

7.2 As provas objetivas consistirão na resolução de questões objetivas baseadas no programa constante do ANEXO II deste Edital e será valorizada na escala de 0 a 100 pontos cada prova.

7.3 Só será considerado APROVADO o candidato que obtiver média aritmética ponderada igual ou superior a 50% (cinqüenta por cento) das notas obtidas na prova objetiva, obedecendo aos seguintes pesos:

7.3.1 Para os cargos de Motorista e Operador de Máquinas:

1ª Etapa - Prova objetiva:

A prova específica (legislação de trânsito) é de caráter ELIMINATÓRIO, ou seja, o candidato que atingir PONTUAÇÃO INFERIOR a 50% (cinqüenta por cento) nesta prova será considerado REPROVADO. Esta etapa também será de caráter CLASSIFICATÓRIO.

As Provas consistirão na resolução de questões objetivas baseadas no programa constante do ANEXO II deste Edital e será valorizada na escala de 0 a 100 pontos cada prova.

Só será habilitado à prova prática o candidato que for aprovado na prova objetiva.

2ª Etapa - Prova Prática:

Esta prova constará de exercícios práticos de técnicas de dirigibilidade em situações reais de trânsito, a critério da Banca Examinadora. Serão convocados a prestar a Prova Prática da função, os 10 (dez) de cada cargo primeiros candidatos habilitados na primeira etapa do Concurso.

A Prova Prática da função terá a sua nota somada à nota obtida na Prova objetiva, para composição da NOTA FINAL:

A Prova Prática será aplicada em data, horário e local a ser informado por Edital e destina-se a avaliar a experiência prévia do candidato, seu conhecimento técnico, constando de demonstração prática de sua habilitação na execução das atribuições do cargo (conforme Anexo I).

Na aplicação da prova prática, com utilização de equipamentos de elevado valor, pertencentes ou sob a responsabilidade do Município, poderá ser procedida, a critério da Banca de Aplicação, a imediata exclusão do candidato que demonstre não possuir a necessária capacidade no seu manejo, sem risco de danificá-los. O Candidato deverá apresentar Carteira Nacional de Habilitação no momento da prova prática.

Haverá um tempo máximo para a realização de cada quesito da prova, que será fixado pela comissão de provas, considerando a dificuldade e demais aspectos necessários para o desempenho satisfatório dos testes, por parte dos candidatos.

Critérios das avaliações:

1° - PROVA PRÁTICA: é eliminatória, o candidato que atingir MÉDIA ARITMÉTICA PONDERADA INFERIOR a 50% nesta prova será considerado REPROVADO.

Disciplina

N° Questões

Mínimo p/Aprovação

Peso

Prova de Legislação de Trânsito (Específica)

20 (vinte)

10 (dez) Questões

02 (dois)

Prova de Português

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova de Matemática

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova Prática

50%

04 (quatro)

EMPATE:

Em caso de empate, preferência à idade mais elevada. Em candidatos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, nos termos do Artigo 27 da Lei Federal n. 10.741/2003, entre si e frente aos demais, prática, legislação de trânsito, português, matemática. Persistindo o empate ocorrerá: SORTEIO PÚBLICO.

7.3.2 Para o cargo de Contador.

A prova específica (legislação) é de caráter ELIMINATÓRIO, ou seja, o candidato que atingir PONTUAÇÃO INFERIOR a 50% (cinqüenta por cento) nesta prova será considerado REPROVADO. Esta etapa também será de caráter CLASSIFICATÓRIO.

Disciplina

N° Questões

Mínimo p/Aprovação

Peso

Prova de Legislação (Específica)

20 (vinte)

10 (dez) questões

04 (quatro)

Prova de Português

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova de Matemática

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova de Informática

10 (dez)

-

02 (dois)

Em caso de empate, em candidatos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, nos termos do Artigo 27 da Lei Federal N. 10.741/2003, entre si e frente aos demais, Legislação (Específica), português, matemática e informática; Persistindo o empate ocorrerá: SORTEIO PÚBLICO.

7.3.3 Para os cargos de Assistente Social, Nutricionista e Psicólogo.

A prova específica é de caráter ELIMINATÓRIO, ou seja, o candidato que atingir PONTUAÇÃO INFERIOR a 50% (cinqüenta por cento) nesta prova será considerado REPROVADO. Esta etapa também será de caráter CLASSIFICATÓRIO.

Disciplina

N° Questões

Mínimo p/Aprovação

Peso

Prova Específica

20 (vinte)

10 (dez) questões

06 (seis)

Prova de Português

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova de Legislação

10 (dez)

02 (dois)

Em caso de empate, em candidatos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, nos termos do Artigo 27 da Lei Federal N. 10.741/2003, entre si e frente aos demais, maior nota na prova específica, português e legislação. Persistindo o empate ocorrerá: SORTEIO PÚBLICO.

7.3.4 Para o cargo de Oficial de Serviços Gerais.

A prova prática é de caráter ELIMINATÓRIO, ou seja, o candidato que atingir PONTUAÇÃO INFERIOR a 50% (cinqüenta por cento) nesta prova será considerado REPROVADO. Esta etapa também será de caráter CLASSIFICATÓRIO.

Disciplina

N° Questões

Mínimo para Aprovação

Peso

Prova de Português

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova de Matemática

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova Prática

50%

06 (seis)

Em caso de empate, preferência à idade mais elevada, em candidatos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, nos termos do Artigo 27, da Lei Federal N. 10.741/2003, entre si e frente aos demais, maior nota na prova Prática, português, matemática. Persistindo o empate ocorrerá: SORTEIO PÚBLICO.

7.3.5 Para os cargos de Professor de História e Professor de Língua Inglesa.

A prova específica é de caráter ELIMINATÓRIO, ou seja, o candidato que atingir PONTUAÇÃO INFERIOR a 50% (cinqüenta por cento) nesta prova será considerado REPROVADO. Esta etapa também será de caráter CLASSIFICATÓRIO.

Disciplina

N° Questões

Mínimo p/Aprovação

Peso

Prova Específica

20 (vinte)

10 (dez) questões

06 (seis)

Prova de Didática

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova de Estrutura

10 (dez)

-

02 (dois)

Prova de Títulos

Em caso de empate, em candidatos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, nos termos do Artigo 27 da Lei Federal n. 10.741/2003, entre si e frente aos demais, maior nota na prova específica, didática, estrutura, legislação e títulos; Persistindo o empate ocorrerá: SORTEIO PÚBLICO.

8 DAS PROVAS DE TÍTULOS

Para todos os candidatos aos cargos de Professor, habilitados na Prova Objetiva, haverá PROVA DE TÍTULOS, de caráter classificatório. Da Apresentação dos Títulos:

8.1 Os candidatos serão convocados a apresentar seus títulos, por fotocópias autenticadas, devidamente rubricadas e numeradas, conforme disposto no item 8.2 deste Edital de Concurso em data a ser divulgada no quadro de publicações da PREFEITURA MUNICIPAL DE ILÓPOLIS, conforme prevê o item 3 e nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis.com.br em caráter informativo.

8.2 Juntamente com os títulos, o candidato deverá apresentar uma relação dos mesmos, em formulário próprio. Esta relação será preenchida em duas vias: destas uma será devolvida ao candidato devidamente rubricada pelo servidor responsável pelo recebimento, a outra será encaminhada para a contagem da pontuação.

8.3 Os títulos e respectiva relação serão entregues pelos candidatos em envelope, devidamente identificado com o nome, número de inscrição e cargo.

8.4 Os documentos comprobatórios de títulos não podem apresentar rasuras, emendas ou entrelinhas;

8.5 Não serão pontuados os títulos que excederem ao máximo em quantidade e pontos conforme tabela.

TABELA

ITENS

Quantidade de títulos (máximo)

Valor Unitário

(pontos)

Valor máximo

(Pontos)

Comprovante de Graduação (desde que não seja o que permitiu a inscrição no concurso).

2,0

1,0

2,0

Comprovante de Pós-Graduação Especialização com carga horária mínima de 360h na área da educação.

2,0

1,0

2,0

Comprovante de Mestrado na área de Educação.

1,0

1,0

1,0

Comprovante de Doutorado na área de Educação.

1,0

1,0

1,0

Trabalho científico na área de atuação apresentado em congresso, seminário, simpósio, mesa redonda ou painel e ou publicado ou reproduzido por órgão oficial.

4,0

1,0

4,0

CURSOS, SEMINÁRIOS, JORNADAS CONGRESSOS desde que relacionados com a área da Educação e no mínimo com 40 horas. Não serão aceitos com data anterior a 2000.

20,0

0,5

1

0,0

8.6 Títulos sem conteúdo e registro especificado não serão pontuados, caso não se possa aferir a relação com o cargo.

8.7 Máximo de 20 (vinte) pontos nesta prova.

8.8 O curso de exigência do cargo não será utilizado para pontuação.

8.9 O comprovante deverá ser o Diploma, Certificado de Conclusão, Declaração ou Atestado, expedido pela Entidade promotora. Não serão pontuados boletim de matrícula, histórico escolar ou outra forma que não a determinada acima.

8.10 Certificados sem carga horária definida não receberão pontuação.

8.11 Estágios, monitorias, residência, coordenação de cursos, palestrante, orientador, fiscal, facilitador e outros trabalhos executados ou publicados não serão pontuados.

9 DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS:

9.1. Objetivas:

a) O candidato deverá comparecer ao local determinado para a realização das provas, com antecedência mínima de 30 (trinta) minutos do horário fixado para o início dos trabalhos, munido de comprovante de inscrição, documento de identidade (civil ou militar), caneta esferográfica azul ou preta.

b) Serão considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública e pelos Institutos de Identificação, carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (Ordem, Conselho, etc.) passaporte; certificado de reservista, carteiras funcionais do Ministério Público, carteiras funcionais expedidas por órgão público que, por lei federal, valham como identidade; carteira de trabalho; carteira nacional de habilitação, desde que com foto. O documento deverá estar legível.

c) Não haverá prova fora do local designado, nem em datas e/ou horários diferentes. d) O tempo máximo de duração das provas objetivas será de 03 (três) horas.

e) Será proibido o acesso ao local de realização das provas aos candidatos que se apresentarem em horário diferente do estabelecido para o seu início, seja qual for o motivo alegado.

f) Em nenhuma hipótese haverá segunda chamada, seja qual for o motivo alegado.

g) Durante as provas não serão permitidas consultas de nenhuma espécie, utilizar-se de telefone celular ou qualquer outro aparelho eletro-eletrônico, bem como utilizar instrumentos próprios, salvo os expressamente permitidos.

h) O caderno de provas é o espaço no qual o candidato poderá desenvolver todas as técnicas para chegar à resposta adequada, permitindo-se o rascunho e a rasura em qualquer folha, EXCETO, na capa do caderno e na GRADE DE RESPOSTAS.

i) Será atribuída nota 0 (zero) à resposta que, na grade de respostas estiver em desconformidade com as instruções, não estiver assinalada ou que contiver mais de uma alternativa assinalada, emenda ou rasura ou alternativa marcada a lápis, ainda que legível.

j) Em nenhuma hipótese, será considerado para correção e respectiva pontuação o caderno de provas.

k) O candidato, ao terminar a prova objetiva, devolverá ao fiscal de sala, juntamente com a grade de resposta, o caderno de provas, tendo em vista a obrigatoriedade do arquivamento pela Prefeitura Municipal.

l) Será permitido aos candidatos copiar sua grade de respostas, para conferência com o gabarito oficial, no verso do documento de inscrição no Concurso Público.

m) Ao final das provas objetivas, os dois últimos candidatos deverão permanecer no recinto, a fim de assinar o lacre do envelope das provas juntamente com os fiscais, sendo liberados quando todos as tiverem concluído.

9.2. Será excluído do Concurso o candidato que:

a) for surpreendido, durante a realização das provas, em comunicação com outro candidato, bem como se utilizando de consultas;

b) utilizar-se de quaisquer recursos ilícitos ou fraudulentos em qualquer etapa de sua realização;

c) ausentar-se, a não ser momentaneamente, em casos especiais e acompanhados do fiscal de sala;

d) portar-se inconvenientemente perturbando de qualquer forma, o bom andamento dos trabalhos;

9.3. Será desclassificado do Concurso o candidato que:

a) Preencher o Cartão de Respostas a lápis;

b) Assinar, rubricar, escrever o nome, número de inscrição, número de identidade e/ou fizer qualquer tipo de marcação que não seja a indicada nas instruções gerais que acompanham o caderno de provas;

c) Furar ou rasgar o Cartão de Respostas;

d) Assinalar ou alterar a marcação que existe logo abaixo do número do Cartão de Respostas;

9.4. Por razões de ordem técnica, de segurança e de direitos autorais não serão fornecidas cópias das provas a candidatos ou instituições de direito público ou privado, somente vistas à prova no prazo de recurso.

9.5. Não será permitida a permanência de acompanhantes do candidato ou pessoas estranhas ao Concurso, nas dependências do local onde forem aplicadas as provas.

10 DO RECURSO DAS PROVAS OBJETIVAS

10.1. O prazo para pedido de recurso da prova Objetiva, será de 02 (dois) dias úteis, a contar do primeiro dia subseqüente ao da publicação do respectivo resultado.

10.2. O pedido de recurso deverá ser dirigido ao Prefeito Municipal, mediante requerimento encaminhado através de protocolo na Prefeitura Municipal, contendo:

a) Nome completo e número de inscrição;

b) Indicação do concurso que esteja realizando;

c) Objetivo do pedido

d) Exposição detalhada das razões que o motivaram;

10.3. Não serão considerados os pedidos de recursos formulados fora do prazo, ou que não contenham os elementos indicados no subitem 10.2.

10.4. Não serão aceitos recursos interpostos por fac-símile, telegrama, internet, ou por qualquer meio eletrônico que não o específico neste edital.

10.5. Durante o prazo para recurso referente ao item 10.1, será dada ao candidato, vista das provas-padrões, sob fiscalização.

10.6. Fica expressamente vedado aos candidatos, no recinto de vistas das provas-padrão e durante o processamento deste trabalho, estabelecer discussões orais em torno das questões ou critérios de correção e julgamento, bem como formularem reclamações sobre tais assuntos aos servidores encarregados do aludido serviço.

10.7. Somente serão deferidos os recursos que comprovarem que houve erro da Comissão Examinadora e/ou atribuições diferentes para soluções iguais.

10.8. Os pontos relativos à questão eventualmente anulada pela Comissão Examinadora do Concurso, serão atribuídos a todos os candidatos que realizarem a mesma prova. No caso de haver alteração no Gabarito Oficial, todas as grades de respostas serão novamente corrigidas de acordo com o Gabarito Oficial definitivo.

10.9. Do resultado de qualquer prova objetiva cabem os seguintes recursos, desde que fundamentados, conforme subitem 10.2.

a) revisão das provas, pela Comissão Examinadora;

11 PRAZO DE VALIDADE

O Concurso terá validade por 02 (dois) anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, prorrogável uma vez por igual período, a critério da Administração Municipal e através de Decreto do Prefeito Municipal.

12 DISPOSIÇÕES GERAIS

12.1 Este Concurso reger-se-á pelas normas deste Edital, Leis Municipais vigentes e Decreto nº 27, de 03 de maio de 1993.

12.2 A classificação no processo seletivo não assegura ao candidato o direito de admissão automática no cargo público, mas apenas a expectativa de ser nele admitido, seguindo rigorosamente a ordem de classificação, ficando a concretização deste ato condicionada a observância das disposições legais pertinentes e, sobretudo, ao interesse do serviço público municipal. Os candidatos aprovados obrigam-se a manter atualizado seu cadastro.

12.3 Observado o número de vagas existentes ou que venha a ocorrer, o candidato nomeado será convocado através dos dados constantes na ficha de inscrição ou por resultante de posterior atualização. O não comparecimento ou falta de pronunciamento do interessado no prazo máximo de 15 (quinze) dias a contar do recebimento da comunicação ou a contar da publicação do Edital de Convocação, implicará em exclusão automática do processo seletivo.

12.4 Ficam advertidos os candidatos de que, no caso de nomeação, a posse no cargo só lhes será referida no caso de exibirem os documentos necessários.

13 DOCUMENTAÇÃO COMPROBATÓRIA PARA TODOS OS CARGOS:

A inscrição no Concurso implica, desde logo, o conhecimento e a tácita aceitação pelo candidato, das condições estabelecidas neste Edital.

13.1 Ser brasileiro nato ou naturalizado, ou gozar das prerrogativas do art. 12 da CF;

13.2 Possuir idade mínima de 18 (dezoito) anos até a data da posse;

13.3 Possuir escolaridade mínima exigida em cada cargo, na data da posse;

13.4 Possuir registro em vigor no respectivo Conselho de Classe, conforme item 1.4 deste Edital, na data da posse;

13.5 Estar em dia com as obrigações eleitorais, na data da posse;

13.6 Estar em dia com as obrigações militares (para os candidatos do sexo masculino);

13.7 Atestado de boa saúde física e mental a ser fornecido por Junta Médica Oficial do Município ou ainda, por esta designada, mediante exame médico, que comprove aptidão necessária para o exercício do cargo, bem como a compatibilidade para os casos de deficiência física;

13.8 Declaração negativa de acumulação de cargo público, conforme disciplina a Constituição Federal, em seu artigo 37, XVI.

13.9 Alvará de folha corrida judicial, atualizada.

13.10 A não apresentação dos documentos acima na ocasião da posse implicará na impossibilidade de aproveitamento do candidato aprovado, anulando-se todos os atos e efeitos decorrentes de sua inscrição no concurso;

14 DO CONCURSO Provas Objetivas

Data: 20 de novembro de 2011.

Horário: A SER DIVULGADO. Local: A SER DIVULGADO.

15 CRONOGRAMA DE EVENTOS

15.1 Período de inscrições: 14 de outubro até 27 de outubro de 2011

15.2 Homologações das inscrições: 03 de novembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.3 Recurso de inscrições não homologadas: 07 e 08 de novembro de 2011

- disponível no sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.4 Homologação após Recurso: 10 de novembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.5 Realização das provas objetivas: 20 de novembro de 2011

15.6 Divulgação do gabarito: 22 de novembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.7 Identificação das provas objetivas na sede da Prefeitura às 14h: 28 de novembro de 2011

- disponível no site www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br no dia seguinte

15.8 Recurso para Revisão das provas objetivas: 30 de novembro e 01 de dezembro de 2011

15.9 Relatório Pós Recurso: 06 de dezembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.10 Pedido de Reconsideração em caso de decisão denegatória: 07 e 08 de dezembro 2011.

15.11 Novo Relatório Pós Reconsideração: 13 de dezembro de 2011

15.12 Relação dos candidatos habilitados à apresentação dos Títulos: 13 de dezembro de 2011.

15.13 Relação dos candidatos habilitados a Prova Prática: 13 de dezembro de 2011.

15.14 Aplicação da Prova Prática: 18 de dezembro de 2011, local e horário a ser divulgado nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.15 Resultado da Prova Prática: 20 de dezembro de 2011, na Prefeitura Municipal às 14h.

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.16 Entrega dos Títulos: 15 e 16 de dezembro de 2011, na sede da Prefeitura Municipal de Ilópolis.

15.17 Resultado da Prova de Títulos: 21 de dezembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.18 Recurso da Prova de Títulos: 22 e 23 de dezembro de 2011

15.19 Novo Resultado da Prova de Títulos Pós Recurso: 27 de dezembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.20 Classificação Parcial: 28 de dezembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.21 Sorteio público em caso de empate: 29 de dezembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.22 Classificação Pós Sorteio: 30 de dezembro de 2011

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

15.23 Homologação do resultado final para todos os cargos: 03 de janeiro de 2012

- disponível nos sites www.sellector.com.br e www.ilopolis-rs.com.br

GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE ILÓPOLIS, 10 de outubro de 2011.

REGISTRE-SE E PUBLIQUE-SE ROBERTO ANGELO TOMASINI

SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO

OSMAR BALDISSARELLI PREFEITO MUNICIPAL

ANEXO I

ASSISTENTE SOCIAL

Padrão: 16

Síntese dos Deveres: Planejar e supervisionar a execução de programas de assistência social; selecionar candidatos a amparo pelos serviços de assistência.

Exemplo de Atribuições: Realizar ou orientar estudos e pesquisas no campo da assistência social; preparar programas de trabalho referentes ao Serviço Social; realizar e interpretar pesquisas sociais; orientar e coordenar os trabalhos nos casos de reabilitação profissional; encaminhar clientes a dispensários e hospitais acompanhando o tratamento e a recuperação dos mesmos e assistindo os familiares; planejar e promover inquéritos sobre a situação social de escolares e de suas famílias; fazer triagem dos casos apresentados para estudos ou encaminhamento; estudar os antecedentes da família; participar de seminários para estudos e diagnósticos dos casos e orientar os pais, em grupo ou individualmente, sobre o tratamento adequado, orientar nas seleções sócio-econômicas para a concessão de bolsas de estudos e outros auxílios do Município; selecionar candidatos a amparo pelos serviços de assistência à velhice, à infância abandonada, a cegos, etc.; fazer levantamentos sócio-econômicos com vistas a planejamentos habitacionais nas comunidades; planejar modelos e formulários e supervisionar a organização de fichários e registros dos casos investigados; executar outras tarefas correlatas.

CONTADOR

Padrão: 17

Descrição Sumária:

Executar funções contábeis de certa complexibilidade em uma repartição do Município. Elaborar planos de contas e preparar normas de trabalho de contabilidade; Escriturar ou orientar escrituração de livros contábeis de escrituração cronológica ou sistemática; Fazer revisão de balanços; Efetuar perícias contábeis; Participar de trabalhos de Tomadas de Contas dos responsáveis por bens ou valores do Município; Orientar e coordenar os trabalhos de contabilidade em repartições do município; Assinar balanços e balancetes; Preparar relatórios informativos sobre a situação financeira e patrimonial das repartições; Orientar do ponto de vista contábil o levantamento dos bens patrimoniais do Município; Integrar grupos operacionais; Executar outras atividades afins.

MOTORISTA

PADRÃO DE VENCIMENTO: 10

ATRIBUIÇÕES: Descrição Sumária: Dirigir máquinas e equipamentos, automóveis, caminhões e outros veículos destinados ao transporte de passageiros e cargas; Recolher o veículo à garagem ou local destinado quando concluída a jornada do dia, comunicando qualquer defeito porventura existente; Manter os veículos em perfeitas condições de funcionamento; Fazer reparos de emergência; Zelar pela conservação do veículo, máquinas e equipamentos rodoviários que lhe forem confiados; Encarregar-se do transporte e entrega de correspondência ou de carga que lhe for confiada; Promover o abastecimento de combustíveis, água e óleo; Verificar o funcionamento do sistema elétrico, lâmpadas, faróis, sinaleiras, buzinas e indicadores de direção; Providenciar e lubrificação quando indicada; Verificar o grau de densidade e nível da água da bateria, bem como a calibração dos pneus; Executar outras tarefas afins.

OPERADOR DE MÁQUINAS

PADRÃO DE VENCIMENTO: 11

ATRIBUIÇÕES: Descrição Sumária: Operar máquinas e equipamentos rodoviários e agrícolas, de uso nos serviços municipais tais como: motoniveladora, tratores, carregadeiras, retroescavadeiras, plantadeira, ecanteirador, enciradeira, subsolador, espalhador de dejetos, perfurador, compressores, britadores, e outros. Realizar com zelo e perícia os trabalhos que lhe forem confiados; Operar veículos motorizados especiais, tais como: guinchos, guindastes, máquinas de limpeza de rede de esgoto, rolo-compressor, retro-escavadeira, carro plataforma, máquinas rodoviárias e outros; Executar serviços de terraplanagem, nivelamentos, abrir valetas e cortar taludes; Proceder a escavações, transporte de terra, brita e saibro, compactação, aterro e trabalhos semelhantes; Realizar serviços de pavimentação em estradas e vias com saibro e brita, Efetuar ligeiros reparos quando necessário; Providenciar o abastecimento de combustível, água e lubrificantes nas máquinas sob responsabilidade; Zelar pela conservação e limpeza das máquinas sob sua responsabilidade; Comunicar ao seu superior qualquer anomalia no funcionamento da máquina; Executar outras tarefas afins.

OFICIAL DE SERVIÇOS GERAIS

PADRÃO DE VENCIMENTO: 4

ATRIBUIÇÕES: Descrição Sumária: Realizar sob supervisão, trabalhos auxiliares que exijam alguns conhecimentos de eletricidade, mecânica, carpintaria, obras, serralheria e marcenaria, tais como: efetuar consertos em extensões de rede de alta e baixa tensão e telefônicas, incluindo-se nestes o alinhamento de redes, conserto de relógios, troca de conectores, medidores, lâmpadas, efetuar a abertura de valas para a colocação de postes de iluminação pública; auxiliar nos serviços de chapeação de veículos automotores do Município; executar serviços auxiliares de construção de balcões, garagens, escolas, pontes e pontilhões, fazer formas de madeira, vasos, calhas, capas de bueiros, armação de ferro, placas de sinalização, abrigo para ponto de ônibus, táxis e outros, fazer assentamentos de tijolos de meio-fio e paralelepípedos; efetuar o carregamento e descarregamento de areia, cascalho, canos de ferro, conduzir ao local de serviço todo o material necessário à execução dos trabalhos, fazer reparos em pisos de cimento, montar e desmontar motores, máquinas e caldeiras de asfalto, sob a orientação de um mecânico; operar máquinas com motor de explosão, de pequeno porte, manejar serras, afiar ferramentas, auxiliar nos serviços de jardinagem e conservação de gramados, inclusive operar máquinas de cortar grama, roçadeiras manuais e outros equipamentos e instrumentos aplicáveis nessa área; lavar, lubrificar e abastecer veículos e motores, executar pequenos serviços de motores e abastecer veículos; executar pequenos serviços em motores agrícolas, tais como: montagem, desmontagem, trocas e consertos de bombas, embreagens, velas, caixas, cruzetas, encarregar-se de bombas, embreagens, velas, caixas, cruzetas, encarregar-se de bombas de gasolina, limpar estátuas e monumentos, efetuar serviços de limpeza de estradas; Realizar serviços de conservação de alvenarias e fachadas em prédios; Recuperar pinturas, impermeabilizar superfícies, preparando e aplicando produtos necessários; Montar equipamentos de trabalho e segurança, inspecionando local e instalando peças e componentes em equipamentos; Executar serviços gerais em prédios, tais como troca de chuveiros, consertos de portas e janelas e pequenos consertos hidráulicos; Executar serviços auxiliares na construção civil, na recuperação de pontes, pontilhões e bueiros e prédios; Executar serviços de capina, limpeza, varrição em ruas e logradouros públicos e pintura de meio-fios e embelezamento de locais urbanos em geral; Executar trabalhos de sinalização nas zonas urbanas e em estradas municipais; 4.1.19 - Realizar serviços de aplicação de inseticidas e fungicidas sob supervisão de técnico especializado; Realizar serviços de abertura e construção de sepulturas e serviço de sepultamento; Auxiliar no recebimento, pesagem, contagem e entrega de materiais; Zelar e realizar serviços de limpeza e sanitários públicos em praças e áreas públicas; Varrer, escovar, lavar, recolher e remover lixos e detritos em vias públicas e em próprios municipais, Realizar serviços auxiliares na manutenção e conservação de estradas e vias públicas, tais como: implantação de bueiros, abertura de valetas e valos, retirada de pedras , galhos e de outros detritos, roçadas laterais nas vias públicas; Trabalhar seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e proteção ao meio ambiente; Executar outras tarefas afins.

NUTRICIONISTA

Padrão: 12

Síntese dos Deveres: Planejar e executar serviços ou programas de nutrição e de alimentação em estabelecimentos do Município.

Exemplos de Atribuições: Planejar serviços ou programas de nutrição nos campos hospitalares, de saúde pública, educação e de outros similares; organizar cardápios e elaborar dietas; controlar a estocagem, preparação, conservação e distribuição dos alimentos a fim de contribuir para a melhoria protéica, racionalidade e economicidade dos regimes alimentares; planejar e ministrar cursos de educação alimentar; prestar orientação dietética por ocasião da alta hospitalar; responsabilizar-se por equipes auxiliares necessárias à execução das atividades próprias do cargo; executar tarefas afins, inclusive as editadas no respectivo regulamento da profissão.

PSICÓLOGO

Padrão: 16

Síntese dos Deveres: Executar atividades nos campos de psicologia aplicada ao trabalho, de orientação na área escolar e da clínica psicológica.

Exemplos de Atribuições: Realizar psicodiagnósticos para fins de ingresso, readaptação, avaliação das condições pessoais do servidor; proceder a análise dos cargos e funções sob o ponto-de-vista psicológico, estabelecendo os requisitos necessários ao desempenho dos mesmos; efetuar pesquisas sobre atitudes, comportamentos, moral, motivação, tipos de liderança; averiguar causas de baixa produtividade; assessorar o treinamento em relações humanas; fazer psicoterapia breve, ludoterapia individual e grupal, com acompanhamento clínico, para tratamento dos casos; fazer exames de seleção em crianças, para fins de ingresso em instituições assistenciais, bem como para contemplação com bolsas de estudos; empregar técnicas como testes de inteligência e personalidade, observações de conduta, etc.; atender crianças excepcionais, com problemas de deficiência mental e sensorial ou portadora de desajustes familiares ou escolares, encaminhando-se para escolas ou classes especiais; formular hipóteses de trabalho para orientar as explorações psicológicas, médicas e educacionais; apresentar o caso estudado e interpretado à discussão em seminário; realizar pesquisas psicopedagógicas; confeccionar e selecionar o material psicodepagógico e psicológico necessário ao estudo dos casos; elaborar relatórios de trabalhos desenvolvidos; redigir a interpretação final após o debate e aconselhamento indicado a cada caso, conforme as necessidades psicológicas, escolares, sociais e profissionais do indivíduo; manter atualizado o prontuário de cada caso estudado, fazendo os necessários registros; manter-se atualizado nos processos e técnicas utilizadas pela Psicologia; executar tarefas afins.

CARGO: PROFESSOR

Descrição Sintética: Participar do processo de planejamento e elaboração da proposta pedagógica da escola; orientar a aprendizagem dos alunos; organizar as operações inerentes ao processo ensino-aprendizagem; contribuir para o aprimoramento da qualidade do ensino.

Descrição Analítica: Elaborar e cumprir o plano de trabalho segundo a proposta pedagógica da escola; levantar e interpretar os dados relativos à realidade de sua classe; zelar pela aprendizagem do aluno; estabelecer os mecanismos de avaliação; implementar estratégias de recuperação para os alunos de menor rendimento; organizar registros de observação dos alunos; participar de atividades extra-classe; realizar trabalho integrado com o apoio pedagógico; participar dos períodos dedicados ao planejamento, à avaliação e ao desenvolvimento profissional; ministrar os dias letivos e horas-aula estabelecidos; colaborar com as atividades e articulação da escola com as famílias e a comunidade; integrar órgãos complementares da escola; executar tarefas afins com a educação.

ANEXO II

ASSISTENTE SOCIAL

PROVAESPECÍFICA

O Serviço Social na divisão sócio-técnica do trabalho. Processo de trabalho do Serviço Social; Elementos teórico-metodológicos, ético-políticos e técnico-operativos do trabalho profissional. Novos desafios para o Serviço Social. Estado, Políticas Sociais e Assistência Social. Criança, Adolescente e Família. O planejamento da Intervenção e a elaboração de planos, programas e projetos sociais, a critério da Banca Examinadora, de acordo com a Bibliografia Sugerida.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA:

- AMARO, Sarita. Visita Domiciliar: Guia para uma abordagem complexa. Porto Alegre: AGE, 2003.

- Crianças vítimas de violência: das sombras do sofrimento à genealogia de resistência. Uma nova teoria científica. Porto Alegre: AGE/EDIPUCRS, 2003.

- DEMO, Pedro. Política Social do Conhecimento: sobre futuros do combate à pobreza. Petrópolis,RJ: Vozes, 2000.

- THUMS, Jorge. Educação dos Sentimentos. Canoas: Ed.ULBRA, 2003.

- BENJAMIN, Alfred. A entrevista de Ajuda. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

- FALEIROS, Vicente de Paula. Estratégia em Serviço Social. São Paulo: Cortez, 2001.

- ROCHA, Maria Aparecida Marques Et All (org). Capacitação Profissional em Serviço Social. CRESS 10 Região/Gestão 1996/1999. RML Gráfica. Porto Alegre, 1999.

- ANDRAUS, Rosa Cecília. Olhando para o Serviço Social numa perspectiva interdisciplinar. Bauru: EDUSC, 1996.

- LOAS - Lei Orgânica de Assistência Social.

- BONETTI, Dilséa A. Et All (org). Serviço Social e Ética: convite a uma nova práxis. São Paulo: Cortez, 2000.

- KARSCH, Ursula M. Simon. O Serviço Social na era dos serviços. São Paulo: Cortez, 1998.

- NETTO, José Paulo e CARVALHO, Maria do Carmo Brandt de. Cotidiano: conhecimento e crítica.

São Paulo: Cortez, 2007.

- GUERRA, Yolanda. A instrumentalidade do Serviço Social. São Paulo: Cortez, 2002.

- "ÉTICA E CIDADANIA" Herbert de Souza (Betinho) e Carla Rodrigues Edição 1997 pela Editora Moderna.

- ALBORNOZ, Suzana. O que é trabalho. São Paulo: Brasiliense, 1992.

- MESQUITA, Z; BRANDÃO, C. R. Territórios do cotidiano: uma introdução a novos olhares e experiências. Santa Cruz do Sul: Unisc, 1995.

- OLIVEN, R. G. A antropologia de grupos urbanos. Petrópolis: Vozes, 2002.

PROVA DE PORTUGUÊS

Ortografia Oficial. Relação entre fonemas e grafias. Acentuação Gráfica. Separação de Sílabas. Reconhecimentos de Classes de Palavras: Nome, Pronome, Verbo, Preposição e Conjunções. Pronomes: colocação, uso, formas pronominais de tratamento. Concordância nominal e verbal. Emprego de tempos e modos. Vozes do verbo. Regência nominal e verbal. Ocorrência de crase.

Estrutura do vocábulo: radicais e afixos. Formação de palavras: composição e derivação. Termos da oração. Tipos de predicação. Estrutura do período: coordenação e subordinação. Nexos oracionais: valor lógico e sintático das conjunções. Semântica: sinomínia e antomínia. Interpretação de texto: variedades de textos e adequação de linguagem. Estruturação do texto e parágrafos. Informações literais e inferências. Estruturação do texto: recursos de coesão. Significação contextual de palavras e expressões.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- BECHARA, Evanildo, Gramática da Língua Portuguesa, Rio de Janeiro, Ed. Nacional, 2007.

- CARNEIRO, Agostinho Dias, Redação em construção, Moderna, SP, 1992.

- CUNHA, Celso Ferreira, Gramática da Língua Portuguesa, Rio de Janeiro, Fename, 1980.

- FIORIN, José Luiz, SAVOLI, Francisco Platão. Para entender o texto: leitura e redação, São Paulo, Ed. Ática, 1990.

PROVADELEGISLAÇÃO

Lei Orgânica do Município de Ilopolis: Da organização Municipal: Disposição preliminares; da Competência; Do Poder Legislativo: das disposições gerais; Dos Vereadores; Das atribuições da Câmara de Vereadores; Da comissão representativa; das Leis do processo legislativo Do Poder executivo: do Prefeito e Vice- Prefeito; das atribuições do Prefeito; Da responsabilidade e Infrações Político Administrativas do Prefeito e Vice-Prefeito; da Administração e dos Servidores Municipais: da Administração Municipal; dos servidores municipais;dos Secretários do Município; dos Planos e do Orçamento; da ordem econômica e social; das disposições transitórias; Regime Jurídico dos Servidores do Município de Ilopolis: disposições preliminares; do provimento e da vacância; do concurso público; da nomeação; da posse e do exercício; da estabilidade; da recondução; da readaptação; da reversão; da reintegração; da disponibilidade e do aproveitamento; da promoção e da vacância; das mutações funcionais; da substituição; da remoção. do exercício da função de confiança; do regime de trabalho; do horário e do ponto; do serviço extraordinário; do repouso semanal; dos direitos e vantagens; do vencimento e da remuneração; das vantagens; das indenizações; das diárias; e da ajuda de custo; do transporte; dos adicionais de penosidade, insalubridade e periculosidade; do adicional noturno; do prêmio por assiduidade; do auxílio para diferença de caixa; das férias; do direito a férias e da sua duração; da concessão e do gozo das férias; da remuneração das férias; dos efeitos na exoneração, no falecimento e na aposentadoria ; das licenças; disposições gerais; da licença por motivo de doença em pessoa da família; da licença para o serviço militar; da licença para concorrer a mandato eletivo; da licença para tratar de interesses particulares; da licença para desempenho de mandato classista; do afastamento para servir a outro órgão ou entidade; das concessões; do tempo de serviço; do direito de petição; do regime disciplinar; dos deveres; das proibições; da acumulação; das responsabilidades; das penalidades; do processo disciplinar em geral; disposições preliminares; da suspensão preventiva; da sindicância investigatória; da sindicância disciplinar; do processo administrativo disciplinar; da revisão do processo; da seguridade social do servidor; da previdência dos servidores; da contratação temporária de excepcional interesse público; das disposições gerais, transitórias e finais; disposições gerais; das disposições transitórias e finais;

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- LEI ORGÂNICA MUNICIPAL DO MUNICÍPIO DE Ilópolis

- REGIME JURÍDICO DO MÚNICÍPIO DE Ilóplois

CONTADOR

PROVADELEGISLAÇÃO (Específica)

Esta constará de questões escritas, objetivas, retiradas das atribuições do cargo a critério da Banca Examinadora.

I - Lei Federal nº 4.320, de 17 de março de 1964.

  • Orçamento
  • Proposta Orçamentária
  • Elaboração da Lei de Orçamento
  • Exercício Financeiro
  • Créditos Adicionais
  • Execução do Orçamento
  • Controle da Execução Orçamentária
  • Contabilidade

II - Lei Complementar nº 101, de 04 de maio de 2000.

  • Disposições Preliminares
  • Do Planejamento
  • Da Receita Pública
  • Da Despesa Pública
  • Das Transferências Voluntárias
  • Da Destinação de Recursos Públicos para o Setor Privado
  • Da Dívida e do Endividamento
  • Da Gestão Patrimonial
  • Da Transparência, controle e fiscalização
  • Disposições Finais e Transitórias

III - Constituição Federal de 1988:

  • Da tributação e do Orçamento (art. 145 a 169)

IV - Lei Federal nº 8.666/93, de 21 de junho de 1993, e suas alterações;

  • Das Disposições Gerais
  • Da Licitação
  • Dos Contratos

V - Portarias da STN - Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público

  • Portaria-Conjunta nº 02, de 06 de agosto de 2009
  • Portaria nº 467, de 06 de agosto de 2009
  • Portaria nº 751, de 16 de dezembro de 2009

VI - Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público - NBCASP

PROVA DE PORTUGUÊS

Ortografia Oficial. Relação entre fonemas e grafias. Acentuação Gráfica. Separação de Sílabas. Reconhecimentos de Classes de Palavras: Nome, Pronome, Verbo, Preposição e Conjunções. Pronomes: colocação, uso, formas pronominais de tratamento. Concordância nominal e verbal. Emprego de tempos e modos. Vozes do verbo. Regência nominal e verbal. Ocorrência de crase. Estrutura do vocábulo: radicais e afixos. Formação de palavras: composição e derivação. Termos da oração. Tipos de predicação. Estrutura do período: coordenação e subordinação. Nexos oracionais: valor lógico e sintático das conjunções. Semântica: sinomínia e antomínia. Interpretação de texto: variedades de textos e adequação de linguagem. Estruturação do texto e parágrafos. Informações literais e inferências. Estruturação do texto: recursos de coesão. Significação contextual de palavras e expressões. Redação Oficial: ofícios, memorandos, relatórios, despachos, exposição de motivos e outros.

PROVA DE MATEMÁTICA

Conjunto dos Números Naturais - Adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação e radiciação. Conjunto dos Números Inteiros - Adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação e radiciação. Conjunto dos Números Racionais - Frações e números decimais: equivalência, comparação, adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação e radiciação. Equações do 1º e 2º graus. Sistemas de equação do 1º grau.

Razões e Proporções - Grandezas direta e indiretamente proporcionais. Regra de três simples e composta. Porcentagem. Juros simples.

Medidas - Comprimento (metro e seus múltiplos e submúltiplos). Massa (grama e seus múltiplos e submúltiplos). Capacidade (litro e seus múltiplos e submúltiplos). Tempo (horas, minutos e segundos).

Perímetro e Área do quadrado e do retângulo. Progressões Aritméticas, Progressões Geométricas

Análise Combinatória - Arranjos, Combinações e Permutações Simples.

PROVA DE INFORMÁTICA

CONTEÚDO: WINDOWS: Fundamentos do Windows: Operações com janelas, menus, barra de tarefas, área de trabalho; Trabalho com pasta e arquivo: localização de arquivos e pastas; movimentação e cópia de arquivos e pastas; criação e exclusão de arquivos e pastas; configurações Básicas do Windows: resolução da tela, cores, fontes, impressoras; Windows Explorer* será tomada como base à versão Windows em português, com as características a partir do Windows 98.

WORD: Área de trabalho, barras de ferramentas, botões e menus do WORD; formatação de documentos: recursos de margens, tabulação, recuo e espaçamento horizontal e vertical.

EXCEL: Área de trabalho, barras de ferramentas, botões e menus do EXCEL; deslocamento do cursor na planilha, seleção de células, linhas e colunas; introdução de números, textos, fórmulas e datas na planilha, referência absoluta e relativa; principais funções do EXCEL; Edição de planilhas: operações de copiar, colar, recortar, limpar, marcar; classificação de dados nas planilhas; Gráficos. *Será tomada como base à versão de WORD e EXCEL em português, com as características a partir do WORD 97 e EXCEL 97.

Acesso a Redes de Computadores: estrutura de Redes de Computadores: Redes locais e Internet; mecanismos de cadastramento e acesso a redes. Protocolos e serviços de Internet: Mail, Http, Correio Eletrônico.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- BECHARA, Evanildo, Gramática da Língua Portuguesa, Rio de Janeiro, Ed. Nacional, 2009.

- CARNEIRO, Agostinho Dias, Redação em construção, Moderna, SP, 1992.

- CUNHA, Celso Ferreira, Gramática da Língua Portuguesa, Rio de Janeiro, Fename, 1980.

- FIORIN, José Luiz, SAVOLI, Francisco Platão. Para entender o texto: leitura e redação, São Paulo, Ed. Ática, 1990.

- GIOVANNI, José Ruy; GIOVANNI JR., José Ruy; CASTRUCCI, Benedito. A mais nova conquista da matemática: 6ª, 7ª e 8ª séries. São Paulo: FTD, 2002.

- GIOVANNI, José Ruy; BONJORNO, José Roberto. Matemática Fundamental 2º grau - volume Único - versão trigonometria e vol. 2 - versão progressões. São Paulo: FTD, 2000.

OFICIAL DE SERVIÇOS GERAIS

PROVA DE PORTUGUÊS

A Prova constará de questões objetivas envolvendo conhecimentos sobre:

Ortografia: uso de S e Z. Emprego de SS, C, Ç, CH, EX, J e G. Divisão silábica: separação e partição de sílabas. Classificação das palavras quanto ao número de sílabas. Acentuação gráfica: princípios básicos (regras), classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica. Classe de palavras (classes gramaticais). Flexões: gênero, número e grau do substantivo e adjetivo. Tempos e modos do verbo. Interpretação de Texto

PROVADEMATEMÁTICA

A Prova constará de questões objetivas envolvendo conhecimentos sobre:

Conjunto dos números naturais: adição, subtração, multiplicação, divisão: termos e prova real. Expressões numéricas com as quatro operações. Problemas matemáticos envolvendo as quatro operações; Números ordinais; Números romanos; Dobro, triplo, quádruplo e quíntuplo; Frações: adição, subtração, divisão e multiplicação.com números inteiros e frações ordinárias e/ou decimais. Problemas envolvendo sistemas de medida de comprimento.

PROVAPRÁTICA

A Prova constará de exercícios práticos, retirados das atribuições do cargo, a critério da Banca Examinadora.

MOTORISTA

PROVA DE LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO

Conhecimentos básicos inerentes ao Código de Trânsito Brasileiro; Resoluções, Deliberações, Portarias e demais Leis expedidas pelos órgãos componentes do Sistema Nacional de Trânsito; Direção defensiva; Noções gerais de circulação e conduta; Noções de mecânica de autos; Noções de primeiros socorros; Manutenção e Limpeza de veículos.

PROVA DE PORTUGUÊS

Ortografia: uso de S e Z. Emprego de SS, C, Ç, CH, EX, J e G. Divisão silábica: separação e partição de sílabas. Classificação das palavras quanto ao número de sílabas. Acentuação gráfica: princípios básicos (regras), classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica. Classe de palavras (classes gramaticais). Flexões: gênero, número e grau do substantivo e adjetivo. Tempos e modos do verbo. Crase. Frase e oração: termos principais e acessórios da oração. Tipos de sujeito. Sinônimos e antônimos. Interpretação de texto. Sufixos e Prefixos. Tipos de predicado. Pronomes de Tratamento. Vozes do verbo.

PROVA DE MATEMÁTICA

A Prova constará de questões objetivas envolvendo conhecimentos sobre:

Matemática (nível fundamental): Noções de dobro, triplo, dezena e dúzia. Soma, subtração, multiplicação e divisão com números inteiros e frações ordinárias e/ou decimais. Problemas envolvendo sistemas de medida de comprimento, área, volume e massa. Sistema Métrico Decimal. Regra de três simples e composta. Teoria dos Conjuntos. Conjuntos numéricos. Equações de 1º e 2º Grau. Percentagem e juros simples. Geometria plana.

PROVA PRÁTICA

Esta prova constará de exercícios práticos sobre técnicas de dirigibilidade em situações reais de trânsito, a critério da Banca Examinadora.

OPERADOR DE MÁQUINAS

PROVADELEGISLAÇÃO DETRÂNSITO

A Prova constará de questões objetivas envolvendo conhecimentos sobre:

Conhecimentos básicos inerentes ao Código de Trânsito Brasileiro; Resoluções, Deliberações, Portarias e demais Leis expedidas pelos órgãos componentes do Sistema Nacional de Trânsito; Direção defensiva; Noções gerais de circulação e conduta; Noções de mecânica de autos; Noções de primeiros socorros; Manutenção e Limpeza de veículos.

PROVADEPORTUGUÊS

Ortografia: uso de S e Z. Emprego de SS, C, Ç, CH, EX, J e G. Divisão silábica: separação e partição de sílabas. Classificação das palavras quanto ao número de sílabas. Acentuação gráfica: princípios básicos (regras), classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica. Classe de palavras (classes gramaticais). Flexões: gênero, número e grau do substantivo e adjetivo. Tempos e modos do verbo. Crase. Frase e oração: termos principais e acessórios da oração. Tipos de sujeito. Sinônimos e antônimos. Interpretação de texto. Sufixos e Prefixos. Tipos de predicado. Pronomes de Tratamento. Vozes do verbo.

PROVADEMATEMÁTICA

A Prova constará de questões objetivas envolvendo conhecimentos sobre:

Matemática (nível fundamental): Noções de dobro, triplo, dezena e dúzia. Soma, subtração, multiplicação e divisão com números inteiros e frações ordinárias e/ou decimais. Problemas envolvendo sistemas de medida de comprimento, área, volume e massa. Sistema Métrico Decimal. Regra de três simples e composta. Teoria dos Conjuntos. Conjuntos numéricos. Equações de 1º e 2º Grau. Percentagem e juros simples. Geometria plana.

PROVA PRÁTICA

Esta prova constará de exercícios práticos sobre técnicas de dirigibilidade em situações reais de trânsito, a critério da Banca Examinadora.

NUTRICIONISTA

PROVA ESPECÍFICA

Nutrição e Dietética

- Importância da alimentação para o homem e a sociedade

- Nutrientes energéticos, reguladores e construtores: Funções, necessidades diárias, fontes alimentares, fatores que modificam a absorção.

- Finalidades e Leis da alimentação;

- Determinação de valor calórico total. Necessidades calóricas;

- Modificação do regime normal: Pré-escolar, escolar, adolescente, adulto, gestante, nutriz, idoso;

- Classificação das dietas terapêuticas;

- Fisiopatologia e dietoterapia: Distúrbio do aparelho digestivo, distúrbios metabólicos, e hepatopatias, cardiopatias, ontologia, distúrbios renais, gota, doença infantis, estados febris, doenças carenciais;

- Processos básicos de cocção: pré-preparo, preparo, cocção;

- Quantidade de compras: fator de correção, massas alimentares;

- Equivalência de pesos e medidas;

- Cereais: tipos, princípios de cocção, massa alimentícias;

- Leguminosas: variedades, valor nutritivo, fatores que interferem na cocção;

- Hortaliças: valor nutritivo, pigmentos, cuidados no armazenamento e na cocção;

- Frutas: valor nutritivo, pigmentos, cuidados no armazenamento e na cocção;

- Carnes (bovinos, suínos, aves, pescados, vísceras): valor nutritivo, cortes, princípio de cocção;

- Gorduras: utilização culinária, decomposição;

- Leite e derivado: processos de industrialização, utilização culinária, decomposição;

- Técnicas básicas de congelamento;

- Aproveitamentos de sobras e partes não convencionais dos alimentos;

- Nutrição e gravidez. Gravidez na adolescência;

- Aleitamento materno e artificial;

- Alimentação da criança de 0 a 12 anos;

Higiene Alimentar

- Controle do desenvolvimento microbiano em alimentos;

- Doenças transmitidas por alimentos: agente biológico e químico, epidemiologia, medidas reventivas;

- Água: cuidados;

- Lixo: acondicionamento e destino;

- Educação alimentar: objetivos e importância;

- Planejamento de aulas de educação alimentar: conteúdo, estratégia, aplicação, [avaliação];

- Inquéritos alimentares: tipos e importância;

Administração Aplicada

- Instrumentos administrativos: organograma e fluxograma;

- Dimensionamento de espaço físico;

- Dimensionamento de pessoal;

- Organização dos serviços de alimentação: rotinas, roteiros, empregos e atribuições;

- Tipos de serviços de alimentação para a coletividade;

- Custos: cálculos, controle de estoque, custo operacional e de materiais;

- Higiene e segurança no trabalho;

- Ética profissional;

- Código de defesa do consumidor;

- Noções Básicas de Economia da Alimentação e Nutrição.

Bibliografia Sugerida:

Dutra de Oliveira JE, Marchini JS. Ciências Nutricionais. São Paulo: Sarvier, 1998.

Mahan LK, Escott-Stump S. Krause: Alimentos, Nutrição e Dietoterapia. 10° ed. São Paulo: Roca, 2002.

Cuppari L. Guia de Nutrição: Nutrição Clínica no adulto. 2° ed. Barueri, SP: Manole, 2005.

Fisberg RM, Slater B, Marchioni DML, Martini LA. Inquéritos Alimentares: Métodos e Bases Científicos.

Barueri, SP: Manole, 2005.

Ornellas LO. Técnica Dietética: Seleção e Preparo de Alimentos. 6° ed. São Paulo: Atheneu, 1995.

Teixeira S, Milet Z, Carvalho J, Biscontini TM. Administração aplicada às Unidades de Alimentação e Nutrição. São Paulo: Editora Atheneu, 2003.

Abreu ES, Spinelli MGN, Zanardi AMP. Gestão de Unidades de Alimentação e Nutrição: um modo de fazer. São Paulo: Editora Metha, 2003.

Silva Jr EA. Manual de Controle Higiêncio Sanitário em Serviços de Alimentação. 6°ed. São Paulo:

Livraria Varela, 2005.

Norma Técnica e Operacional de Programa de Controle da Hipertensão Arterial, Depto. De Ações em Saúde / SSMA.

Norma Técnica e Operacional do Programa de Controle dos Diabetes tipo II. Depto. De Ações em Saúde / SSMA.

Norma Técnica Operacional do Programa de Controle da Tuberculose, Depto. De Ações em Saúde / SSMA.

Norma Técnica Operacional de Programa de Controle da AIDS.

- Norma Técnica Operacional do Programa de Controle das Doenças Diarréicas Agudas, Depto. De ações em saúde, SSMA.

- Divisão de Controle de Doenças Transmissíveis agudas. Seção de Doenças Imunoprevisíveis.

- MUNICIPALIZAÇÃO DA SAÚDE - SUS - Secretaria da Saúde e do Meio Ambiente (Lei n° 8.080/90) (Lei n°8142/90)

PSICÓLOGO

PROVA ESPECÍFICA

Esta prova constará de questões objetivas, escritas sobre conhecimentos de Avaliação Psicológica: Fundamentos da medida psicológica. Instrumentos de avaliação: critérios de seleção, avaliação e interpretação dos resultados. Utilização das técnicas de avaliação na prática clínica. Técnicas de entrevista. Psicologia do desenvolvimento normal e patológico: desenvolvimento físico, cognitivo e afetivo da criança, adolescente e adulto. Saúde coletiva: Políticas de saúde mental; Saúde mental e família. Saúde mental e trabalho. Equipes de saúde mental.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- ABERASTURY, A. Psicanálise da criança: teoria e técnica. 8.ed. Porto alegre: Artes Médicas, 1992.

- AMARANTE, P. (coord.) Loucos pela vida: a trajetória da reforma psiquiátrica no Brasil. Rio de janeiro: Fiocruz, 2000.

- CANGUILHEM, G. O normal e o patológico. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1990.

- CASTRO, M. G.; STÜMER, A. e colaboradores. Crianças e Adolescentes em Psicoterapia: a abordagem psicanalítica. Porto Alegre: Artmed, 2009.

- CESAR, C. L. G.; ROCHA, A. A.. Saúde Pública: bases conceituais. São Paulo: Atheneu, 2008.

- COPPOLILLO, H. Psicoterapia Psicodinâmica de Crianças. Porto Alegre: Artes Médicas.1990.

- CORDIOLI, A V. Psicoterapias: abordagens atuais. 3.ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 2008

- EIZIRIK, C. et all. Psicoterapia de orientação analítica: fundamentos teóricos e clínicos. Porto Alegre: Artes Médicas, 2005.

- FERNANDÉZ, A. Os idiomas do aprendente: análise das modalidades ensinantes com famílias, escolas e meios de comunicação. Porto Alegre: Artes Médicas, 2001.

- GRIFFITH, E.; DARE, C. Psicoterapia e tratamento de adições. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

- GUARESCHI, Neusa; MEDEIROS, Patrícia Flores de; BERNARDES, Anita Guazzelli.

O conceito de saúde e suas implicações nas práticas psicológicas. Psicologia: Teoria e Pesquisa, set- dez,2005, vol. 21, n.3.

- LANCETTI, A. (org). Assistência Social & Cidadania. São Paulo: HUCITEC, 1996.

- LEI 8080/1990

- LEI 8142/1990

- LEI 10216/2001

- LEI 8069/1990.

- MINISTÉRIO DA SAÚDE. Saúde Mental no SUS: Os Centros de Atenção Psicossocial. Brasília, 2004

- MINUCHIN, S. Dominando a Terapia Familiar. Porto Alegre: Artes Médicas, 2008.

- MINUCHIN; FISHMAN. Técnicas de Terapia Familiar. Porto Alegre: Artes Médicas, 1990.

- MINUCHIN, S. Famílias, funcionamento e tratamento. Porto Alegre: Artes Médicas, 1990.

- OSÓRIO, L. C.; VALLE, M. E. P. Manual de terapia familiar. Porto Alegre: Artmed, 2009

- OUTEIRAL, J. (org) Clínica psicanalítica de crianças e adolescentes: desenvolvimento, psicopatologia e tratamento. Rio de Janeiro: Revinter, 1998.

- Portaria nº 336. Brasília, 2002

- Portaria nº 224. Brasília, 1992

- Portaria nº 189. Brasília, 2002.

- RAMOS, S.P.; BERTOLOTE, J. M. Alcoolismo hoje. 3.ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

- Revista Saúde Loucura 4. São Paulo: Hucitec. 2008

- SPINK, M.J. Psicologia Social e saúde. Porto Alegre: Vozes, 2004.

- SOUZA, B. P. (org) Orientação à queixa escolar. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2007.

- STAINBACK, S; STAINBACK, W. Inclusão: um guia para educadores. Porto Alegre:Artmed, 1999.

- TUNDIS, S.A.; COSTA, N.R. (org). Cidadania e loucura - políticas de saúde mental no Brasil. Petrópolis: Vozes, 2001.

- ZIMERMAN, D. Fundamentos psicanalíticos: teoria, técnica e clínica. Porto Alegre: Artes Médica,1999

PROVA DE PORTUGUÊS

Ortografia Oficial. Relação entre fonemas e grafias. Acentuação Gráfica. Separação de Sílabas. Reconhecimentos de Classes de Palavras: Nome, Pronome, Verbo, Preposição e Conjunções. Pronomes: colocação, uso, formas pronominais de tratamento. Concordância nominal e verbal. Emprego de tempos e modos. Vozes do verbo. Regência nominal e verbal. Ocorrência de crase. Estrutura do vocábulo: radicais e afixos. Formação de palavras: composição e derivação. Termos da oração. Tipos de predicação. Estrutura do período: coordenação e subordinação. Nexos oracionais: valor lógico e sintático das conjunções. Semântica: sinomínia e antomínia. Interpretação de texto: variedades de textos e adequação de linguagem. Estruturação do texto e parágrafos. Informações literais e inferências. Estruturação do texto: recursos de coesão. Significação contextual de palavras e expressões.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- BECHARA, Evanildo, Gramática da Língua Portuguesa, Rio de Janeiro, Ed. Nacional, 2007.

- CARNEIRO, Agostinho Dias, Redação em construção, Moderna, SP, 1992.

- CUNHA, Celso Ferreira, Gramática da Língua Portuguesa, Rio de Janeiro, Fename, 1980.

- FIORIN, José Luiz, SAVOLI, Francisco Platão. Para entender o texto: leitura e redação, São Paulo, Ed. Ática, 1990.

- CEGALLA, Domingos Pascoal, Novíssima Gramática da Língua Portuguesa, São Paulo, Ed. Nacional, 2009.

PROVA DE LEGISLAÇÃO

Lei Orgânica do Município de Ilópolis Da organização Municipal: Disposição preliminares; da Competência; Do Poder Legislativo: das disposições gerais; Dos Vereadores; Das atribuições da Câmara de Vereadores; Da comissão representativa; das Leis do processo legislativo Do Poder executivo: do Prefeito e Vice- Prefeito; das atribuições do Prefeito; Da responsabilidade e Infrações Político Administrativas do Prefeito e Vice-Prefeito; da Administração e dos Servidores Municipais: da Administração Municipal; dos servidores municipais;dos Secretários do Município; dos Planos e do Orçamento; da ordem econômica e social; das disposições transitórias;

Regime Jurídico dos Servidores do Município de Ilópolis: disposições preliminares; do provimento e da vacância; do concurso público; da nomeação; da posse e do exercício; da estabilidade; da recondução; da readaptação; da reversão; da reintegração; da disponibilidade e do aproveitamento; da promoção e da vacância; das mutações funcionais; da substituição; da remoção. do exercício da função de confiança; do regime de trabalho; do horário e do ponto; do serviço extraordinário; do repouso semanal; dos direitos e vantagens; do vencimento e da remuneração; das vantagens; das indenizações; das diárias; e da ajuda de custo; do transporte; dos adicionais de penosidade, insalubridade e periculosidade; do adicional noturno; do prêmio por assiduidade; do auxílio para diferença de caixa; das férias; do direito a férias e da sua duração; da concessão e do gozo das férias; da remuneração das férias; dos efeitos na exoneração, no falecimento e na aposentadoria ; das licenças; disposições gerais; da licença por motivo de doença em pessoa da família; da licença para o serviço militar; da licença para concorrer a mandato eletivo; da licença para tratar de interesses particulares; da licença para desempenho de mandato classista; do afastamento para servir a outro órgão ou entidade; das concessões; do tempo de serviço; do direito de petição; do regime disciplinar; dos deveres; das proibições; da acumulação; das responsabilidades; das penalidades; do processo disciplinar em geral; disposições preliminares; da suspensão preventiva; da sindicância investigatória; da sindicância disciplinar; do processo administrativo disciplinar; da revisão do processo; da seguridade social do servidor; da previdência dos servidores; da contratação temporária de excepcional interesse público; das disposições gerais, transitórias e finais; disposições gerais; das disposições transitórias e finais;

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- LEI ORGÂNICA MUNICIPAL DO MUNICÍPIO DE ILÓPOLIS

- REGIME JURÍDICO DO MÚNICÍPIO DE ILÓPOLIS

PROFESSOR DE LÍNGUA INGLESA

PROVA ESPECÍFICA

THE SENTENCE: The basic word order of the English sentence. The simple and the complex sentence. NOUNS: Count nouns. Singular and plural Nouns as modifiers of other nouns. Cender. The genitive. ARTICLES: The indefinite article. The definite article. The zero article.

ADJECTIVES: Adverbs of manner, place and time. Adverbs of frequency. Adverbs of degree. Adverbial phrases of duration. Adverbs: even, just, only, simply, also, as well, too and not ether.

PREPOSITIONS: Prepositions of time: at, on, in. Prepositions of date, travel, movement, and position. Prepositions used with adjectives and participles. Verbs with prepositions.

DIRECT AND INDIRECT SPEECH: Say, tell and ask. Indirect statements with tense changes. Indirect questions with tense changes. Uses of the to infinitive in indirect speck.

THE PASSIVE AND THE CAUSATIVE: Uses of the passive. Form and used of the causative.

MODAL VERBS: Used of middles to express ability and inability, permission and prohibition, certainty and possibility, deduction.

THE VERBS PHRASE: TENSE AND ASPECT: Present and past tense, progressive and perceptive aspect. Going to and other ways of expressing the future. Sequence of tenses.

Reading comprehension. BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- ALEXANDER, L.G. Right Word Wrong Word. Essex: Longman, 1994.

- McCARTHY, Michael & O'DELL, Felicity. English Vocabulary in Use. Cambridge: Cambridge UP, 1994.

- MURPHY, Raymond. English Grammar in Use. Cambridge: Cambridge UP, 1994.

- SPEARS, Richard A. Mini Basic Phrasal Verbs Dictionary. Chicago: NTC/SBS, 1998.

- SWAN, Michael & WALTER, Catherine. The Good Grammar Book. Oxford: Oxford UP, 2001.

- SWAN, Michael & WALTER, Catherine. How English Works: a grammar practice book. Oxford: Oxford UP, 1999.

- SWAN, Michael. Practical English Usage-New Edition. Oxford: Oxford UP, 1998.

- Collins Cobuild English Grammar. London: Harper Collins, 1996.

- Collins Cobuild English Guides: Confusable Words. London: Harper Collins, 1997.

PROFESSOR DE HISTÓRIA

PROVA ESPECÍFICA HISTÓRIA DO BRASIL

PERÍODO COLONIAL: Aspectos culturais e econômicos ( lavoura canavieira, ciclo do ouro e pecuária) Movimentos sociais.

BRASIL IMPÉRIO: Proclamação da Independência. Movimentos sociais. Lavoura do café. Imigração européia e abolição da escravidão.

REPÚBLICA VELHA: Proclamação da República. A República oligárquica do café com leite. Movimentos sociais urbanos e rurais. A crise dos anos 20.

REPÚBLICA NOVA: A Revolução de 30 e o Estado Novo. Realizações econômicas e políticas do período

1946/1964. O golpe de 64.

BRASIL CONTEMPORÂNEO: Regime político e econômico da Ditadura Militar. Distensão, abertura política, anistia. A Nova República.

HISTÓRIA DO RIO GRANDE DO SUL: Os sete povos das missões, Economia pecuarista: criação, charqueadas, frigoríficos. A Revolução Farroupilha. A República Positivista.

HISTÓRIA GERAL

O MUNDO ANTIGO: Civilização grega. Civilização Romana.

O MUNDO MEDIEVAL: Transição do Feudalismo ao capitalismo. Renascimento e Reforma. Mercantilismo e Absolutismo. Revolução Industrial.

A MODERNIDADE: O Renascimento. Os Estados Nacionais. As reformas religiosas. O iluminismo.

O MUNDO CONTEMPORÂNEO: A Revolução Francesa. A Revolução Industrial. O Imperialismo. A Grande Guerra de 1914/18. A Revolução Russa. Os totalitarismos de direita. A Segunda Guerra Mundial. A política e blocos e a Guerra Fria. A Globalização.

O BRASIL E SEU PROCESSO HISTÓRICO/CULTURAL: A colonização e a formação das estruturas econômico-sociais. Brasil monárquico: a economia, a sociedade, o escravismo e a abolição. A república liberal / oligárquica.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- BARRACLOUGH, Geoffrey. Introdução à História Contemporânea. Rio de Janeiro: Zahar, 1983.

- BAUMAN, Zygmunt. Globalização. As conseqüências humanas. Rio de Janeiro: Zahar,1999.

- CERQUEIRA, Adriano e LOPES, Marco Antônio. A Europa na Idade Moderna: do Renascimento ao Século das Luzes.

- FALCON, Francisco e MOURA, Gerson. A formação do mundo contemporâneo. Rio de Janeiro: Campus, 1989.

- HOBSBAWN, Eric. Era dos extremos. São Paulo: Cia. das Letras, 1995.

- RÉMOND, René. O Século XIX. São Paulo: Cultrix, 1993.

- RÉMOND, René. O Século XX. São Paulo: Cultrix, 1993.

- SEVCENKO, Nicolau. A corrida para o Século XXI. Rio de Janeiro: Cia. das Letras, 2004.

- SILVA, Francisco Carlos Teixeira. O século sombrio: uma história do Século XX. Rio de Janeiro: Elsever, 2004.

- CARVALHO, José Murilo. Cidadania no Brasil: o longo caminho. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2001.

- FAUSTO, Bóris. História do Brasil. São Paulo: Edusp, 1997.

- FURTADO, Celso. Formação Econômica do Brasil. São Paulo: Cia. Editora Nacional, 1974.

- IGLÉSIAS, Francisco. Trajetória política do Brasil. São Paulo: Cia. das Letras, 1993.

- LINHARES, Mª Yedda Leite. História Geral do Brasil. Rio de Janeiro: Campus, 1990.

- PRADO, Caio Jr. História Econômica do Brasil. São Paulo: Brasiliense, 1994.

- SKIDMORE, Thomas. Brasil: de Getúlio a Castelo. Rio de Janeiro: Saga, 1969.

- SKIDMORE, Thomas. Brasil: de Castelo a Tancredo. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.

- SODRÉ, Nelson Werneck. Formação Histórica do Brasil. São Paulo: Ed. Brasiliense, 1964.

A PROVA DE DIDÁTICA PARA OS CARGOS DE PROFESSOR DE LÍNGUA INGLESA e HISTÓRIA ABRANGERÁ OS SEGUINTES CONTEUDOS:

A Educação:

  • definição, origem, funções da educação;
  • a educação e o humano, funções e objetivos da educação;
  • a educação e os processos de socialização e individualização.

A Didática:

  • conceito, origem, histórico;
  • a didática no processo educativo;
  • modelo de situação didática;
  • fundamentos do método didático.

As Abordagens do Processo de Ensino:

  • tradicional, comportamentalista, humanista, cognitivista e sócio-cultural.

Planejamento de Ensino:

  • etapas, tipos e importância;
  • objetivos e conteúdos de ensino;
  • planejamento como processo educativo;
  • planejamento enquanto instrumento para a Práxis Pedagógica;
  • processo de avaliação.

A Sala de Aula e a Relação Professor-Aluno:

  • organização e direção de uma classe escolar: a sala de aula, a disciplina e características gerais;
  • as relações Professor-Aluno na sala de aula.

Métodos, Técnicas e Recursos de Ensino:

  • aspectos gerais;
  • crítica à metodologia expositiva.
  • Motivação da Aprendizagem

A PROVA DE ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DO ENSINO PARA OS CARGOS DE PROFESSOR DE LÍNGUA INGLESA e HISTÓRIA, ABRANGERÁ OS SEGUINTES CONTEUDOS:

Educação Brasileira:

  • fins da educação brasileira;
  • a educação nas Constituições Federal e Estadual.

Sistema e Sistema de Ensino:

  • conceituação, fatores condicionantes do sistema de ensino, sistema de ensino e sistema social.

Sistema Brasileiro de Ensino:

  • estrutura e níveis escolares, administração do ensino, níveis de administração: federal, estadual e municipal;
  • estabelecimentos de ensino;
  • os sistemas municipais de ensino e a LDB/96.
  • Educação Básica:
  • composição, finalidades, características gerais, o ensino fundamental e o médio como etapas da educação básica, características organizacionais, currículo, diretrizes e componentes curriculares.

A Escola de Educação Básica:

  • estrutura organizacional e regimento escolar, tipologia e organização do ano letivo.
  • Verificação do rendimento escolar e recuperação.
  • Diretrizes e Bases da Educação Nacional.
  • Interpretações da LDB/96.
  • Plano de Carreira do Magistério de Ilópolis

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

- DELORS, Jacques. Educação: um tesouro a descobrir. Relatório para a UNESCO da Comissão

Internacional sobre Educação para o século XXI. 8 ed. São Paulo: Cortez, 2003.

- MASETTO, Marcos. Didática: a aula como centro. São Paulo, FTD, 1996.

- VEIGA, Ilma Passos de Alencastro. Repensando a didática. Campinas-SP: Papirus, 1996.

- BARBOSA, José Juvêncio. Alfabetização e Leitura. São Paulo: Cortez, 1991.

- GARCIA, Regina Leite (ORG.) Novos olhares sobre a alfabetização. São Paulo: Cortez, 2004.

- LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem: estudos e proposições. 4 ed. São Paulo: Cortez, 1996.

- LIBÂNEO, José Carlos. Didática. Porto Alegre: Cortez

- FERREIRO, Emília - Reflexões sobre a alfabetização - São Paulo - Cortez

- FERREIRO, Emília; TEBEROSKI, Ana - Psicogênese da Língua Escrita. Porto Alegre. Artes Médicas

- FREIRE, Paulo - Pedagogia da Autonomia. Paz e Terra.

- FREIRE, Paulo - Pedagogia do Oprimido. Paz e Terra.

- FREIRE, Paulo - A Educação na Cidade. São Paulo: Cortez, 2000.

- FRANCO, Sérgio - O Construtivismo e a Educação. Gap

- DOLLE, Jean Marie. Para compreender Jean Piaget: uma iniciação à psicologia genética Piagetiana. Rio de Janeiro.

- HERNÁNDEZ, Fernando; Ventura. Transgressão e mudança na educação: os projetos de trabalho. Porto Alegre: Artemed, 1998.

- MOLL, Jaqueline. Alfabetização Possível. Porto Alegre: Mediação, 1996.

- RANGEL, Annamaria P. Construtivismo: apontando falsas verdades. Porto Alegre: Mediação, 2002.

- Lei 9.394/96 Lei de Diretrizes e Bases da Educação LDB/96.

- Lei 8.069/90 Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA.

- Constituição da República Federativa do Brasil - Com as emendas Constitucionais. (Dos Direitos e Garantias Fundamentais - Art 5º a 11º);

Concurso relacionado:Concurso Prefeitura de Ilópolis - RS