Concurso Banco da Amazônia 2018

Banco da Amazônia abrirá um novo concurso público, novamente organizado pela Fundação CESGRANRIO.

Boa notícia para os que almejam seguir carreira bancária no serviço público. Desde 2015, o Banco da Amazônia (BASA) não realizava um processo seletivo para preenchimento de pessoal e, de lá para cá, a carência de pessoal só cresceu. Embora sem data definida para o lançamento do edital 2018, a instituição financeira estatal publicou no Diário Oficial da União de 19 de fevereiro de 2018 que já possui banca definida para o processo seletivo: será a Fundação CESGRANRIO, a mesma do último concurso.

certame de 2015 teve seu prazo de validade prorrogado para mais um ano, se estendendo até 2017. Foram mais de 78 mil inscritos para disputar as 57 vagas oferecidas na época, quase todas (56) para o principal cargo do banco, que é Técnico bancário, porta de entrada para a carreira.

O requisito exigido para os futuros candidatos a Técnico Bancário será apenas o nível médio e a seleção coordenada pela CESGRANRIO se dará por meio de prova objetiva, de caráter classificatório ou eliminatório. As vagas deverão suprir as demandas das filiais situadas nas regionais dos estados do Pará, Acre, Amazonas, Amapá, Roraima, Rondônia, Tocantins, Maranhão e Mato Grosso.

Cogita-se que a oferta para 2018 chegue a quase 50 vagas, além do cadastro de reserva, distribuídas entre os cargos de Técnico bancário, Técnico científico - área de Tecnologia da Informação e Médico do Trabalho. A remuneração inicial será por volta de R$ 3.698,55 a R$ 4.147,48, mais benefícios que aumentam bastante esse valor. Se a banca seguir o mesmo escalonamento de aplicação das provas, estas acontecerão nas cidades de Belém/PA, Boa Vista/RR, Cuiabá/MT, Macapá/AP, Manaus/AM, Palmas/TO, Porto Velho/RO, Rio Branco/AC, Santarém/PA e São Luís/MA.

O Banco da Amazônia é uma instituição que já existe há mais de 70 anos e nas últimas décadas dedicou-se ao intuito de financiar de forma sustentável o desenvolvimento da Amazônia Legal, uma extensão territorial que corresponde a cerca de mais 60% do território brasileiro, mais precisamente numa área de 5.217.423 quilômetros quadrados. Esse território foi concebido pelo governo brasileiro como forma de desenvolver estratégias de cunho social e econômico para os estados da região amazônica.

Apesar de possuir tal nome (Amazônia Legal), essa região também abrange parte dos biomas do cerrado e pantanal matogrossense (oeco.org.br, 2014). Entendendo que a região sempre foi pouco povoada e desenvolvida, o BASA desenvolve uma estratégia de foco total em investimentos seguros, através de uma definição rigorosa de análise de crédito, cujo objetivo visa alcançar tanto os clientes pessoa física quanto jurídica, numa estratégia de expansão de rede. Além disso, se preocupa com a responsabilidade sócio-ambiental, desenvolvendo programas corporativos, patrocinando ações de caráter cultural, esportivo e social.

Tópico: Banco da Amazônia

Compartilhe