Governo de Alagoas convocará mil policiais militares

Decisão foi anunciada no dia 04/09, durante reunião do governador no Cespe/UnB.

O governador de Alagoas, Teotonio Vilela Filho, assegurou que irá cumprir os prazos dos concursos para as polícias Civil e Militar do Estado. No próximo dia 19, serão convocados mil soldados para a Polícia Militar de Alagoas.

"O caso das polícias não é simplesmente um concurso. Toda a ação na segurança pública mexe com a vida da sociedade inteira e é de extrema urgência que o resultado deste concurso seja anunciado no dia 19 de setembro", explicou o governador. "Precisaríamos de quatro mil policias nas ruas. No entanto, nosso Estado é pobre e, embora estejamos com todas as contas em dia, já chegamos no limite da Lei de Responsabilidade Fiscal e não há sobra de recursos para tanto. Por isto, a importância de termos colocado a duras penas este concurso para mil vagas", disse.

O diretor-geral do Cespe, Paulo Portela, explicou que o empecilho que poderia atrasar o calendário da divulgação do resultado são os 32 casos que estão sub judice. "Em todo concurso é normal que alguns candidatos entrem na Justiça demandando algum direito que eles achem que não foi cumprido. O tribunal permite que eles sigam as etapas, mesmo não tendo passado em uma ou mais etapas anteriores, até que seja decidido se o candidato tem ou não razão", disse. Segundo o diretor, este número de casos em Alagoas é considerado muito pequeno para um concurso da polícia. "Quantos mais fases um concurso tem, mais chances de termos candidatos na condição de sub judice", explica Portela.

A vice-reitora da UnB deixou claro que a instituição está bem atenta à realização deste concurso e vai fazer o máximo que puder e o que for necessário para cumprir o calendário ainda este mês.

Concurso para a Educação

Durante a reunião, o governador também tratou sobre a aceleração do concurso para professores. Paulo Portela apontou a dificuldade do Cespe diante do grande número de demandas paras as bancas organizadoras para ainda este ano, já que em 2014 será um ano apertado, devido ao período da Copa do Mundo e das eleições.

O governador enfatizou a necessidade do Estado e solicitou que o edital saísse ainda em 2013, com a conclusão do concurso em fevereiro do ano que vem. "Gostaria muito que o Cespe atendesse à demanda de Alagoas", solicitou a vice-reitora, Sônia Bao, ao Cespe, que ficou de trabalhar neste cronograma.

Informações da Agência Alagoas

****

Concurso PMAL 2012: divulgado resultado (12/12/2012)

Organizadora divulgou resultados do concurso da Polícia Militar de Alagoas.

A Polícia Militar de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Gestão Pública, torna públicos o resultado final na prova objetiva e o resultado provisório na prova discursiva para o cargo de Soldado Combatente, referentes ao concurso público para
preenchimento de 1040 vagas para o Curso de Formação de Oficiais Combatentes e para o cargo de Soldado Combatente, além da formação de cadastro reserva.

O resultado completo poderá ser consultado nesta página do Cespe/UnB.

***

Anterior (02/10/2012): Cespe/UnB divulga nota sobre o concurso da PM/AL

Organizadora divulgou nota de esclarecimento sobre o concurso da Polícia Militar de Alagoas.

O Cespe/UnB informa que, em todos os concursos públicos que realiza os malotes - onde são acondicionados os envelopes com os cadernos de provas - são fechados e lacrados com lacre de aço, em ambiente seguro e sigiloso, e abertos somente momentos antes da aplicação, perante testemunhas e com registro em ata.

Além disso, o transporte dos malotes é acompanhado por membros da Associação Nacional de Delegados da Polícia Federal. Todos esses procedimentos foram adotados na aplicação do concurso público da Polícia Militar do Estado de Alagoas (PM/AL).

Em relação ao ocorrido na Faculdade de Tecnologia de Alagoas, onde foram realizadas as provas do concurso para o cargo de Soldado Combatente da PM/AL, o Cespe/UnB informa ainda que o plástico de um dos envelopes contendo cadernos de prova rompeu-se durante o preparo para a distribuição do material, devido ao volume dos cadernos e ao atrito com outros envelopes. A ruptura era pequena e não possibilitava a retirada de cadernos de prova do envelope. Os cadernos foram conferidos pela Coordenação de Prova e constatou-se que todos estavam dentro do referido envelope. Cabe ressaltar que todas as provas do concurso da PM/AL eram personalizadas com os nomes dos candidatos.

O Cespe/UnB acrescenta ainda que casos dessa natureza não são comuns, porém podem ocorrer durante o transporte e manuseio dos envelopes de prova, em função do tipo de material que é fabricado (plástico). Diante do exposto, o Cespe/UnB informa que não houve nenhuma irregularidade e que a lisura do processo está garantida.

Qualquer dúvida deve ser esclarecida pelo telefone (61)3448-0100 Central de Atendimento ao Candidato

Informações da Assessoria Técnica de Comunicação do Cespe/UnB

Compartilhe