Déficit de servidores pede agilidade em concurso na Receita Federal

Órgão batalha para que ao menos mil vagas sejam abertas esse ano em concurso público. O objetivo é amenizar a carência de servidores.

Potencializar o auxílio nos trabalhos do Fisco e suprir a carência de servidores no órgão são algumas das demandas para logo ser lançado o edital do concurso público da Receita Federal, que está na lista dos certames mais essenciais no Poder Executivo federal.

Entre os cargos mais carentes de servidores estão os de auditor-fiscal e analista-tributário, que exigem dos interessados em atuar nessas funções ter formação em nível superior em qualquer área.

O salário inicial para auditor-fiscal é de R$ 16.201,64 e para analista-tributário a remuneração é de R$9.714,42.

O órgão solicita que ainda este ano, cerca de mil vagas sejam abertas urgentemente em concurso, o que ainda está em tramitação no Congresso Nacional.

O último concurso que a Receita realizou foi em 2012, oferecendo 750 vagas para todo o país e também uma seleção em 2014, com 278 vagas ofertadas.

Tópico: Receita Federal

Compartilhe