Concursos Brigada Militar - RS 2017/2018

RS autoriza 6.100 vagas para Soldados e Oficiais da Brigada Militar, Corpo de Bombeiros e Agentes e Delegados da Polícia Civil.

A Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências – FUNDATEC será a executora do concurso público estadual para o cargo de Soldados – Polícia Ostensiva e Bombeiros – da Brigada Militar.

Serão 4.100 vagas para carreiras de nível médio, com vencimentos de R$ 3.760,54. Para participar do processo seletivo, é necessário ter nacionalidade brasileira, ter entre 18 e 25 anos e possuir a altura mínima de 1,65 metros (homens) e 1,60 metros (mulheres).

A Fundatec será responsável pela inscrição dos candidatos, além de planejar, imprimir e aplicar as provas. O edital será divulgado em breve. Outras informações podem ser obtidas pelo link concursos.fundatec.org.br.

***

Notícia anterior - 04/07/2017

O governo do Rio Grande do Sul autorizou a realização de concursos públicos para a ocupação de 6.100 vagas para Soldados e Oficiais da Brigada Militar, Corpo de Bombeiros e Agentes e Delegados da Polícia Civil. De acordo com anuncio feito pelo próprio governador, José Ivo Sartori, este será o maior concurso para a área da Segurança Pública do Rio Grande do Sul nas últimas décadas. 

As 6,1 mil vagas serão divididas entre 4,1 mil para Soldados e 200 Oficiais da Brigada Militar; 450 vagas para Soldado e 50 para Oficiais do Corpo de Bombeiros; e, mais 1,2 mil vagas para Agentes e 100 para Delegados da Polícia Civil. De acordo com a SSP, os editais devem ser lançados em 30 dias.

Confira as Apostilas para o RS: Brigada Militar (Preparatória) - Polícia Civil (Escrivão e Investigador)

Outros dois concursos já estão em andamento com 826 vagas, das quais 720 para SUSEPE e 106 para o Instituto Geral de Perícias. Até o final de 2017, 4 mil novos servidores terão ingressado na área.  Além da abertura de novo concurso, foi autorizado o ingresso de mais 49 Soldados Militares e 75 Bombeiros Suplentes restantes do último concurso, devendo os procedimentos de inclusão serem iniciados no dia 05 de julho de 2017.

O governador enfatizou que a autorização para o concurso deu-se a partir da abertura de margem financeira para investimentos em segurança pública e na aprovação de medidas estabelecidas em projetos aprovados pela Assembleia Legislativa, como o Projeto de Lei Complementar 243/16. “Não podemos esquecer que já fizemos um esforço anterior à autorização do concurso. Entregamos novas viaturas, armas, munições e conseguimos junto à União apoio da Força Nacional de Segurança. Recentemente destravamos a questão dos presídios e viabilizamos condições para alcançar quase mil novas vagas em Charqueadas, Viamão e Alegrete. Conseguimos também a autorização de obras nas penitenciárias de Bagé e Bento Gonçalves”, ressaltou José Ivo Sartori. 

Edição com informações da ASSCOM - SSP - RS (https://goo.gl/1Nu1Jr)

Compartilhe