Polícia Militar de SP decide por organizadora de seu próximo concurso

O próximo passo é aguardar a publicação do edital completo, esperado para as próximas semanas, trazendo todas as informações detalhadas sobre o concurso.

A Polícia Militar de São Paulo (PM-SP) tornou público que ficará sob os cuidados da Fundação Vunesp, a organização do seu concurso para soldado. A contratação dispensou licitação e foi anunciada no Diário Oficial da União, edição de 26 de outubro.

O próximo passo é aguardar a publicação do edital completo, o que é esperado para as próximas semanas, trazendo todas as informações detalhadas sobre o concurso.

A necessidade da PM é somar um efetivo de mais de 5.400 vagas para contratações em 2017, número que foi confirmado pelo governador Geraldo Alckmin, mas se espera que esse efetivo seja divido em dois editais para contratações, sendo o primeiro edital a ser publicado no fim deste ano, oferecendo 2 mil vagas, por salário de R$2.929,27, já incluso o adicional de insalubridade, no valor de R$571,51.

Os interessados precisam ter nível médio completo, Carteira Nacional de Habilitação entre as categorias “B” e “E”, altura mínima de 1,60m para homens e 1,55m para mulheres e idade entre 17 e 30 anos.

A PM-SP não realiza concurso para a carreira de soldado desde abril de 2015, acumulando um aumento no déficit de servidores que se aposentaram, foram exonerados ou se desligaram da corporação.

Compartilhe