Prefeitura de Campinas do Piauí - PI anula processo seletivo

Prefeitura de Campinas do Piauí anulou o seletivo que ofertava vagas para candidatos de níveis fundamental e médio.

Depois de suspenso, encontra-se agora anulado o processo seletivo da Prefeitura de Campinas do Piauí, no estado Piauí, regido pelo edital 001/2018. A decisão ocorreu após o edital ter sido suspenso, e por meio da Portaria nº 23/2018 publicada em 13 de agosto de 2018, no Diário Oficial dos Municípios.

Os candidatos que já efetuaram o pagamento da taxa de inscrição terão direito ao ressarcimento do valor pago.

***

Em cumprimento aos termos da decisão exarada, em 09/08/2018, nos autos da na Ação Civil Pública, Nº: 0000215 - 04.2018.8.18.0087 em que o Dr ANTÔNIO GENIVAL PEREIRA DE SOUSA determinou “a Suspensão do Teste Seletivo regido pelo Edital nº 001/2018 da Prefeitura Municipal de Campinas, ficando suspensa, portanto, a realização da prova objetiva que estava prevista par o dia 12/08/2018, até ulterior deliberação deste juízo.” 

A Comissão Organizadora do Teste Seletivo da Prefeitura Municipal de Campinas RESOLVE SUSPENDER o andamento do Teste Seletivo referido até ulterior decisão, decisão que suspende, inclusive, a aplicação da prova objetiva prevista para o dia 12/08/2018.

A decisão de suspensão se baseia na necessidade da convocação dos candidatos através de Concurso Público, necessidade permanente e não na contratação Temporária através de Teste Seletivo.

Tão logo haja a resolução da questão, novo cronograma de execução será publicado no site do IMA.

Informações oficiais de: http://www.institutomachadodeassis.com.br/concursos/175/teste-seletivo-de-campinas-do-piaui-pi

***

No Estado do Piauí, a Prefeitura de Campinas do Piauí, torna público o edital de processo seletivo n.º 001/2018, destinado a selecionar candidatos de níveis fundamental e médio, para composição de 17 vagas, por prazo determinado.

As oportunidades são para Vigia, Auxiliar de Serviços Gerais, Auxiliar Administrativo, Motorista Categoria D e Motorista Operador de Máquinas Pesadas. Os vencimentos ofertados varia entre R$ 954,00 e R$ 1.250,00, para trabalhar em regime de 40 horas semanais.

As inscrições serão aceitas até o dia 30 de julho de 2018, pela internet, no endereço eletrônico www.institutomachadodeassis.com.br. O valor da inscrição varia entre R$ 50,00 e R$ 60,00.

A prova objetiva será aplicada na data provável de 12 de agosto de 2018, em local e horário a serem divulgados.

Matéria publicada no Diário Oficial dos Municipios do Piauí, no dia 9 de julho de 2018.

História da Cidade

A história do Município de Campinas do Piauí, apoia-se sobre a construção da Fábrica de Laticínios, localizada hoje no centro da cidade, uma das primeiras grandes Fábricas de Lacticínios do Nordeste foi fundada no ano 1876.

O projeto foi elaborado pelo engenheiro alemão Alfredo Modrach e pelo doutor Antônio Sampaio com intuito de receber todo o leite advindo das antigas Fazendas Nacionais de Canudos, Pilões, Castelo e Olho D'Água dos Bois.

Devido ao agrupamento em torno do prédio surgiu o então Povoado de Campos, onde moravam os diretores e funcionários da então fábrica, e Campos foi por muito tempo parte do Município de Simplício Mendes. Por cauda das grandes secas e à dizimação dos rebanhos, a fábrica sucumbiu restando hoje um imponente prédio em estado decadente necessitando ser tombado pelo Patrimônio Histórico e Cultural que  Campinas do Piauí foi elevada a categoria de cidade em 15.04.1964 juntamente com outros municípios arredores, desmembrada do município de Simplício Mendes - PI.

Campos, como era conhecida, foi cercada por grandes fazendas, nesse percurso de tempo foi se originando o povoado "Campos" Na época havia muitos criadores de muitos rebanhos de gado.

Foi através das Fazendas Nacionais, como eram chamadas naquela época, que uma fábrica de laticínios foi subsidiada e instalada em Campos, quê mais tarde passaria a si chamar Campinas do Piauí, a fábrica funcionava a todo vapor, na produção de produtos derivados do leite, entre a produção estava a manteiga, requeijão e outros.

Compartilhe