Concurso Câmara de Parnamirim - RN: Edital e Inscrição

Concurso da Câmara de Parnamirim - RN abre mais vagas para profissionais de níveis médio, técnico e superior. A remuneração é de até R$ 2.500,00.

A Câmara de Parnamirim, no estado do Rio Grande do Norte, publicou o edital nº 001/2019 de seu concurso público que irá preencher 44 vagas para profissionais de níveis médio, técnico e superior.

O concurso Câmara de Parnamirim - RN será executado pelo Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Vagas

  • Cargos de níveis médio e técnico: Agente Administrativo, Agente de Cerimonial, Redator de Atas e Técnico de Informática;
  • Cargos de nível superior: Administrador, Analista de Informática, Assessor Contábil, Assessor de Controle Interno, Jornalista, Pedagogo, Procurador, Produtor Áudio Visual e Tradutor Intérprete de Libras.

Apostila - AGENTE ADMINISTRATIVO - Câmara de Parnamirim 2019

A remuneração é de R$ 1.375,98 para os cargos de níveis médio e técnico, de R$ 2.500,00 para Procurador e de R$ 1.965,69 para os demais cargos de nível superior. A jornada de trabalho semanal é de 20 horas para Procurador e de 30 horas para as demais funções.

Inscrições

As inscrições serão realizadas entre os dias 20 de maio e 17 de junho de 2019, apenas via internet, através do endereço eletrônico www.comperve.ufrn.br.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 80,00 para os cargos de níveis médio e técnico e de R$ 100,00 para os cargos de nível superior

Poderão solicitar a isenção da taxa de inscrição os candidatos que:

  • Forem doadores de sangue, desde que tenham realizado, no mínimo, três doações no estado do Rio Grande do Norte, nos últimos 12 meses contado até o início das inscrições;
  • Forem doadores de medula óssea, com Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea;
  • Forem eleitores que prestaram serviço à Justiça Eleitoral por, no mínimo, duas eleições, consecutivas ou não.

Provas

O concurso Câmara de Parnamirim - RN será composto por prova objetiva para todos os cargos e por prova de títulos, apenas para os cargos de nível superior. A prova objetiva será realizada na data provável de 21 de julho de 2019 e terá duração máxima de três horas.

O candidato deverá comparecer ao local da prova com antecedência de 30 minutos, portando documento de identidade original (o mesmo utilizado na inscrição) e caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

A prova objetiva será composta por 35 questões, sendo 10 questões de Língua Portuguesa e 25 questões de Conhecimentos Específicos.

A prova de títulos possui caráter apenas classificatório e valerá até 10 pontos, distribuídos da seguinte forma:

  • Especialização: 1 ponto por título, podendo ser apresentado até dois títulos;
  • Mestrado: 3,5 pontos por título, podendo ser apresentado apenas um título;
  • Doutorado: 4,5 pontos por título, podendo ser apresentado apenas um título.

Todos os títulos precisam ser relacionados ao cargo em disputa.

Validade

O concurso Câmara de Parnamirim - RN terá validade de dois anos, podendo este prazo se prorrogar por mais dois anos, a critério da administração pública.

Edital

Para outras informações sobre este concurso público, como cronograma, quadro de cargos e salários e conteúdo programático, consulte o edital publicado no site da COMPERVE / UFRN.

Estude para a prova:  Qualidade no Serviço Público

Cada vez mais a sociedade está atenta à qualidade dos serviços públicos e, para tanto o setor publico deve adotar parâmetros diversos. 

A qualidade no serviço público é de interesse de todos. Afinal, o governo deve priorizar os interesses da sociedade e é justamente para isso que ele existe.

A sociedade tem ao longo do tempo sido conscientizada sobre os seus direitos, principalmente no que se refere ao acompanhamento da qualidade dos serviços públicos.

Além do papel da avaliação social, é necessário que o próprio setor público crie mecanismos capazes de avaliar a qualidade dos serviços públicos, entretanto, apesar destes, a mesma ainda é considerada ineficiente.

Cabe lembrar também que a qualidade é algo muito amplo de ser avaliado e, neste sentido, as ferramentas de gestão de qualidade no serviço público são de extrema importância.

Ferramentas de gestão de qualidade no serviço público

Dentre as principais ferramentas de gestão de qualidade no serviço público, tem-se:

Ciclo PDCA:

O Ciclo PDCA é uma ferramenta de gestão de qualidade que surgiu na iniciativa privada, a sigla vem da o inglês e significa “pla, do, check and act” (planejamento, fazer, checar e agir).

O PDCA pode ser usado em diversas situações, desde implantação de novas ideias a solução de problemas existentes.

SERVQUAL:

Já a ferramenta SERVQUAL é especifica para a avaliação da qualidade dos serviços. Basicamente, a metodologia do SERVQUAL utiliza dois questionários (um trata da expectativa e o outro da qualidade atual) que devem ser aplicados aos usuários e possuem resultados quantitativos.

Depois da aplicação dos questionários, é feita uma equação simples que subtrai da qualidade atual a expectativa dos usuários. Resultados positivos representam que o serviço está acima do esperado, enquanto que resultam negativos indicam a necessidade de melhoria.

5S:

O 5S trata-se uma técnica de avaliação japonesa, sua abreviação vem de 5 palavras de origem japonesa, as quais:

Seiri – Senso de utilização;

Seiton – Senso de organização;

Seiso – Senso de limpeza;

Seiketsu – Senso de padronização;

Shitsuke – Senso de disciplina.

O grande diferencial do 5S é que ele provoca uma mudança de comportamento entre os envolvidos no setor.

Fluxograma:

Já o fluxograma é utilizado para representar de forma esquemática um processo, no caso da qualidade no serviço público, ele é usado em setores/ assuntos distintos.

Diagrama de Pareto:

O Diagrama de Pareto é pautado na lógica do 80/20, que em resumo significa que 80% dos problemas são causadas por 20% de causas. Assim como o fluxograma, esse diagrama é usado em diferentes setores do serviço público.

Diagrama de Ishikawa:

É também conhecido como diagrama de causa e efeito, tratando-se de uma representação gráfica das causas, problemas e efeitos. É muito utilizado no setor público para os serviços de saúde.

Folhas de verificação:

É uma forma de registrar dados por meio de formulários, os dados são organizados e possibilitam uma visualização ampla e rápida da qualidade do serviço.

Histograma:

São gráficos que permitem a visualização da frequência de problemas, é muito utilizado para a qualidade dos serviços de segurança pública no Brasil.

Tais ferramentas são cobradas em diversos concursos públicos e o domínio do assunto é de grande importância para quem deseja ocupar tais cargos.

Contudo, cabe ressaltar que independente da esfera de governo (federal, estadual ou municipal) as informações obtidas sobre a qualidade do serviço público devem ser disponibilizadas para a sociedade civil. Informe-se!

Veja mais - Apostila - AGENTE ADMINISTRATIVO - Câmara de Parnamirim 2019

Compartilhe

Concursos por E-mail
Assine nosso boletim para receber Concursos em Parnamirim diretamente no seu e-mail
Concursos RelacionadosVagas
CRT/RN Nível Médio/Técnico4
Prefeitura de FlorâniaNível Superior3
Prefeitura de Timbaúba dos BatistasNíveis Fundamental e Superior3
Veja todos » Concursos Abertos