Prefeitura de Imigrante - RS anuncia novo processo seletivo

Prefeitura de Imigrante - RS está oferecendo vaga temporária para Enfermeiro, com salário de R$ 5.355,10.

A Prefeitura de Imigrante, no Estado do Rio Grande do Sul, anunciou o edital n.º 121/2018, referente ao seu processo seletivo n.º 030, com o intuito de preencher vaga temporária para o cargo de Enfermeiro, cuja jornada de trabalho será de 40 horas semanais e remuneração de R$ 5.355,10.

Além da remuneração acima, o profissional terá direito ao auxílio-alimentação.

Inscrições

As inscrições serão realizadas até o dia 14 de novembro de 2018, na Prefeitura de Imigrante, localizada na Rua Castelo Branco, 15, Centro – Imigrante/RS, no horário das 8h às 11h e das 13h30min às 16h30min.

Validade

O prazo de validade do processo seletivo será de 12 meses.

Maiores informações poderão ser obtidas através do telefone (51) 3754-1100 Ramal 41, e, via WhatsApp (51) 98311-0138, com Ernani.

Processo seletivo anterior

A Prefeitura de Imigrante, no Estado do Rio Grande do Sul, anteriormente anunciou o edital n.º 108/2018, referente ao seu processo seletivo n.º 029, com o intuito de preencher uma vaga temporária para o cargo de Técnico em Enfermagem, com jornada de trabalho de 40 horas semanais e remuneração de R$ 2.374,85.

Além da remuneração acima, o profissional tem direito ao adicional insalubridade, no valor de 20% sobre o salário mínimo nacional e auxílio-alimentação no valor de R$ 13,02 por dia útil.

Atribuições do cargo

  • Auxiliar a equipe de enfermagem na prevenção e controle de doenças;
  • Colaborar nos programas de vigilância epidemiológica;
  • Preparar pacientes para consultas e exames;
  • Realizar coleta de exames de laboratório;
  • Verificar sinais dos pacientes;
  • Administrar medicamentos;
  • Efetuar controle do material utilizado;
  • Realizar limpeza, desinfecção e esterilização dos materiais utilizados;
  • Promover campanhas de aleitamento materno;
  • Poderá dirigir veículo leve de propriedade do município para executar sua função, desde que possua CNH;
  • Outras atividades correlatas ao cargo.

Os inscritos foram avaliados por meio de prova de títulos, sendo atribuída a seguinte pontuação:

  • Um ponto para cada quatro horas em cursos, seminários, treinamento, oficinas, desde que seja relacionado à atenção básica à saúde, sala de imunizações, PSF, ESF, vigilância sanitária e/ou primeiros socorros. O candidato poderá apresentar no máximo dez títulos;
  • Dez pontos para cada mês trabalhado em entidade pública municipal de saúde;
  • Cinco pontos para cada mês trabalhado em clínicas ou hospitais.

O processo seletivo tem validade de um ano, contado a partir da homologação da classificação final, prorrogável por igual período.

Compartilhe