Prefeitura de Magda - SP anuncia novo edital de processo seletivo

O processo seletivo oferece vagas para os cargos de Monitor de Transporte Escolar, PEB I e PEB II, com salários de até R$ 1.030,97.

A Prefeitura de Magda, no interior do Estado de São Paulo, torna público que realizará por meio do edital n.º 001/2019, o processo seletivo de provas e títulos, para o preenchimento de 15 vagas em cargos de níveis médio e superior, além da formação de cadastro reserva. 

O processo seletivo a ser executado pela empresa CONSESP – Concursos, Residências Médicas, Avaliações e Pesquisas Ltda, oferece vagas para os cargos de Monitor de Transporte Escolar, PEB I – Substituto e PEB II – Arte, Educação Física, Inglês e Educação Especial, cuja jornada de trabalho é de 40 horas semanais, perfazendo a remuneração de até R$ 1.030,97. 

Para se inscrever, o candidato deverá acessar o endereço eletrônico www.consesp.com.br, no período de 8 a 16 de janeiro de 2019, e recolher o valor correspondente ao nível de escolaridade, sendo R$ 30,00 (nível médio) e R$ 50,00 (nível superior).

Este processo seletivo consistirá de provas objetivas e de títulos.

As provas objetivas serão realizadas na data provável de 3 de fevereiro de 2019, com início às 8 horas, em locais a serem divulgados por meio de Edital próprio que será afixado no local de costume da Prefeitura, por meio de jornal com circulação no município e do site da organizadora, com antecedência mínima de 3 (três) dias.

Já o gabarito preliminar será disponibilizado no site da CONSESP, por meio da busca por CPF/RG, às 14h da segunda-feira subsequente à data da aplicação da prova, e permanecerão no site no prazo determinado para recurso.

Os candidatos aos cargos de PEB I e PEB II deverão apresentar na data das provas, até 30 (trinta minutos) após o encerramento das mesmas, em salas especialmente designadas, cópia reprográfica autenticada exclusivamente em cartório de eventuais títulos que possuam.

A validade do processo seletivo será de 1 (um) ano, contado da homologação final dos resultados.

Atribuições

MONITOR DE TRANSPORTE ESCOLAR

É um profissional responsável por garantir a integridade física e moral de crianças e adolescentes no trajeto de ida e volta até a escola. Dentro da escola, suas funções são as mesmas do inspetor de alunos.

PEB I – SUBSTITUTO

Participar da elaboração, implementação e avaliação do projeto político- pedagógico da unidade educacional, elaborar o plano de ensino da turma e do componente curricular, observadas as metas e objetivos propostos, zelar pela aprendizagem e frequência dos alunos, planejar e ministrar aulas, registrando os objetivos, atividades e resultados do processo educativo, tendo em vista a efetiva aprendizagem de todos os alunos, planejar e desenvolver, articuladamente com os demais profissionais, atividades pedagógicas compatíveis e discutir com os alunos e com os pais ou responsáveis as propostas de trabalho da unidade educacional, formas de acompanhamento da vida escolar e procedimentos adotados no processo de avaliação das crianças.

PEB II – ARTE

Defender a ideia de que a arte deve começar junto com a alfabetização da escrita, pois a arte é uma das linguagens que a criança começa desde muito cedo a entrar em contato, para uma melhor leitura de mundo. Uma vez que alfabetizada esteticamente ela terá maior facilidade de disseminar as manifestações artísticas que ocorrem no seu cotidiano. E assim, ao chegar às séries finais do ensino fundamental, ela possua um bom repertório de arte, facilitando a compreensão e aprofundamento dos conceitos artísticos, Identificar algumas características plásticas e visuais observáveis (cor, forma, textura...) em elementos naturais e em manifestações artísticas presentes no meio, e estabelecer relações de semelhanças e diferenças com as próprias produções, Familiarizar o aluno com a produção artística à qual não tem acesso pela mídia ampliando seu repertório artístico, Representar ideias e sentimentos por intermédio de imagens (visuais, musicais, cênicas e movimentos corporais), que reflitam a observação da realidade circundante, a pesquisa e a compreensão das obras de Arte realizadas por outros povos, outras épocas, outras culturas, Conhecer e valorizar a pluralidade do patrimônio sociocultural brasileiro, posicionando contra qualquer descriminação baseada em diferenças culturais, de classe social, de crenças, de sexo, de etnia ou outras características individuais e Participar da elaboração, implementação e avaliação do projeto político-pedagógico da unidade educacional, elaborar o plano de ensino da turma e do componente curricular, observadas as metas e objetivos propostos, zelar pela aprendizagem e frequência dos alunos, planejar e ministrar aulas, registrando os objetivos, atividades e resultados do processo educativo, tendo em vista a efetiva aprendizagem de todos os alunos, planejar e desenvolver, articuladamente com os demais profissionais, atividades pedagógicas compatíveis e discutir com os alunos e com os pais ou responsáveis as propostas de trabalho da unidade educacional, formas de acompanhamento da vida escolar e procedimentos adotados no processo de avaliação das crianças.

PEB II – EDUCAÇÃO ESPECIAL – SALA DE RECURSO

Atuar, como docente, nas atividades de complementação ou suplementação curricular específica que constituem o atendimento educacional especializado dos alunos com necessidades educacionais especiais; atuar de forma colaborativa com o professor da classe comum para a definição de estratégias pedagógicas que favoreçam o acesso do aluno com necessidades educacionais especiais ao currículo e a sua interação no grupo; promover as condições para a inclusão dos alunos com necessidades educacionais especiais em todas as atividades da escola; orientar as famílias para o seu envolvimento e a sua participação no processo educacional; participar do processo de identificação e tomada de decisões acerca do atendimento às necessidades educacionais especiais dos alunos;preparar material específico para uso dos alunos na sala de recursos; orientar a elaboração de materiais didático-pedagógicos que possam ser utilizados pelos alunos nas classes comuns do ensino regular; indicar e orientar o uso de equipamentos e materiais específicos e de outros recursos existentes na família e na comunidade; articular, com gestores e professores, para que o projeto pedagógico da instituição de ensino se organize coletivamente numa perspectiva de educação inclusiva e Participar da elaboração, implementação e avaliação do projeto político-pedagógico da unidade educacional, elaborar o plano de ensino da turma e do componente curricular, observadas as metas e objetivos propostos, zelar pela aprendizagem e frequência dos alunos, planejar e ministrar aulas, registrando os objetivos, atividades e resultados do processo educativo, tendo em vista a efetiva aprendizagem de todos os alunos, planejar e desenvolver, articuladamente com os demais profissionais, atividades pedagógicas compatíveis e discutir com os alunos e com os pais ou responsáveis as propostas de trabalho da unidade educacional, formas de acompanhamento da vida escolar e procedimentos adotados no processo de avaliação das crianças.

PEB II – EDUCAÇÃO FÍSICA

A função deste profissional é orientar, planejar e acompanhar a prática de exercícios físicos de um indivíduo ou grupo, dentro do ambiente escolar nos níveis de ensino infantil e fundamental. Suas aulas vão de estímulos e coordenação motora aos pequenos, vivência esportiva e melhora das habilidades motoras para as crianças e independência na prática regular de atividade física, entendendo sua importância na qualidade de vida e Participar da elaboração, implementação e avaliação do projeto político- pedagógico da unidade educacional, elaborar o plano de ensino da turma e do componente curricular, observadas as metas e objetivos propostos, zelar pela aprendizagem e frequência dos alunos, planejar e ministrar aulas, registrando os objetivos, atividades e resultados do processo educativo, tendo em vista a efetiva aprendizagem de todos os alunos, planejar e desenvolver, articuladamente com os demais profissionais, atividades pedagógicas compatíveis e discutir com os alunos e com os pais ou responsáveis as propostas de trabalho da unidade educacional, formas de acompanhamento da vida escolar e procedimentos adotados no processo de avaliação das crianças.

PEB II INGLÊS - OFICINAS CURRICULARES

Deverá ter além de consciência política, bom domínio do idioma (oral e escrito), Procurar desenvolver o conhecimento da matéria concomitante á consciência de que o estudo de uma língua estrangeira é forma de integrá-lo às outras áreas e permite que ele desenvolva, amadureça de acordo com suas potencialidades e Participar da elaboração, implementação e avaliação do projeto político- pedagógico da unidade educacional, elaborar o plano de ensino da turma e do componente curricular, observadas as metas e objetivos propostos, zelar pela aprendizagem e frequência dos alunos, planejar e ministrar aulas, registrando os objetivos, atividades e resultados do processo educativo, tendo em vista a efetiva aprendizagem de todos os alunos, planejar e desenvolver, articuladamente com os demais profissionais, atividades pedagógicas compatíveis e discutir com os alunos e com os pais ou responsáveis as propostas de trabalho da unidade educacional, formas de acompanhamento da vida escolar e procedimentos adotados no processo de avaliação das crianças.

Compartilhe