Concurso Conjunto Hospitalar do Mandaqui – SP: inscrições prorrogadas!

Concurso Conjunto Hospitalar do Mandaqui, São Paulo, oferta seis vagas para o cargo de Médico na especialidade da Clínica Médica.

O Conjunto Hospitalar do Mandaqui publicou através do Diário Oficial do Estado de São Paulo, edição do dia 20 de outubro de 2018, que as inscrições do edital nº 085/2018 de seu concurso público foram prorrogadas, o mesmo tem como objetivo preencher seis vagas para o cargo de Médico na especialidade da Clínica Médica.

Os profissionais selecionados receberão o vencimento de R$ 3.291,30, acrescido de Prêmio de Produtividade Médica no valor de até R$ 4.160,70.

Para participar desta seleção os interessados deverão atender os seguintes pré-requisitos:

- Graduação em Medicina;

- Registro no Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo - CREMESP;

- Certificado de conclusão de residência médica em Programa credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), na Especialidade para a qual concorre;

- Ou Título de especialista emitido pela Associação Médica Brasileira (AMB) na Especialidade para a qual concorre.

Agora as inscrições serão recebidas até o dia 23 de novembro de 2018, das 09 às 16 horas (exceto sábados, domingos e feriados), na unidade detentora do certame, situada na Rua Voluntários da Pátria, 4.301 - Mandaqui - São Paulo/SP - Núcleo de Recrutamento e Seleção - Gerência de Recursos Humanos. A taxa de inscrição será de R$ 84,81.

O concurso público constará das seguintes provas:

  •  Objetiva de Conhecimentos Gerais e Específicos, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Avaliação dos Títulos, de caráter classificatório.

A data da prova foi alterada para o provável dia 09 de dezembro de 2018, a ser aplicada na cidade de São Paulo, no período da manhã ou tarde. Os candidatos serão convocados por meio de edital a ser publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo e no Portal de Concursos Públicos do Estado.

O concurso terá validade de dois anos, contados a partir da data da publicação de sua homologação em Diário Oficial do Estado de São Paulo, prorrogável uma vez por igual período, a critério da Secretaria da Saúde, não cabendo qualquer ato posterior.

Atribuições do cargo

- Atender pacientes de demanda espontânea e referenciada nos consultórios e na sala de emergência clínica, efetuando investigação e medicação dos casos pertinentes, reavaliação, alta com orientação e/ou internação;

- Avaliação, evolução e prescrição médica dos pacientes internados e/ou observação no Pronto Socorro de Adulto;

- Acompanhar pacientes em exames de urgência e transferência intra-hospitalar que requeiram a presença do mesmo, conforme protocolo de transporte da instituição;

- Solicitar exames emergenciais de pacientes críticos, de forma a otimizar a conduta das equipes multidisciplinares acionadas, agilizando os processos de intervenções clinico cirúrgicos;

- Preencher adequadamente as informações referentes ao atendimento e acompanhamento do paciente no prontuário médico e impressos institucionais;

- Elaborar relatórios médicos de pacientes quando solicitado pela chefia imediata e Núcleo Interno de Regulação;

- Orientar e discutir casos com as equipes de apoio multidisciplinar quando solicitado interconsulta em impresso institucional e/ou verbalmente quando se tratar de pacientes na sala de emergência clínica e do trauma;

- Participar na visita técnica administrativa multiprofissional (referente aos pacientes internados e em observação) otimizando as condutas com a finalidade de reduzir tempo de permanência;

- Manter- se alinhado com a missão, visão e os valores da Instituição, além da ciência de estar inserido em uma Instituição de ensino com presença de estágiários, internos e residentes;

- Exercício da boa prática clínica;

- Manter contato com os familiares dos pacientes internados e/ou em atendimento no Pronto Socorro Adulto informando o estado de saúde dos mesmos nos horários estabelecidos pela instituição;

- Participar da orientação e acompanhamento de médicos residentes;

- Cumprir normas e regulamentos estabelecidos pela Unidade;

- Executar outras tarefas compatíveis com as exigências para o exercício da função, respeitado os preceitos legais da medicina e seu nível de complexidade, quando solicitado.

Compartilhe