Concurso Prefeitura de Ribeirão Preto - SP: vagas para Procurador

Concurso Prefeitura de Ribeirão Preto - SP abre seis vagas para Procurador do Município. A remuneração é de R$ 4.815,15 para uma jornada de 20 horas semanais.

A Prefeitura de Ribeirão Preto, no estado de São Paulo, publicou o edital nº 001/2019 de seu concurso público que irá preencher seis vagas para Procurador do Município, cargo com remuneração de R$ 4.815,15 e jornada de 20 horas semanais. O concurso Prefeitura de Ribeirão Preto - SP será realizado pela Fundação VUNESP.

Além da remuneração, o profissional terá direito ao vale alimentação no valor de R$ 442,00.

Das seis vagas em disputa, quatro são de ampla concorrência, uma está destinada a candidatos negros ou pardos e uma é para candidatos deficientes.

Para concorrer, neste concurso público, é necessário possuir graduação em Direito e inscrição na OAB - Ordem dos Advogados do Brasil.

A contratação será feita pelo Regime Jurídico Estatutário.

Inscrições no concurso Prefeitura de Ribeirão Preto - SP

As inscrições deverão ser feitas exclusivamente via internet no endereço eletrônico www.vunesp.com.br, do dia 10 de junho a 11 de julho de 2019.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 95,00.

Poderá solicitar a isenção desta taxa de inscrição o candidato que estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e que possua renda familiar mensal igual ou inferior a três salários mínimos ou renda familiar per capita de até meio salário mínimo mensal.

Provas

O concurso Prefeitura de Ribeirão Preto - SP será composto por prova objetiva, prova prático-profissional e prova de títulos. A prova objetiva será realizada na data provável de 25 de agosto de 2019 e terá duração máxima de 03h30.

Para realizar a prova escrita, o candidato deverá comparecer ao local de sua realização, com antecedência mínima de 60 minutos, munido de documento de identidade oficial com foto, comprovante de pagamento da taxa de inscrição e caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

A prova objetiva será composta por 60 questões de Conhecimentos Específicos, distribuídas da seguinte forma: 12 questões de Direito Administrativo, 11 questões de Direito Constitucional, 7 questões de Direito Tributário, 7 questões de Direito Civil, 10 questões de Direito Processual Civil, 7 questões de Direito Ambiental, 3 questões sobre a Lei Orgânica do Município e 3 questões de Direito Penal.

A prova prático-profissional terá duração de duas horas e será composta por uma peça processual, com o objetivo de avaliar o nível de conhecimento do profissional sobre as matérias do concurso. Será permitida a consulta à legislação não comentado ou anotada.

Apenas os candidatos melhores classificados, de acordo com os critérios especificados em edital, serão convocados para esta prova prática.

A prova de títulos possui caráter apenas classificatório e os candidatos que desejarem concorrer nesta etapa, deverão entregar a documentação no dia de realização da prova prático-profissional.

A prova de títulos valerá até 5 pontos, distribuídos da seguinte forma:

  • Doutorado na área do Direito: 2,5 pontos, podendo ser apresentado apenas um título;
  • Mestrado na área do Direito: 1,5 ponto, podendo ser apresentado apenas um título;
  • Especialização na área do Direito, com carga horária mínima de 360 horas: 0,5 pontos, podendo ser apresentado até dois títulos.

Critérios de aprovação e desempate

A prova objetiva valerá 100 pontos e a prova prática valerá 60 pontos. As duas etapas possuem caráter eliminatório e classificatório e, para ser aprovado, o candidato deverá obter a nota mínima de 50% sobre a nota total de cada uma dessas provas.

A nota final do candidato será igual à soma das notas das três provas. Em caso de empate nas notas, terá preferência o candidato que:

  1. Tiver idade igual ou superior a 60 anos no término das inscrições, com preferência ao de idade mais elevada;
  2. Obtiver o maior número de acertos em Direito Administrativo;
  3. Obtiver o maior número de acertos em Direito Constitucional;
  4. Obtiver o maior número de acertos em Direito Tributário;
  5. Obtiver o maior número de acertos em Direito Civil;
  6. Obtiver o maior número de acertos em Direito Processual Civil;
  7. Obtiver o maior número de acertos em Direito Ambiental;
  8. Obtiver o maior número de acertos na Lei Orgânica do Município;
  9. Obtiver o maior número de acertos em Direito Penal;
  10. Obtiver o maior número de acertos na prova prático-profissional;
  11. Obtiver a maior nota na prova de títulos;
  12. Tiver a maior idade, entre os candidatos com idade inferior a 60 anos no término das inscrições;
  13. Ter sido jurado;

Persistindo o empate, será realizado sorteio.

Validade

O prazo de validade do concurso Prefeitura de Ribeirão Preto - SP será de dois anos, a contar da publicação da sua homologação, podendo haver prorrogação por mais dois anos, uma única vez.

Edital

Para demais informações sobre o concurso Prefeitura de Ribeirão Preto - SP, consulte o edital publicado no site da Fundação Vunesp.

Compartilhe

Concursos por E-mail
Assine nosso boletim para receber Concursos em Ribeirão Preto diretamente no seu e-mail
Concursos RelacionadosVagas
Prefeitura de Bragança PaulistaTodos os níveis de escolaridade82
Prefeitura de Francisco MoratoTodos os níveis de escolaridade122
Prefeitura de OsascoTodos os níveis de escolaridade184
SME SP (Prefeitura de São Paulo)Níveis Médio e Superior1.737
Câmara de ItatingaTodos os níveis de escolaridade3
Câmara de MauáTodos os níveis de escolaridade46
Câmara Municipal de ConchasContador1
CAPSTUBAAdvogado1
CIVAPNíveis Fundamental e Médio1
Concurso Prefeitura de Tupi PaulistaNíveis Fundamental e Superior7
Veja todos » Concursos Abertos