Concurso Santos - SP: Prefeitura tem vagas para início imediato

Concurso Santos - São Paulo: Prefeitura abre vagas imediatas para Oficial de Administração, com remuneração total de R$ 2.439,72.

concurso-santos-sp

A Prefeitura de Santos, no estado de São Paulo, divulgou mais um edital (nº 06/2020) de concurso público com a finalidade de selecionar candidatos de nível fundamental, para compor o seu quadro de servidores efetivos. São ofertadas 40 vagas para contratação imediata, sendo quatro dessas reservadas a pessoas portadores de deficiência.

O Instituto Brasileiro de Administração Municipal – IBAM é a banca organizadora do concurso Santos. Vale lembrar que em Santos ainda está acontecendo concurso para a Câmara Municipal e para Procurador do Município.

Cargo e remuneração do concurso Santos

As oportunidades são destinadas a candidatos que possuam diploma ou certificado de conclusão do ensino fundamental, no cargo descrito abaixo:

CargoNúmero de VagasRemuneraçãoCarga Horária
Oficial de Administração40R$ 1.982,78
R$ 456,94 Auxílio Alimentação. Total: R$ 2.439,72


40 horas semanais

Como se inscrever 

As inscrições serão aceitas até o dia 13 de fevereiro de 2020, pela internet, no endereço eletrônico www.ibamsp-concursos.org.br.

A taxa de inscrição será no valor de R$ 56,00.

Provas do concurso Santos - SP

Os inscritos serão selecionados por meio de prova escrita objetiva, composta por 40 questões, distribuídas entre as disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática, Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos. Cada questão apresentará quatro alternativas, sendo que apenas uma será considerada correta. 

As provas serão aplicadas na data provável de 8 de março de 2020, terão duração de três horas e será aplicada em local e horário a serem divulgados posteriormente. 

Critérios de desempate

  • Com idade igual ou superior a 60 anos, nos termos da Lei Federal nº 10.741/2003, entre si e frente aos demais, sendo que será dada preferência ao de idade mais elevada;
  • Que tiver maior pontuação na parte de Conhecimentos Específicos da prova objetiva;
  • Que tiver maior número de filhos menores;
  • Candidato mais velho entre os candidatos com idade inferior a 60 anos;
  • Que tiver exercido a função de jurado, a partir da vigência da Lei Federal nº 11.689/2008.

Validade

Este concurso público será válido por um ano, a contar da data de homologação, prorrogável por igual período, a juízo da Administração Municipal. 

Sobre Santos 

O município de Santos fica localizado no litoral paulista e a 72 quilômetros da capital. Trata-se de um município portuário, com a maior participação econômica da citada região, e que abriga o maior porto da América Latina.

Mais informações

O edital completo com as informações do concurso estão disponíveis no site da empresa organizadora da seleção: IBAM Concursos.

Dicas para Oficial de Administração de Santos: o que estudar de Regência Verbal para as provas?

A regência verbal é um assunto bastante amplo, mas que geralmente é abordado em quase todos os concursos públicos, não sendo diferente neste certame. Sendo assim, é importante tirar as dúvidas não só para resolver questões de múltipla escolha mas também para aplicar corretamente as regras gramaticais ao escrever textos e se expressar oralmente.

Regência Verbal e Nominal: o que é?

A regência é um tema presente em basicamente todo tipo de construção de frases, visto que seu emprego visa não apenas obedecer às regras gramaticais mas também esclarecer o sentido dos verbos e nomes (substantivos, adjetivos ou advérbios) presentes.

Quando se estuda regência, é possível aprender sobre a transitividade verbal e nominal, ou seja, como as palavras se relacionam com as preposições.

Regência Verbal: classificando verbos

A regência verbal trata especificamente de como os verbos se relacionam com as preposições, levando em conta a necessidade ou não de complemento e de preposição para construir o sentido dentro de uma frase.

Verbos Transitivos Diretos

Exigem complemento sem preposição. É possível reconhecer um verbo transitivo direto ao perguntar “o quê?” para descobrir como será seu objeto direto.

Verbos Transitivos Indiretos

Exigem complemento com preposição. É possível reconhecer um verbo transitivo indireto ao perguntar “de/com/em/a quê?” para descobrir como será seu objeto indireto.

Verbos Intransitivos

Não exigem complemento, ou seja, não há necessidade de empregar objeto direto ou indireto. Porém, os verbos intransitivos podem exigir circunstâncias adverbiais.

Verbos Intransitivos: como reconhecer a circunstância adverbial?

É possível saber que tipo de circunstância adverbial o verbo intransitivo exige por fazer perguntas como “quando?” (tempo), “onde?”, “aonde?”, “para onde?”, “de onde?” (lugar), “como?” (modo), “por quê?” (causa).

Atenção!

Tentar estudar regência apenas por memorizar as regras referentes a cada verbo não é a melhor opção, visto que a transitividade sempre está relacionada ao contexto em que o verbo está inserido. Por isso, conhecer as palavras, seu significado e seus usos faz toda a diferença na hora de aprender regência verbal.

Regência verbal: lista de verbos

Logicamente, existem dezenas de verbos a serem analisados e estudados quanto à regência, mas neste artigo abordaremos os 16 verbos mais comuns em questões de concursos públicos. São os seguintes:

Agradar

  •  Verbo transitivo direto - sentido de “fazer agrado”, “fazer carinho”
  •  Verbo transitivo indireto (utilizando preposição a) - sentido de “ser agradável”

Ajudar, satisfazer, presidir, preceder

  • Verbos transitivos diretos ou indiretos (utilizando preposição a)

Amar, estimar, abençoar, louvar, parabenizar, detestar, odiar, adorar, visitar

  •  Verbos transitivos diretos

Aspirar

  •  Verbo transitivo direto - sentido de “sorver”, “inspirar”, “levar o ar aos pulmões”
  • Verbo transitivo indireto (utilizando preposição a) - sentido de “desejar”, “almejar”

Assistir

  • Verbo transitivo direto - sentido de “dar assistência”, “amparar”
  • Também é aceito como verbo transitivo indireto (utilizando preposição a) nesse sentido
  • Verbo transitivo indireto (utilizando preposição a) - sentido de “ver”, “presenciar”
  • Verbo transitivo indireto (utilizando preposição a) - sentido de “caber”, “competir”
  • Verbo intransitivo (utilizando preposição em) - sentido de “morar”
  • Também admite o pronome relativo “onde” nesse sentido.

Quanto mais o conhecimento a respeito desses verbos e seus complementos for colocado em prática, seja por meio da resolução de questões de múltipla escolha ou da produção textual, as dúvidas serão esclarecidas. Assim, será possível aplicar corretamente a regência verbal em diferentes situações e contextos.

Como vimos, a lista de verbos que geralmente são cobrados em questões de regência verbal é extensa. Portanto, começar os estudos com antecedência, fazer pesquisas, resolver questões e fazer da leitura um hábito diário são aspectos que tornarão possível assimilar o conteúdo e aplicá-lo sem muita dificuldade.

Certamente, essa estratégia dará melhores resultados do que tentar decorar todas as regras de regência verbal.

Por Letícia Santana, tradutora Inglês-Português, professora de Língua Inglesa e redatora com dezenas de artigos educacionais publicados

Compartilhe

Concursos por E-mail
Assine nosso boletim para receber Concursos em Santos diretamente no seu e-mail
Concursos RelacionadosVagas
SES SP
Níveis Médio e Superior
275
Câmara de Araçoiaba da Serra1
Câmara de União Paulista1
CEASA
Todos os níveis de escolaridade
12
CEMMIL
Nível Fundamental
11
Coordenadoria de Controle de Doenças
Todos os níveis de escolaridade
251
CREA - SP2
CRT - SP
Níveis Médio e Superior
27
Fundação Municipal de Saúde de Rio Claro
Níveis Médio e Superior
48
INCS - SP
Níveis Médio e Superior
183
Veja todos » Concursos Abertos