Mitocôndrias

São organelas membranosas, presentes apenas nas células eucariontes, cuja principal função é produzir energia para as células, através do processo chamado de respiração celular.

A sua existência durante décadas foi questionada por alguns citologistas. As mitocôndrias estiveram presentes no citoplasma celular, de modo incontestável, somente no ano de 1890.  Estão presentes praticamente em todos os seres eucariontes, sejam animais, plantas, algas, fungos ou protozoários. É através delas que há a quebra de moléculas em determinadas reações químicas.

Estrutura

  • Formadas por duas membranas lipoproteicas, sendo uma externa e outra interna.
  • Membrana externa: Estrutura lisa possui diversas proteínas relacionadas à comunicação e sinalização celular. A camada externa fica com a porção fosfato virada para fora da célula e a porção lipídica para dentro.
  • Membrana interna: É menos permeável e apresenta numerosas dobras. A camada interna fica com a porção fosfato exposta ao interior da célula e a porção lipídica para fora. 
  • A cavidade interna das mitocôndrias é preenchida por um fluido denominado matriz mitocondrial, onde estão presentes diversas enzimas, além de DNA e RNA e pequenos ribossomos e substâncias necessárias à fabricação de determinadas proteínas.
  • Elas se tornam diferentes das organelas, pois possuem seu próprio conjunto de DNA e genes.
  • Ribossomos: Encontrados na matriz, eles produzirão proteínas essenciais para a constituição das mitocôndrias. São diferentes daqueles encontrados no citoplasma celular e mais parecidos com o das bactérias. Outra característica comum a bactérias e mitocôndrias é a presença de moléculas circulares de DNA.

Função

  • Metabolizar ou quebrar carboidratos e ácidos graxos para gerar energia.As células eucarióticas usam energia na forma de uma molécula química chamada ATP (trifosfato de adenosina).
  • Produzir energia em forma de ATP para a célula realizar seus processos metabólicos. Essa produção de energia ocorre por meio de um fenômeno denominado respiração celular.
  • Uma função secundária das mitocôndrias é sintetizar proteínas para seu próprio uso. Eles trabalham de forma independente e executam a transcrição de DNA para RNA.

Respiração Celular

  • A respiração celular é um processo de oxidação de moléculas orgânicas. Entre elas estão os ácidos graxos, glicídeos e, sobretudo, a glicose.
  • A glicose é fonte principal de energia que é utilizada pelos organismos heterotróficos.
  • A degradação da glicose acontece em 3 etapas: Glicólise, Ciclo de Krebs e Fosforilação Oxidativa. Envolve diversas moléculas, enzimas e íons.
  • No interior das mitocôndrias ocorre a respiração celular, processo em que moléculas orgânicas de alimento reagem com gás oxigênio (O2), transformando-se em gás carbônico (CO2) e água (H2O) e liberando energia.

Curiosidades

  • Conjunto de mitocôndrias chama-se: Condrioma.
  • O DNA das mitocôndrias é de origem exclusivamente materna.
  • Contém mitorribossomos, DNA e RNA no seu interior.
  • São semelhantes as bactérias por possuírem características moleculares e bioquimicas semelhantes.
  • A palavra mitocôndria deriva do grego, mitos (linha/fio) + chondros (grânulo/grão).
  • São esféricas ou alongadas.
  •  Possuem aproximadamente de 0,5 a 1 µm de diâmetro.
  • Elas podem representar até 20 % do volume celular total.

Por Paloma Gomes