16 governadores pedem auxílio emergencial 2021 de R$ 600

Carta pública assinada por 16 governadores alerta para situação sanitária e econômica do país e pede valor maior do auxílio emergencial 2021.

16 governadores pedem auxílio emergencial 2021 de R$ 600, logo auxílio emergencial

Carta pede aumento de valor e aponta crise sanitária. - Foto: Divulgação

Por meio de uma carta publicada nesta quarta-feira (24/03), 16 governadores pediram auxílio emergencial de R$ 600. O documento foi endereçado aos presidentes da Câmara e do Senado Federal.

De acordo com os governadores, esforços de mitigação precisam ser adotados para permitir que as pessoas mais vulneráveis não sofram os impactos econômicos, sanitários e sociais provocados pela pandemia de COVID-19.

“É importante entender o esforço de mitigação da crise atual para os mais vulneráveis como extraordinário e temporário. Logo à frente precisaremos voltar a uma trajetória de ajustamento fiscal que compatibilize os necessários programas sociais com um financiamento responsável dos mesmos”, aponta a carta.

Em outro trecho, os valores do benefício são considerados insuficientes e é feito o pedido de aumento.

“Por isso, solicitamos ao Congresso Nacional que disponibilize os recursos necessários para o Auxílio Emergencial em níveis que superem os valores noticiados de R$ 150,00, R$ 250,00 e R$ 375,00”.

Além disso, os governadores afirmam que o momento em que o país se encontra é dramático e citam a falta de insumos, equipamentos e medicamentos.

“Temos o cenário dramático de quase 300 mil vidas perdidas. Diariamente, vemos recorde de mortes, lotação de leitos hospitalares, ameaça de falta de medicamentos e esgotamento das equipes de saúde”, informa a carta.

Assinaram a carta os governadores dos seguintes estados:

  • Alagoas;
  • Amapá;
  • Bahia;
  • Ceará;
  • Espírito Santo;
  • Maranhão;
  • Mato Grosso do Sul;
  • Pará;
  • Paraíba;
  • Paraná;
  • Pernambuco;
  • Piauí;
  • Rio Grande do Norte;
  • Rio Grande do Sul;
  • São Paulo;
  • Sergipe.

Auxílio emergencial 2021: como será

No momento, o auxílio emergencial 2021 não pagará R$ 600. Os valores do benefício poderão variar entre R$ 150 e R$ 375, dependendo da situação da família e terão quatro repasses. O governo deverá gastar R$ 42,5 bilhões com o benefício.

As regras do auxílio emergencial 2021 já foram publicadas, assim como a lista de quem ficar de fora. De acordo com o que foi informado pelo governo, os pagamentos devem começar no mês de abril.

Carlos Rocha
Redator
Jornalista formado (UFG), atualmente redator no site Concursos no Brasil. Foi roteirista do Canal Fatos Desconhecidos (YouTube) por um ano e meio. Produziu conteúdo de podcast para o Deezer. Fez parte da Rádio Universitária (870AM) por três anos e meio como apresentador no Programa Fanático e como repórter, narrador e comentarista da Equipe Doutores da Bola. Fã de futebol, NFL e ouvinte de podcast.

Compartilhe

Especial Auxílio Emergencial

Veja mais »