Mais de 110 mil mães solo receberão auxílio emergencial retroativo

Novas beneficiárias tiveram seus cadastros aprovados pela Dataprev e receberão o auxílio emergencial retroativo em pagamento único no dia 06/08.

O Ministério da Cidadania (MC) informou que mais de 110 mil mulheres chefes de família receberão o auxílio emergencial retroativo. Essas beneficiárias foram aprovadas após a reanálise dos cadastros que haviam recebido resposta negativa anteriormente. Segundo a pasta responsável, elas contarão com pagamento único de todas as parcelas anteriores de R$ 375 nesta sexta-feira (06/08).

Já para as mães solo que recebem a quantia por meio do Bolsa Família, o repasse será feito de acordo com o calendário estipulado pelo programa social. Esses novos depósitos, de acordo com o Ministério da Cidadania, somam R$ 82,24 milhões. Até agora, o governo federal já pagou mais de R$ 8,5 milhões para essas mulheres provedoras do lar.

Como pedir o auxílio emergencial retroativo

Muitos cadastrados tiveram o benefício negado ou suspenso por conta de dados desatualizados. Esses podem entrar com recurso e conseguir o pagamento de novas parcelas e até do auxílio emergencial retroativo. De acordo com o Ministério da Cidadania, estão sendo reanalisados mais de 27 mil perfis de beneficiários.

O processo de contestação do resultado é bastante simples, o interessado precisa:

  • Acessar o site da Dataprev;
  • Informar os dados pedidos (nome completo, CPF, data de nascimento e nome completo da mãe);
  • Assinalar a caixa "não sou um robô" e entrar;
  • Clicar no botão azul "solicitar contestação".

O pedido será automaticamente enviado à Dataprev. No entanto, é preciso aguardar o período para contestação que, normalmente, fica aberto durante 10 dias após o indeferimento do benefício. Assim como no caso das mães solo, o auxílio emergencial retroativo é pago em um único depósito para os novos aprovados.

Vale ressaltar que todos os cadastros passam por reanálise mensalmente antes do pagamento de cada parcela. Sendo assim, quem recebeu as cotas anteriores não necessariamente vai receber as próximas. Por isso, é preciso ficar atento e verificar, antes dos pagamentos, se você poderá contar com as rodadas seguintes.

Compartilhe

Especial Concurso BB

Veja mais »