Abono Salarial PIS/PASEP terá novos pagamentos apenas em 2022

Adiamento do abono salarial PIS/PASEP referente a 2020 implica em mudança estrutural nos pagamentos. Esses deverão ser feitos no primeiro semestre de cada ano.

abono salarial PIS/PASEP: a imagem mostra leque de dinheiro com notas de 50, 20, 10 e 5 reais

Veja o que vai acontecer com os pagamentos. - Foto: Concursos no Brasil

O abono salarial PIS/PASEP pago aos trabalhadores de carteira assinada foi adiado e só voltará a ser pago em 2022. Isso significa que quem trabalhou acima de 30 dias em 2020 e se encaixa nos requisitos ficará sem o bônus neste ano. Os pagamentos deveriam ser feitos entre julho e dezembro de 2021 e finalizados no primeiro semestre de 2022.

No entanto, o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) resolveu seguir a sugestão do governo federal e adiar os depósitos. A ideia é que o orçamento desse 14° salário seja utilizado para ajudar a financiar o novo Benefício Emergencial (BEm), que trata da redução de jornadas e salários e também suspensão de contratos. 

Mudanças nos pagamentos do abono salarial

A medida deve liberar R$ 7,6 bilhões dos 18,1 bilhões previstos para o abono salarial PIS/PASEP em 2021, uma vez que R$ 10,5 bilhões já foram utilizados para finalizar os depósitos referentes a 2019. Sendo assim, os trabalhadores que têm direito aos valores deverão esperar mais um semestre. Os pagamentos devem retornar em janeiro de 2022.

Dessa forma, o adiamento também irá implicar em mudanças no formato da distribuição do bônus. Essa costuma acontecer no segundo semestre do ano, iniciando as transferências relativas ao ano anterior. Por exemplo, nascidos de julho a dezembro que trabalharam em 2019 receberam os valores entre julho e dezembro de 2020. 

Já os nascidos entre janeiro e junho tiveram o dinheiro em suas contas no período de janeiro a março de 2021. Mas, segundo o Codefat, "dentro das possibilidades orçamentárias e financeiras do FAT [Fundo de Amparo ao Trabalhador], o pagamento do abono deverá ocorrer sempre dentro do primeiro semestre de cada ano, ou seja, de maneira estrutural e permanente".

Quem tem direito aos pagamentos do PIS/PASEP?

O abono salarial PIS/PASEP é uma espécie de 14° salário pago anualmente aos trabalhadores que:

  • Possuem carteira assinada;
  • Trabalharam formalmente por, pelo menos, 30 dias no ano referente (no caso, no ano de 2020);
  • Recebe ganho de até dois salários mínimos por mês (R$ 2.200 conforme o valor vigente em 2021);
  • Precisa estar inscrito no respectivo programa há pelo menos cinco anos.

A quantia depositada varia de acordo com o número de meses trabalhado, com valor mínimo de R$ 92, e pode chegar a, no máximo, R$ 1.100. Sendo assim, Vale ressaltar que o PIS é pago pela Caixa para funcionários de empresas privadas, enquanto o PASEP é transferido pelo Banco do Brasil para servidores públicos.

Isadora Tristão
Redatora
Nascida na cidade de Goiânia e formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás, hoje, é redatora no site "Concursos no Brasil". Anteriormente, fez parte da criação de uma revista voltada para o público feminino, a Revista Trendy, onde trabalhou como repórter e gestora de mídias digitais por dois anos. Também já escreveu para os sites “Conhecimento Científico” e “KoreaIN”. Em 2018 publicou seu livro-reportagem intitulado “Césio 137: os tons de um acidente”, sobre o acidente radiológico que aconteceu na capital goiana no final da década de 1980.

Compartilhe

Especial Auxílio Emergencial

Veja mais »