ANS abrirá processo seletivo para temporários

Ministério do Planejamento autorizou a contratação de 200 profissionais para a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão autorizou a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) a contratar 200 profissionais por tempo determinado, para atender às necessidades temporárias da agência.  Os servidores serão admitidos por meio de processo seletivo simplificado, devendo o edital de abertura prever o número de vagas, a descrição das atribuições, a remuneração e o prazo de duração do contrato.

Atribuições e prazo de contratação

De acordo com a portaria, os profissionais exercerão atividades técnicas especializadas de complexidade intelectual e atividades técnicas de suporte. Entre as atribuições dos contratados, estão o desempenho atividades relacionadas à análise e aos processamentos administrativos decorrentes de demandas pendentes de ressarcimento ao Sistema Único de Saúde (SUS) e a arrecadação e cobrança das penalidades pecuniárias respectivas, inscrição dos créditos na Dívida Ativa da ANS e dos devedores no CADIN.

O prazo de duração dos contratos deverá ser de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de cinco anos.

Formações requeridas

As vagas contemplarão candidatos que possuam experiência profissional e formação em nível superior (inclusive com pós-graduação, dependendo da vaga pretendida) nas áreas de saúde, direito, ciências da computação, sistemas de informação ou engenharia, administração e ciências contábeis.

Saiba mais detalhes consultando a Portaria Interministerial Nº 80 na íntegra. Está publicada na página 62 do Diário Oficial da União de 26 de abril de 2013, seção 1.

Compartilhe