Aprenda como pagar o IPTU durante pandemia

Existem outras formas de pagar o IPTU sem comparecer às agências bancárias. Confira em nossa matéria quais as alternativas para evitar aglomerações!

Pagar o IPTU durante pandemia: enquadramento fechado nas mãos de um homem enquanto mexe em celular

Os contribuintes têm o direito de efetuar a transação pelo Internet Banking. - Foto: Unsplash

Intensificado pelo distanciamento social, o estado de calamidade pública modificou a maneira como lidamos com o pagamento de impostos e contas do dia a dia. As pessoas devem buscar alternativas que evitem aglomerações e contágio da COVID-19. Por essa razão, é extremamente necessário entender como pagar o IPTU durante o período de pandemia.

As pessoas geralmente podem realizar o pagamento nos terminais de autoatendimento. No entanto, também existem outras formas de efetuar o mesmo procedimento sem a necessidade de imprimir o documento ou comparecer às agências bancárias.

Confira, abaixo, outras alternativas e não deixe para realizar o pagamento em cima da hora! Aproveite a visita e não se esqueça de conferir outros conteúdos de nosso site, como simulados e artigos. Temos certeza de que existe um material feito especialmente para você!

Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU)

O IPTU é o imposto direcionado para as propriedades com construção no meio urbano. Ele tende a ser cobrado anualmente de todos os proprietários de casas, prédios ou estabelecimentos comerciais.

Como o IPTU incide sobre a propriedade, o contribuinte deverá realizar o pagamento conforme a quantidade de imóveis em seu nome. O carnê é enviado anualmente para as respectivas correspondências e todas as pessoas têm direito a efetuar o procedimento por duas opções distintas.

Quais as formas de pagar o IPTU? Uma é parcelar ao longo do ano e a outra é pagando à vista. Cabe ao contribuinte definir qual a melhor forma de pagamento dentro de seu contexto.

O prazo de vencimento será definido pelo próprio proprietário do imóvel entre os dias 9 e 14 de cada mês, caso não tenha feito opção por nenhuma data. Detalhe importante: é possível efetuar a reimpressão do boleto, em caso de perda ou extravio, por meio dos sites das prefeituras municipais.

A falta de pagamento do IPTU pode ocasionar na inclusão do contribuinte dentro do Cadastro Informativo Municipal (CADIN), além da inscrição do débito total na Dívida Ativa do Município.

Quando isso acontece, existe a possibilidade de que a dívida seja cobrada por meios judiciais. O pior cenário abrange a penhora dos bens e, além disso, as custas judiciais podem ser encaminhadas ao contribuinte devedor.

Como pagar o IPTU durante a pandemia?

O pagamento do IPTU, realizado até a data final do vencimento, pode ser feito de outras formas para além do comparecimento às agências bancárias.

Após o envio do boleto pela prefeitura, os contribuintes têm o direito de efetuar a transação por meio do site de seu banco (Internet Banking).

Algumas instituições bancárias descartam, inclusive, a necessidade de realizar o pagamento por meio do código de barras do boleto. Basta informar o número do cadastro do imóvel para seguir com o procedimento digital.

É importante destacar que cada banco possui a sua forma de acesso, mas a maioria deles dispõe de pagamento sem código de barras e/ou tributos municipais.

Os contribuintes que optarem pelo pagamento à vista terão um desconto de ao menos 3% sobre o valor total. Essa porcentagem poderá sofrer ajustes, dependendo do órgão público e da cidade em que o imóvel está localizado.

Além do mais, os aplicativos dos bancos também fornecem a opção de efetuar o pagamento do IPTU. Somente será necessário seguir o passo a passo indicado na tela de seu celular, tendo em mãos o número do cadastro do imóvel.

Débito automático

Outra opção de pagar o IPTU é a de cadastrar a conta corrente em débito automático. Dessa maneira, a transação será feita na data agendada e sem a necessidade de comparecer ao banco correspondente.

Os contribuintes devem realizar o cadastramento prévio junto à prefeitura ou por meio do Internet Banking. Lembrando que cada instituição bancária funciona de uma maneira diferente, dependendo de como ocorre o desbloqueio do débito automático por meios virtuais.

O Internet Banking da Caixa Econômica Federal, por exemplo, estabelece as seguintes condições para ativar os recursos:

  • O débito será efetuado somente quando houver saldo suficiente;
  • Os débitos autorizados sem movimentação por mais de 180 dias serão automaticamente cancelados;
  • Após a adesão, o débito automático só estará ativo quando a fatura vier com algum aviso sobre a adesão ao serviço. Até esse momento, as faturas devem ser pagas normalmente.

Como consultar o IPTU?

É possível consultar o IPTU diretamente no site da prefeitura de sua cidade.

Em geral, logo na primeira página, há um link em que você terá acesso às informações sobre o Imposto Predial e Territorial Urbano.

Também é possível emitir a 2ª via do IPTU, sendo geralmente disponibilizada de maneira gratuita.

Explore:

Concursos com inscrições abertas

Fraude no auxílio emergencial pode render mais de seis anos de prisão

Secretaria do Trabalho lança canal online para denúncias trabalhistas

Como utilizar o Cartão virtual Caixa TEM em supermercados

Bruno Destéfano
Redator
Nasceu no interior de Goiás e se mudou para a capital, Goiânia, no início de 2015. Seu objetivo era o de cursar Jornalismo na UFG. Desde o fim de sua graduação, já atuou como roteirista, gestor de mídias digitais, assessor de imprensa na Câmara Municipal de Goiânia, redator web, editor de textos e locutor de rádio. Escreveu dois livros, sendo um de ficção e outro de não-ficção. Também recebeu prêmios pela produção de um podcast sobre temas raciais e por seu livro-reportagem "Insurgência - Crônicas de Repressão". Atualmente, trabalha como redator web no site "Concursos no Brasil" e está participando de uma nova empresa no ramo de marketing digital.

Compartilhe

Especial Auxílio Emergencial

Veja mais »