Educação - RN: governo convoca professores

Convocados 600 professores e especialistas que participaram do último concurso da Educação, para atuar na rede estadual de ensino

Foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) de sexta-feira (03/05) a convocação e nomeação de 600 professores e especialistas que participaram do último concurso da Educação, para atuar na rede estadual de ensino. Em 60 dias, outros 600 serão convocados para suprir as necessidades das escolas de todas as regiões. 

De acordo com a governadora Rosalba Ciarlini, a decisão de dividir a quarta convocação em duas etapas se deu para garantir uma maior agilidade na contratação dos educadores.

Os nomeados serão distribuídos prioritariamente para os polos 1 e 4. De acordo com a secretária Betânia Ramalho, os professores devem ficar atentos ao quadro publicado no DOE, que está bem detalhado. "É preciso atenção, porque eles deverão se apresentar diretamente à DIRED para a qual foram convocados."

Os aprovados para a 1ª DIRED, que integra o polo 1, serão encaminhados prioritariamente para as escolas da Zona Norte de Natal e as cidades de Macaíba, São Gonçalo e Extremoz. Os convocados para o polo 4 serão direcionados para a 8ª DIRED. "Em relação ao polo 4, o Diário Oficial mostra que 23 professores polivalentes estão sendo convocados para Mossoró. Os demais aprovados deverão se apresentar exclusivamente à DIRED de Angicos, que apresenta um número maior de carga horária aberta", ressaltou a secretária.

Quem também pede a atenção dos convocados é a coordenadora de Recursos Humanos da SEEC, Ivonete Bezerra. "Desta vez, o local para apresentação dos convocados para as DIREDS de Natal e Parnamirim é a própria Coordenadoria de Administração de Pessoal e Recursos Humanos (COAPRH), que fica no prédio da Secretaria de Educação, no Centro Administrativo. Daqui faremos o encaminhamento para as escolas. Os convocados para as outras regiões, devem se apresentar na sede das diretorias regionais, conforme consta no Diário Oficial."

Os convocados têm até o dia 31 de maio para se apresentarem. O primeiro passo é solicitar à COAPRH ou às DIREDS, o encaminhamento para a junta médica, apresentar os exames necessários, para depois retornar à COAPRH ou às DIREDS com os documentos solicitados e tomar posse do cargo. 

Os convocados têm que entregar os seguintes documentos:

a) Diploma de conclusão de curso com habilitação para o cargo;
b) Cópia de inscrição no Conselho Regional de Educação Física, para os nomeados ao cargo de Professor de Educação Física;
c) Documento de identificação;
d) Atestado de saúde ocupacional (ASO), habilitando o candidato para o exercício do cargo, expedido por junta médica oficial;
e) Cópia da Cédula de Identidade;
f) Comprovante de residência;
g) Cópia do Título de Eleitor e Comprovação de Quitação Eleitoral;
h) Cópia do Cadastro de Pessoa Física (CPF);
i) Cópia do PIS ou PASEP;
j) Cópia da Certidão de Reservista (sexo masculino);
k) Cópia da Certidão de Nascimento ou Casamento
l) Cópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social (página com foto - frente e verso e contrato de trabalho);
m) Número da Conta bancária e Agência em nome do Titular do Contrato (conta no Banco do Brasil); 
n) Certidão negativa de antecedentes criminais expedidas pelas Justiças estadual e federal, assim como pela Polícia Civil da localidade em que o candidato possuir residência nos últimos 5 (cinco) anos.

Para informações sobre a inspeção médica e a entrega dos documentos, só ligar para a Assessoria de Comunicação da SEEC, (84) 3232-1323/5321.

Portal de Notícias do Governo do Estado do Rio Grande do Norte

***

Educação - RN: governo convocará 1,2 mil professores

Inicialmente, 600 profissionais terão os nomes publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) até o próximo dia 27 de abril deste ano.

Em uma coletiva de imprensa realizada na manhã de sexta-feira (19/04/2013), a governadora Rosalba Ciarlini anunciou a convocação de 1.200 professores para a rede pública de ensino do Rio Grande do Norte. Inicialmente, 600 profissionais terão os nomes publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) até o próximo dia 27 de abril deste ano. Os demais serão convocados em até 60 dias, o que garante mais agilidade ao processo de admissão e direciona os professores para suprir a necessidade das escolas em todas as regiões do estado.

A primeira metade dos educadores será distribuída para todos os cinco polos do RN, entretanto os aprovados para o Polo 1 serão encaminhados prioritariamente para as escolas da Zona Norte da capital potiguar e os convocados para o Polo 4 serão direcionados para a região de Angicos, da 8ª Diretoria Regional de Educação (DIRED).

De acordo com a governadora Rosalba Ciarlini, a convocação dos professores "atende uma demanda urgente porque todos os 1.200 educadores estão substituindo os profissionais que se aposentaram ou que não se apresentaram na última convocação feita", falou a governadora lembrando o aumento de 76,7% concedido ao setor que já tem 3.500 professores convocados por concurso público desde 2011.

A secretária de Estado da Educação e da Cultura, Betânia Ramalho, lembrou o esforço do Governo do RN para realizar o primeiro concurso desde 2005. "Tivemos a responsabilidade e um grande peso para reordenar tudo isso. Então, estamos fazendo a convocação e diagnosticando onde está a maior demanda de professores para direcionamento imediato", disse.

Governo do Estado do Rio Grande do Norte

***

Concurso Educação RN: Mais de mil professores são convocados (30/11/2012)

Secretaria de Educação do Rio Grande do Norte convoca 1.162 professores aprovados no último concurso público.

A Secretaria de Estado da Educação anuncia para o início do ano que vem uma terceira convocação de professores aprovados no último concurso público. No dia 3 de janeiro, serão convocados 1.162 aprovados, com posse coletiva prevista para o dia 4 de fevereiro. Eles já iniciarão o ano letivo de 2013, no dia 18 de fevereiro, em sala de aula.

Além do preenchimento de vagas que continuam abertas em algumas escolas, outro fator que contribuiu para a terceira chama foi a saída progressiva dos professores temporários, que devem deixar os quadros da Educação até o início do próximo ano. Os contratos desses professores temporários estão chegando ao fim e não podem ser renovados, uma vez que os profissionais foram contratados por um ano, com prorrogação por igual período, conforme determina a legislação.

Com essa terceira chamada, o Governo do Estado terá convocado, para suprir as necessidades das salas de aulas em todas as regiões do Rio Grande do Norte, 3.119 professores aprovados no concurso da Educação. No início do primeiro semestre, foram convocados 1.013 educadores e, no segundo semestre, 944.

Fonte: Agência de notícias do RN

Compartilhe

Comentários