Caixa pode liberar novo programa habitacional com ZERO de entrada

Sem a necessidade de pagar a entrada do valor, o novo programa habitacional poderá estender o prazo de pagamento para até 35 anos. Saiba os detalhes.

A Caixa Econômica Federal (CEF) poderá liberar um novo programa habitacional ainda neste ano de 2021. Ao que tudo indica, a instituição bancária pretende lançar crédito imobiliário sem custos adicionais na entrada, além estender o prazo de pagamento para até 35 anos. A medida tem o objetivo de facilitar a compra de imóveis para milhares de brasileiros. Atualmente, a linha de crédito mais em conta da Caixa é feita pelo Sistema Financeiro Habitacional (SFH).

Até porque esse tipo de financiamento garante os principais benefícios com maior prazo de pagamento. Além do mais, existe a possibilidade de usar o FGTS para amortizar o valor. Vale lembrar, por outro lado, que a linha de crédito pelo SFH só é permitida quando a parcela do financiamento não compromete mais de 30% da renda. O imóvel também não pode extrapolar o montante de 1,5 milhão de reais.

Programa habitacional da Caixa; nova medida ainda não foi lançada

Ainda sem prazo para ser lançado, o novo programa habitacional da Caixa terá o objetivo de facilitar a compra de imóveis. O projeto pretende conceder financiamentos com zero de entrada, sendo que o valor total poderá ser pago durante o período limite de 35 anos. Atualmente, ao menos 5,88 milhões de residências brasileiras estão enquadradas como “deficitárias”.

Dados da Fundação João Pinheiro mostram que, desse montante, 3 milhões estão pagando aluguel que alcança 30% da renda familiar. Além do mais, 1,48 milhão vivem em situação atualmente precária. A medida da Caixa tenderá a melhorar esses números, que continuam estagnados e ainda não apresentaram perspectivas de avanço.

No entanto, o novo programa habitacional ainda não está disponível, já que a instituição bancária ainda não liberou as condições de financiamento. Confira como é possível comprar imóveis nos dias atuais:

  1. O primeiro passo é fazer uma simulação pela página da Caixa. Nela, será preciso informar o valor da prestação, prazo e demais condições;
  2. Feito isso, o interessado deverá apresentar a documentação exigida para os correspondentes bancárias ou para o próprio gerente da agência. A Caixa, nessa etapa, vai identificar as possibilidades de uso do FGTS e o tipo de crédito que será mais adequado;
  3. Em seguida, a Caixa deverá ir até o imóvel para avaliar o valor de venda e as condições de uso;
  4. Após a avaliação, o contrato será assinado diretamente na agência. O cliente deve registrar o contrato no cartório de imóveis para garantir a liberação do crédito;
  5. Ao longo do prazo estabelecido por meio do contrato assinado, as parcelas do financiamento habitacional devem ser pagas. Ajustes nas condições de crédito podem ser solicitadas pelo Internet Banking da Caixa, por meio do site da instituição bancária ou diretamente na agência.

Para mais informações, acesse o site da Caixa. Os interessados também pode ligar nos telefones 4004 0104 (capitais) ou 0800 104 0104 (demais localidades), por meio da opção '7'. O atendimento está disponível de segunda a sexta-feira, das 08h às 20h.

Compartilhe

Especial Concurso BB

Veja mais »