Caixa Tem vai oferecer novos serviços, como empréstimos e seguros

As novas funcionalidades já estão sendo estudadas pela instituição financeira. Assim, o Caixa Tem pode se consolidar como um banco digital para baixa renda.

Caixa Tem vai oferecer novos serviços: enquadramento fechado em mão segurando celular. No visor, é possível ver a página inicial do aplicativo Caixa Tem

91,7 milhões de poupanças digitais foram abertas por meio do aplicativo Caixa Tem. - Foto: Divulgação/Caixa

Atualmente utilizado para os pagamentos do auxílio emergencial, o aplicativo Caixa Tem pode se transformar em uma espécie de banco digital para pessoas de baixa renda. A Caixa Econômica Federal pretende ampliar os serviços ofertados até então, disponibilizando pequenos empréstimos, seguros e cartões para os beneficiários cadastrados no sistema.

Nesta sexta-feira (28/08), o presidente da instituição financeira informou que vai estabelecer novas funcionalidades para além da pandemia. Entretanto, o pagamento de benefícios sociais vai continuar acontecendo, inclusive para os inscritos no Bolsa Família. As cotas desse programa são atualmente efetuadas apenas de maneira presencial.

De acordo com a instituição financeira, aproximadamente 91,7 milhões de poupanças digitais foram abertas para os brasileiros que recebem auxílio emergencial, saques do FGTS e o benefício para manutenção de emprego e renda (BEm).

Acompanhe a matéria completa e fique por dentro de mais detalhes sobre os novos recursos do Caixa Tem. Não se esqueça de conferir outros conteúdos de nosso site, como simulados e artigos. Temos certeza de que existe um material feito especialmente para você!

Novas funcionalidades do aplicativo Caixa Tem

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, informou que a entrada do microcrédito na plataforma do Caixa Tem já está sendo finalizada. Ela deve operar por meio de empréstimos para os interessados que possuam baixa renda, especificamente na faixa de "R$ 100, R$ 200 e R$ 300".

Pedro Guimarães não forneceu detalhes sobre os recursos de seguros e cartões. Hoje, o app Caixa Tem já libera um cartão de débito digital. Ele pode ser utilizado em compras online e, também, em compras presenciais. Basta aproximar o celular das maquininhas de cartão. Em termos gerais, aproximadamente 67,5 milhões desses cartões de débito virtuais foram emitidos ao longo da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus.

Estratégia para manter a base de dados

As novas funcionalidades do Caixa Tem podem ser uma estratégia de preservar os beneficiários do auxílio emergencial na base para além da pandemia. Até porque ao menos 40 milhões de brasileiros não possuíam contas na Caixa e foram registradas para receber as parcelas do benefício concedido pelo governo.

O esforço em efetuar o pagamento do auxílio, conforme Guimarães, foi um dos fatores que reduziu o lucro da instituição bancária no segundo trimestre de 2020. De acordo com ele, o banco praticamente interrompeu seus serviços corriqueiros nos meses de abril e maio. Tudo isso para conseguir suprir a demanda dos repasses. Por essa razão, a Caixa acabou reduzindo os contratos comerciais e perdeu receita no auge da pandemia.

Bruno Destéfano
Redator
Nasceu no interior de Goiás e se mudou para a capital, Goiânia, no início de 2015. Seu objetivo era o de cursar Jornalismo na UFG. Desde o fim de sua graduação, já atuou como roteirista, gestor de mídias digitais, assessor de imprensa na Câmara Municipal de Goiânia, redator web, editor de textos e locutor de rádio. Escreveu dois livros, sendo um de ficção e outro de não-ficção. Também recebeu prêmios pela produção de um podcast sobre temas raciais e por seu livro-reportagem "Insurgência - Crônicas de Repressão". Atualmente, trabalha como redator web no site "Concursos no Brasil" e está participando de uma nova empresa no ramo de marketing digital.

Compartilhe

Comentários