Concurso AGU está sendo estudado e pode ter 200 vagas

Concurso AGU está em fase de análise. Informação foi dada por Procurador.

Concurso AGU está sendo estudado e pode ter 200 vagas, sede da PGFN

Novo concurso AGU pode ter 200 vagas. - Foto: Agência Senado

Nesta terça-feira (17/11), foi informado que a Advocacia Geral da União (AGU) está estudando a possibilidade de realizar um novo certame. No caso, o concurso AGU poderia ter até 200 vagas para nível superior.

A informação de que a AGU está avaliando a realização do concurso partiu do Procurador da Fazenda Nacional, Jurandi Ferreira. Ele comentou a novidade por meio de suas redes sociais e deu mais alguns detalhes.

Segundo Jurandi, a realização de uma análise orçamentária já foi aprovada. Com isso, no momento, se estuda a viabilidade do concurso AGU e as necessidades que o órgão possui. Até aqui, seriam distribuídas 200 oportunidades, sendo 100 para Procurador Federal e outras 100 para Advogado da União.

O pedido para a realização de um novo concurso partiu da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), que é vinculada à Advocacia-Geral da União. Sendo assim, houve necessidade do Conselho da AGU aprovar o pedido, algo que já ocorreu.

Déficit de servidores

Conforme a AGU, o déficit de servidores no órgão é grande. Mais de 500 cargos estão vagos e precisam ser preenchidos. Por causa disso, os estudos para o concurso começaram no ano de 2018 e seguem até hoje.

De acordo com Jurandi Ferreira, foram solicitadas mais do que as 200 vagas esperadas para o próximo edital. Há a necessidade de se ter pessoas para o apoio administrativo. No entanto, a Lei Complementar n° 173 barrou a ideia.

Apesar da demora, há uma notícia boa para os concurseiros. A AGU pode realizar o seu concurso por conta própria e não depende de o Ministério da Economia dar aval. Portanto, assim que os estudos de viabilidade ficarem prontos, é bem provável que haverá a divulgação de um edital do concurso AGU.

Último concurso AGU

O último concurso AGU foi realizado em 2018, ofertou 100 vagas e contou com a organização do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (IDECAN). As oportunidades foram para cargos de nível superior:

  • Administrador: 48 vagas;
  • Analista Técnico Administrativo: dez vagas
  • Arquivista: duas vagas;
  • Bibliotecário: uma vaga;
  • Contador: 32 vagas
  • Técnico em Assuntos Educacionais: duas vagas;
  • Técnico em Comunicação Social: cinco vagas.
Carlos Rocha
Redator
Jornalista formado (UFG), atualmente redator no site Concursos no Brasil. Foi roteirista do Canal Fatos Desconhecidos (YouTube) por um ano e meio. Produziu conteúdo de podcast para o Deezer. Fez parte da Rádio Universitária (870AM) por três anos e meio como apresentador no Programa Fanático e como repórter, narrador e comentarista da Equipe Doutores da Bola. Fã de futebol, NFL e ouvinte de podcast.

Compartilhe

Comentários