Concurso PM PR: Ministério Público recomenda retificação do Edital

Concurso PM PR vai eliminar candidatos com tatuagens ou com deformidade na orelha pelo uso de alargadores. Para o MP, esses itens são inconstitucionais.

Concurso PM PR: viatura de polícia

Ministério Público vê inconstitucionalidade em edital da PM PR - Foto: PM/Divulgação

Concurso PM PR 2020 que preencherá 2.400 vagas para soldados da Polícia Militar e para Bombeiro Militar prevê a eliminação de candidatos com deformidades na orelha ocasionadas por uso de alargador ou com tatuagens visíveis.

A polêmica chamou a atenção do MPPR (Ministério Público do Paraná), que destacou os itens como inconstitucionais, recomendando que a PM PR realize a retificação do edital.

Conforme o Ministério Público, esses são os itens mais polêmicos, mas existem outros pontos no edital que deverão ser modificados.

Irregularidades no edital do concurso PM PR

Confira os quatro pontos destacados pelo MP - PR que estão irregulares e que deverão ser corrigidos.

  1. Tatuagens: o edital prevê a eliminação dos candidatos com tatuagens em locais que não estejam cobertos pelo uniforme;
  2. Deformidade nas orelhas: serão eliminados os candidatos com deformidades na orelha, mesmo aquelas decorrentes do uso de alargadores de orelha ou acessório semelhante;
  3. Uso de óculos ou lente de contato: ao realizar o exame oftalmológico, o candidato não poderá usar lente de contato e nenhum outro instrumento para corrigir a visão. Caso seja flagrado, haverá desclassificação do concurso público;
  4. Pessoas com deficiência: o edital não estipula vagas para pessoas com deficiência (PCD), por considerar que o cargo exige exposição a riscos e situações de emergência.

Medidas a serem tomadas

Conforme orientação do MP - PR o uso de óculos, lentes, tatuagens ou mesmo alargadores nas orelhas não impedem que o profissional possa exercer a sua profissão.

Além disso, de acordo com o Estatuto da Pessoa com Deficiência do Estado do Paraná, é necessário que a PM PR reserve 5% de suas vagas para pessoas com deficiência (PCD).

Inscrições PM PR 2020: prazo vai até 04 de maio de 2020

Para concorrer a uma das 2.400 vagas para Soldado da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, é necessário ter o ensino médio completo, CNH B e idade máxima de 30 anos. 

Os candidatos ao concurso PM PR 2020 serão avaliados por meio de prova objetiva composta por 60 questões, prova de redação e teste físico.

A prova objetiva envolverá conteúdos de Língua Portuguesa, Raciocínio Matemático, Geografia, História, Informática e Legislação.

Edital de 2018 da PM PR exigia masculinidade

Não é a primeira vez que a PM PR se envolve em polêmicas. Em 2018, o concurso PM PR que preencheu 16 vagas para Cadetes exigia “masculinidade” dos candidatos. 

Conforme o edital, era necessário que o candidato tivesse a "capacidade (...) em não se impressionar com cenas violentas, suportar vulgaridades, não emocionar-se facilmente, tampouco demonstrar interesse em histórias românticas e de amor”.

Após receber diversas críticas, o edital foi retificado e o termo “masculinidade” foi substituído por “enfrentamento”, cuja exigência era que o candidato tivesse a capacidade “em não se impressionar com cenas violentas, suportar vulgaridades e de não emocionar-se facilmente”.

Compartilhe

Comentários

Especial Auxílio Emergencial

Veja mais »