Concurso PRF e PF terão 2.000 candidatos convocados? Entenda

Conforme José Hott, tanto a PRF quanto a PF deverão contemplar 2.000 vagas efetivas até o final de 2022. Saiba os detalhes em nossa matéria.

Nas autorizações liberadas em dezembro de 2020, constam 1.500 vagas efetivas tanto para os concursos PRF e PF. O diretor-executivo da Polícia Rodoviária Federal, José Hott, afirmou que esse quantitativo está previsto para o preenchimento nas primeiras turmas de 2021.

Entretanto, há o compromisso de ofertar mais 500 oportunidades até o ano de 2022. Ambas as corporações, dessa maneira, contariam com o total de 2.000 vagas (cada uma) após as homologações oficiais dos certames.

“É uma grande oportunidade. 2.000 vagas possíveis. O ato traz autorização, dentro de 2021, de 1.500 vagas. Mas temos o anúncio do ministro da Justiça, do presidente da República, compromisso do Ministério da Economia... que serão chamados mais 500 em 2022 pra fechar os 2.000, tanto na PF quanto na PRF. E, com esse número, nós vamos fechar o governo com o compromisso de ter preenchido 100% dos cargos na PRF. São 13.098 cargos”, afirmou José Hott em live promovida na última segunda-feira (28/12).

Sobre os concursos PRF e PF

No dia 11 de dezembro de 2020, saiu a autorização do concurso Polícia Federal no Diário Oficial da União. Serão fornecidas, até 2021, pelo menos 1.500 vagas para os seguintes cargos de nível superior: Agente, Escrivão, Delegado e Papiloscopista. Ainda não existem confirmações específicas, mas é possível que o Cebraspe seja contratado como banca organizadora das etapas eliminatórias e classificatórias.

Já o concurso PRF foi autorizado no dia 24 de dezembro de 2020. Com edital previsto para janeiro de 2021, serão ofertadas 1.500 oportunidades imediatas para o cargo de Policial Rodoviário Federal (nível superior em qualquer área). Os profissionais empossados poderão receber remunerações de R$ 10.357,88, além de gratificações correspondentes.

Estabilidade garantida

Mesmo com a aprovação da reforma administrativa, as carreiras da PRF e PF serão consideradas como estáveis. O presidente Jair Bolsonaro, em live do dia 03 de setembro de 2020, disse que ambas as corporações contam com cargos “típicos de Estado”. Dessa maneira, a estrutura provavelmente não será modificada.

"Em uma parte do Executivo, está sendo feita a reforma administrativa. Algumas carreiras típicas de Estado continuarão sendo [estáveis], como a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Advocacia Geral da União, etc..", o presidente disse durante transmissão ao vivo. Mesmo assim, caso a proposta seja devidamente aprovada, a PRF e a PF vão ser submetidas ao novo modelo para garantir esse benefício (etapa de “vínculo de experiência”).

Compartilhe

Especial Concurso BB

Veja mais »