Ceperj divulga resultado final do concurso do Iterj

Índice de aprovação registrado pela organizadora atingiu 80,93%

Chegou ao final o primeiro concurso do Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro (Iterj). O resultado, com a classificação dos candidatos, está no portal www.ceperj.rj.gov.br, da Fundação Ceperj (Centro Estadual de Estatísticas, Pesquisas e Formação de Servidores Públicos do Rio de Janeiro), com a relação dos aprovados na primeira e na segunda etapas.

Dos 5.927 presentes aos exames de 11 de março, 4.797 estão aprovados, significando um índice de aprovação de 80,93%. Nesta seleção, a autarquia ofereceu 104 vagas em cargos efetivos de níveis superior, médio técnico e médio, com aplicação de provas e avaliação de títulos e experiência profissional.

No mesmo edital está o resultado do julgamento dos pedidos de recontagem de pontos impetrados contra o resultado preliminar da avaliação de títulos. Após análise dos recursos, a banca examinadora alterou para mais os pontos de 21 candidatos. O edital também informa a inclusão do nome de uma candidata que, por omissão, ficou fora da relação divulgada em 18 de abril e, considerando erro material, a pontuação de quatro candidatos passa a ter nova redação. Os profissionais nomeados serão convocados pelo Iterj, devendo manter seus endereços residenciais atualizados junto à autarquia, pois a não atualização poderá gerar prejuízos.

O diretor de Concursos e Processos Seletivos da Ceperj, Marcus São Thiago, lembra que os demais candidatos aprovados, cuja classificação exceder ao número de vagas estabelecidas para cada cargo, constituirão cadastro de reserva. E poderão ser convocados dentro do prazo de validade do concurso, que é de dois anos, caso sejam abertas ou criadas novas vagas, de acordo com o interesse da autarquia.

Este primeiro concurso promovido pelo Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro, vinculado à Secretaria de Estado de Habitação, inscreveu 7.748 candidatos interessados nas 104 vagas, em cargos efetivos de níveis superior, médio técnico e médio. A estratégia de seleção foi feita em duas etapas: a primeira com provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, aplicadas em 11 de março; a segunda, de caráter exclusivamente classificatório, com avaliação de títulos e experiência profissional. Os novos servidores terão jornada de 40 horas semanais e remuneração de R$ 1.812,40 a R$ 6.338,69.

Segundo o presidente da Fundação Ceperj, Jorge Barreto, a realização deste concurso do Iterj foi importante, com os novos servidores ampliando a regularização fundiária no Estado e melhor planejando o desenvolvimento agrário e urbano do Rio de Janeiro.

Fonte: Fundação Ceperj

Compartilhe

Comentários