Concurso Senado: candidato promete cancelar certame se eleito

Candidato do PSL afirma que cancelará concurso Senado 2021 por causa da situação econômica do país.

Concurso Senado: candidato promete cancelar certame se eleito; Congresso Nacional

Concurso Senado está previsto para 2021. - Foto: Agência Senado

O concurso Senado é muito esperado pelos concurseiros desde que foi previsto no Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2021. No entanto, o senador Major Olímpio (PSL - SP) afirmou que, se ele conquistar a presidência da casa, o certame será cancelado.

Segundo o PLOA 2021, seriam ofertadas 40 vagas e formação de cadastro reserva para o Senado Federal. O número ainda é baixo se considerado o déficit de servidores públicos. Mesmo assim, o senador aponta que o fator econômico do país pede o cancelamento.

“Com relação ao concurso público, se eu assumir a presidência vou cancelar, pois com a economia do país arrebentada, mesmo dispondo de recursos orçamentários, não é plausível que a imensa estrutura de pessoal existente não consiga atuar e resolver os cargos que seriam preenchidos com o concurso. Tem gente demais no Senado,” disse em entrevista ao Correio Braziliense.

Além de Major Olímpio, concorrem ao senado: Simone Tebet (MDB-MS), Rodrigo Pacheco (DEM-MG) e Jorge Kajuru (Cidadania-GO). Apesar de improvável, novas candidaturas podem ser realizadas até o dia da eleição, 02 de fevereiro.

Déficit no Senado

O déficit do Senado é um dos maiores do país, se comparar a proporção de vagas abertas e servidores trabalhando. De acordo com o Portal da Transparência, a casa possui o direito de ter 3.439 cargos. No entanto, somente 1.473 estão ocupados, o que é menos da metade.

Vale lembrar que o último concurso Senado Federal foi realizado há oito anos e seu prazo de validade já encerrou, não sendo possível a contratação de mais pessoas. Sem um novo certame, a tendência é que a redução de servidores continue.

Concurso Senado 2021: previsão

O concurso Senado Federal 2021 está previsto no PLOA. O certame preencheria 40 vagas e teria formação de cadastro reserva para níveis médio e superior:

  • Nível médio: 24 vagas para Técnico Legislativo (Policial Legislativo);
  • Nível superior: quatro vagas para Advogado e 12 vagas para Analista Legislativo (Administração, Arquivologia, Assistência Social, Contabilidade, Enfermagem, Informática Legislativa, Processo Legislativo, Registro e Redação Parlamentar, Engenharia do Trabalho e Engenharia Eletrônica e Telecomunicações).

Os salários iniciais podem variar entre R$ 19 e R$ 33 mil, dependendo do cargo.

O concurso Senado havia sido autorizado, mas foi adiado por causa da pandemia provocada pelo novo coronavírus. Sendo assim, ele foi mantido no PLOA 2021.

Carlos Rocha
Redator
Jornalista formado (UFG), atualmente redator no site Concursos no Brasil. Foi roteirista do Canal Fatos Desconhecidos (YouTube) por um ano e meio. Produziu conteúdo de podcast para o Deezer. Fez parte da Rádio Universitária (870AM) por três anos e meio como apresentador no Programa Fanático e como repórter, narrador e comentarista da Equipe Doutores da Bola. Fã de futebol, NFL e ouvinte de podcast.

Compartilhe

Especial Auxílio Emergencial

Veja mais »