Prouni abre matrículas para quem está na lista de espera

Matrículas da lista de espera do Prouni estão abertas. Prazo de encerramento está marcado para o dia 12 de março.

O Prouni abre, nesta segunda-feira (08/03), as matrículas para quem está na lista de espera. O programa oferta bolsas integrais ou parciais para estudantes de todo o país. O encerramento das inscrições deve ocorrer no dia 12 de março.

Na semana passada, o Prouni divulgou a lista de espera de vagas em universidades particulares. A consulta pode ser feita no site do Prouni. É preciso ter o login e senha para poder obter os dados.

Esta edição leva em conta a nota do Enem 2019 para selecionar os candidatos, pois a pandemia provocada pelo novo coronavírus fez com que o Enem 2020 não fosse incluído.

Para participar, o estudante não pode ter zerado a redação do Enem e precisa ter nota média de pelo menos 450 pontos.

Lista de espera não garante vaga

Vale ressaltar que lista de espera não garante que o estudante entrará no ensino superior. Esta etapa apenas oferta vagas de estudantes que não se inscreveram na segunda chamada. Sendo assim, é necessário ficar de olho no site do Prouni para saber se haverá vagas para os cursos desejados.

A lista de espera é a última chance de participar da primeira edição do Prouni 2021. Quem não conseguir se matricular precisa esperar o Prouni 2021/2. Foram ofertadas cerca de 162 mil bolsas integrais e parciais na primeira edição de 2021.

Prouni 2021/2

O Prouni ainda terá uma nova edição no segundo semestre de 2021. Desta vez, levará em conta as notas do Enem 2020. Ainda não foram divulgadas as oportunidades para o Pruni 2021/2 e nem o seu calendário.

O que é o Prouni

Criado em 2004, o Programa Universidade para Todos (Prouni) tem como função ofertar bolsas integrais ou parciais (50% de desconto) para estudantes de ensino superior em instituições particulares.

Para poder participar, o interessado deve ter cursado o ensino médio em escola pública ou ter sido bolsista em escolas particulares. Além disso, para determinar o tipo de bolsa a ser disponibilizada, é feito um cálculo conforme a renda:

  • Bolsa integral: estudantes com renda familiar de até 1,5 salário mínimo por pessoa;
  • Bolsa parcial: estudantes com renda familiar entre 1,5 e 3 salários mínimos por pessoa.

Compartilhe

Especial Concurso BB

Veja mais »