Regras para a retomada dos concursos RJ são anunciadas pela SMS

Com o objetivo de evitar contágio pela COVID-19, a Secretaria Municipal de Saúde divulgou medidas preventivas para a retomada dos concursos RJ. Veja detalhes.

Regras para a retomada dos concursos RJ: edição com a logo da Prefeitura do Rio de Janeiro junto aos textos "Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro" e "Secretaria Municipal de Saúde"

Os descumprimentos deverão acarretar infração de natureza sanitária. - Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio de Janeiro

A Secretaria Municipal de Saúde, na última segunda-feira (23/11), liberou as regras para a retomada dos concursos no Rio de Janeiro. Em publicação divulgada* no Diário Oficial do Municípios, a SMS RJ informou que as bancas organizadoras vão ter que operar com quadro limitado de profissionais. O objetivo é de evitar o contágio pelo novo coronavírus, tendo em vista o contexto nacional de pandemia.

Com as medidas anunciadas, é possível que os certames possam ser gradualmente retomados. Vale lembrar que os concursos TJ RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) e TCM (Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro) estão com suas atividades suspensas desde o início da pandemia.

*As normas foram divulgadas no DOM (dia 23 de novembro de 2020, a partir da página 78)!

Retomada dos concursos RJ: veja regras elaboradas pela Secretaria Municipal de Saúde

Além de recomendar capacidade reduzida no trabalho das bancas organizadoras, a SMS também especificou outras diretrizes para a retomada dos concursos RJ. Confira:

  • Todos os participantes dos concursos (candidatos e equipes de trabalho) deverão usar máscaras de proteção;
  • Aumento do tempo de entrada dos participantes e candidatos em geral, no sentido de evitar aglomerações e cruzamentos de fluxos;
  • Redimensionamento das salas e/ou ambientes de provas, com o objetivo de respeitar o distanciamento social;
  • Prioridade no uso de meios eletrônicos para realizar inscrições e reconhecer os candidatos cadastrados;
  • Durante o período de provas, elaborar sinalizações e marcações no piso para direcionar o sentido do deslocamento das pessoas entre os espaços físicos;
  • Sempre que possível, manter portas e janelas abertas;
  • Fornecer dispensadores de álcool gel 70% em todos os espaços físicos do estabelecimento, especialmente nas salas de aula, banheiros, refeitório e cantina;
  • Bebedouros de uso direto devem ser proibidos. Preferência para copos descartáveis;
  • Se algum candidato ou colaborador apresentar sintomas gripais ou qualquer outro indicativo da COVID-19, a coordenação precisará ser informada de imediato. As pessoas enfermas serão encaminhadas para a assistência médica.

De acordo com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), as regras vão ter que ser seguidas por todos aqueles que estiverem envolvidos nos concursos RJ. Os descumprimentos deverão acarretar infração de natureza sanitária. Dessa maneira, os infratores vão ficar sujeitos às sanções previstas em lei.

Bruno Destéfano
Redator
Nasceu no interior de Goiás e se mudou para a capital, Goiânia, no início de 2015. Seu objetivo era o de cursar Jornalismo na UFG. Desde o fim de sua graduação, já atuou como roteirista, gestor de mídias digitais, assessor de imprensa na Câmara Municipal de Goiânia, redator web, editor de textos e locutor de rádio. Escreveu dois livros, sendo um de ficção e outro de não-ficção. Também recebeu prêmios pela produção de um podcast sobre temas raciais e por seu livro-reportagem "Insurgência - Crônicas de Repressão". Atualmente, trabalha como redator web no site "Concursos no Brasil" e está participando de uma nova empresa no ramo de marketing digital.

Compartilhe

Comentários

Especial PRF

Veja mais »