Temporários do INSS começam a trabalhar na próxima segunda (08/06)

Os 587 temporários do INSS devem trabalhar especificamente nas análises dos pedidos feitos pelos segurados. Confira os detalhes!

Temporários do INSS: fachada do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)

Trabalhos serão feitos internamente, já que as agências permanecem fechadas até o dia 19 de junho. - Foto: Wikimedia Commons

A partir da próxima segunda-feira (08/06), pelo menos 587 profissionais temporários do INSS devem iniciar os seus trabalhos. Eles vão dedicar todos os esforços nas análises dos pedidos feitos pelos segurados, já que autarquia precisa confirmar ou indeferir as solicitações.

Por enquanto, em razão do estado de calamidade pública, os temporários do INSS só atuarão internamente. As agências permanecem fechadas até o dia 19 de junho e isso impossibilita atendimentos presenciais.

De acordo com a autarquia, os contratos precisam ser assinados entre os dias 1º e 12 de junho de 2020. Quem não assinar no prazo estipulado será considerado como desistente.

Acompanhe, abaixo, a matéria completa e fique por dentro de todos os detalhes sobre o assunto. Não se esqueça de conferir outros conteúdos de nosso site, como simulados e novidades a respeito do concurso INSS do ano de 2022. Temos certeza de que existe um material feito especialmente para você!

Quem são os temporários do INSS?

Os temporários do INSS fazem parte de um grupo composto por 5.332 servidores, que devem atuar por tempo pré-determinado. Do total de inscritos, foram selecionados:

  • 1.969 militares inativos;
  • 1.900 profissionais da carreira do seguro social; e
  • 1.461 aposentados das demais áreas do governo.

Os resultados do processo seletivo foram divulgados no final de maio, especificamente por meio do Diário Oficial da União (dia 29).

Também é possível conferir todos os detalhes no site do INSS. Basta acessar a categoria de “temporários” e verificar os documentos correspondentes.

Onde os temporários do INSS devem atuar?

Os novos servidores vão desempenhar suas atividades profissionais nas seguintes áreas:

  • Perícia médica;
  • CRPS (Conselho de Recursos da Previdência Social);
  • Subsecretaria dos regimes próprios; e
  • Decepes (Departamento de Centralização de Serviços de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos).

Vale ressaltar que essas informações dizem respeito ao processo seletivo de caráter temporário. O concurso INSS, especificamente para cargos efetivos, deverá ser lançado somente no ano de 2022.

Concurso INSS 2022

O novo certame do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) está sendo bastante aguardado pelos concurseiros, já que a autarquia possui déficit de quase 20 mil servidores efetivos.

Após a normalização dos pedidos em espera, o INSS deverá analisar a necessidade de novas contratações para o quadro de funcionários. Serão tomadas medidas de reestruturação até meados de 2021, especificamente quanto aos serviços prestados.

Detalhe importante: há dois anos, a autarquia já havia solicitado a abertura de um novo concurso para 7.888 novos profissionais.

Os seguintes cargos foram citados no pedido de autorização, com remunerações que podem variar entre R$ 5 mil e R$ 12 mil:

  • Técnico do Seguro Social: 3.984 vagas;
  • Médico Perito: 2.212 vagas;
  • Analista do Seguro Social: 1.692 vagas.

Veja mais:

Tópico: INSS

Bruno Destéfano
Redator
Nasceu no interior de Goiás e se mudou para a capital, Goiânia, no início de 2015. Seu objetivo era o de cursar Jornalismo na UFG. Desde o fim de sua graduação, já atuou como roteirista, gestor de mídias digitais, assessor de imprensa na Câmara Municipal de Goiânia, redator web, editor de textos e locutor de rádio. Escreveu dois livros, sendo um de ficção e outro de não-ficção. Também recebeu prêmios pela produção de um podcast sobre temas raciais e por seu livro-reportagem "Insurgência - Crônicas de Repressão". Atualmente, trabalha como redator web no site "Concursos no Brasil" e está participando de uma nova empresa no ramo de marketing digital.

Compartilhe

Comentários