Seduc - MT abre contratação para profissionais do Projovem Urbano

Projovem Urbano disponibiliza duas mil vagas para jovens de 18 a 29 anos que não concluíram o Ensino Fundamental e estão em busca de qualificação profissional.

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc/MT) abre contratação, em caráter temporário, de profissionais para atuarem como coordenadores do Projovem Urbano nos pólos de Alta Floresta, Barra do  Garças, Cáceres, Diamantino, Pontes e Lacerda,Primavera do Leste, Rondonópolis, Sorriso e Tangará da Serra. A entrega de currículos pode ser feita nas respectivas Assessorias Pedagógicas de cada município.

O Projovem Urbano disponibiliza duas mil vagas para jovens de 18 a 29 anos que não concluíram o Ensino Fundamental e estão em busca de  qualificação profissional inicial. Os participantes ainda receberão R$ 100 como ajuda de custo para aulas.

De acordo com Edital, serão contratados para cada um dos pólos Técnico Administrativo (remuneração mensal  no valor de R$ 787,19), Assistente Pedagógico (R$1.968,00). E ainda um professor de Língua Portuguesa, um de Ciências da Natureza, um de Ciência Humanas, um para ministrar aulas de  Língua Inglesa, um para  Matemática, um Educador de  Participação Cidadã , cuja  remuneração mensal  será de R$ 1.968. Outras duas áreas estão sendo solicitadas para das apoio a proposta do programa, são elas Educador para Acolhimento de Crianças e para Educador de  atendimento Educacional Especializado (tradutor e intérprete de Língua de Sinais). Para esses a remuneração será de R$ 787,19. A carga horária de trabalho é de 30 horas semanais.

Para atuar na área técnica, em Sorriso e Rondonópolis, serão contratados profissionais para desempenhar a função de Qualificador em Telemática com remuneração de R$ 1.968. Na cidade de Primavera do Leste, Educador com Qualificação em Saúde (R$ 1.968); em Alta Floresta Educador Qualificador em Agroextrativismo (salário de R$ 1.968). Nas cidades de Barra do Garças, Cáceres, Diamantino, Pontes e Lacerda, Tangará da Serra serão contratados profissionais para desempenhar a função de educador Qualificador em Construção e Reparo I e II (revestimento) com salário de R$ 1.968. A carga horária é de 30 horas semanais. As especificidades atenderão aos cursos ofertados em cada região.

Prazos

O Processo Seletivo para contratação temporária de profissionais será executado pela Comissão Avaliadora em cada Pólo.  A entrega de currículos para análise se realiza até  30 de maio, nas Assessorias Pedagógicas dos respectivos municípios.

O Processo Seletivo será composto de três etapas: seleção de currículos; análise e classificação de currículos e entrevista.  A seleção e análise de currículos e a entrevista serão de caráter classificatórios e eliminatórios para todos os cargos e a última aplicada somente para candidatos considerados habilitados. A divulgação dos resultados será em 5 de junho.
 
Serviço
 
A íntegra do Edital 015, bem como as fichas de inscrição e critérios de pontuação para os cargos pleiteados, pode ser conferida aqui.

Fonte: Seduc-MT

Compartilhe