Fiscal sanitário

Prepare-se com questões de Fiscal sanitário

01

(UNOESC - 2015 - Prefeitura de Erval Velho/SC - Fiscal sanitário) - Segundo o Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Erval Velho é correto afirmar que terá direito a remuneração o serviço extraordinário da seguinte forma:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q12652Ca
02

(IDECAN - 2016 - Prefeitura de Conquista/MG - Fiscal sanitário) - “É um dos princípios organizativos do Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com este princípio, o poder e a responsabilidade sobre o setor são distribuídos entre os três níveis de governo, objetivando uma prestação de serviços com mais eficiência e qualidade e também a fiscalização e o controle por parte da sociedade.”

(PenseSUS. Fundação Oswaldo Cruz, 2016.)

Essa descrição se refere à:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q42841Ca
03

(CONRIO - 2015 - Prefeitura de Biritiba Mirim/SP - Fiscal sanitário) - Os parâmetros para a inclusão de doenças e agravos na lista de notificação compulsória devem obedecer os alguns critérios, sendo assim, definimos Vulnerabilidade:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q26829Ca
04

(OBJETIVA - 2015 - Prefeitura de São João do Polêsine/RS - Fiscal sanitário) - Segundo a Lei nº 7.889/89, sem prejuízo da responsabilidade penal cabível, a infração à legislação referente aos produtos de origem animal acarretará, isolada ou cumulativamente, as seguintes sanções:

I - Advertência, quando o infrator for primário e não tiver agido com dolo ou má-fé.

II - Apreensão ou condenação das matérias-primas, produtos, subprodutos e derivados de origem animal, quando não apresentarem condições higiênicosanitárias adequadas ao fim a que se destinam, ou forem adulteradas.

III - Interdição total do estabelecimento, não cabendo à forma parcial, quando a infração consistir na adulteração ou falsificação habitual do produto ou se verificar, mediante inspeção técnica realizada pela autoridade competente, a inexistência de condições higiênico-sanitárias adequadas.

Está(ão) CORRETO(S):

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q21734Ca
05

(AMEOSC - 2015 - Prefeitura de Guarujá do Sul/SC - Fiscal sanitário) - De acordo com a RDC 216/04 da ANVISA, qual definição está incorreta?

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q42870Ca
06

(AMEOSC - 2015 - Prefeitura de Guarujá do Sul/SC - Fiscal sanitário) - Compete ao estado, sobre a vigilância sanitária, exceto:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q42863Ca
07

(CONRIO - 2015 - Prefeitura de Biritiba Mirim/SP - Fiscal sanitário) - Doença causada pôr verme(helmintos) que na sua fase adulta, vivem no sistema venoso do hospedeiro. Ocasiona manifestação intestinal ou do aparelho urinário. Diarreia. Dermatose. Cirrose do fígado. Distúrbios no baço, etc. Estamos falando de qual doença de veiculação hídrica:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q26820Ca
08

(OBJETIVA - 2015 - Prefeitura de São João do Polêsine/RS - Fiscal sanitário) - Com base no RIISPOA, analisar a sentença abaixo:

A concessão de inspeção pela Divisão da Inspeção de Produtos de Origem Animal (D.I.P.O.A) isenta o estabelecimento de qualquer outra fiscalização, industrial ou sanitária federal, estadual ou municipal (1ª parte). Os produtos de origem animal fabricados em estabelecimentos sujeitos a inspeção da D.I.P.O.A. ficam desobrigados de análises ou aprovações prévias a que estiverem sujeitos por força de legislação federal, estadual ou municipal. Na rotulagem desses produtos, ficam dispensadas todas as exigências relativas a indicações de análises ou aprovações prévias (2ª parte).

A sentença está:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q21736Ca
09

(AMEOSC - 2015 - Prefeitura de Guarujá do Sul/SC - Fiscal sanitário) - Sobre a epidemiologia, qual alternativa não está correta?

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q42855Ca
10

(UNOESC - 2015 - Prefeitura de Erval Velho/SC - Fiscal sanitário) - São rios que banham o Município de Erval Velho:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q12649Ca