Fonoaudiólogo

Prepare-se com questões de Fonoaudiólogo

01

(UNC - 2014 - Prefeitura de Paial/SC - Fonoaudiólogo) - Relacione as afirmativas abaixo:

I – Fonoaudiologia no sistema público de saúde.
II – Fonoaudiologia preventiva.
III – Fonoaudiologia educacional.

( ) Tem como objetivo desenvolver ações de prevenção dos distúrbios da comunicação por meio de informação.

( ) Busca evitar ou minimizar os distúrbios da comunicação concentrando ações de prevenção para atenção à saúde.

( ) Atua na triagem individual e grupal, participação em grupos educativos multiprofissionais, trabalho junto a creches e escolas.

Assinale a alternativa com a sequência CORRETA:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q23410Ca
02

(INSTITUTO ÍPRO - 2016 - Prefeitura de São Miguel do Guaporé/RO - Fonoaudiólogo) - Informe se é verdadeiro (V) ou falso (F) as questões a respeito do Programa de Triagem Auditiva Neonatal, e depois assinale a alternativa que apresenta a sequência correta.

( ) O National Institute on Deafness and Other Comunication Disorders (1997), sugere que os protocolos do PTANU (Programa de Triagem Auditiva Neonatal Universal) devem obter no máximo 5% de FALHAS na triagem, para RN’s sem indicadores de risco e até 8% nos RN’s com indicadores de risco.

( ) O Marion Downs National Center for Infant Hearing (1998) considera que o PTANU deve atingir pelo menos 85% dos nascimentos.

( ) Os dois aspectos acima norteiam a implantação dos PTANU, e devem ser seguidos sem restrição.

( ) A idade dos RN’s para o acompanhamento, diagnóstico e intervenção deve ser após os 06 meses de idade. 

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q36652Ca
03

(CETREDE - 2015 - Prefeitura de Carnaubal/CE - Fonoaudiólogo) - A.L., 50 anos, sexo feminino, ex-fumante, procura tratamento fonoaudiólogo por apresentar voz grave, tensa, ataque vocal brusco com forte intensidade. O laudo de videofluoroscopia refere lesão de massa esbranquiçada, pediculada, móvel durante a respiração e com pequenos capilares. Trata-se de um caso de disfonia organofuncional com lesão denominada

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q30248Ca
04

(MÁXIMA AUDITORIA - 2016 - Prefeitura de Fronteira/MG - Fonoaudiólogo) - “Espera-se que a lateralização do estímulo por via óssea vá ocorrer para a orelha mais comprometida quando a afecção for ao nível das orelhas médias e/ou externa. DIRKS (1989) explica que a lateralização baseia-se na chegada do estímulo auditivo à cóclea por diferença de perda condutiva e, também, porque a amplitude efetiva do som na cóclea é maior na orelha mais comprometida.” O enunciado acima refere-se ao teste de:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q26528Ca
05

(UNIUV - 2015 - Prefeitura de Irineópolis/SC - Fonoaudiólogo) - De acordo com Yavas (1988) o desenvolvimento fonológico segue a seguinte ordem de aquisição:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q11614Ca
06

(UNC - 2014 - Prefeitura de Paial/SC - Fonoaudiólogo) - Na classificação das síndromes afásicas a afirmativa CORRETA é:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q23405Ca
07

(MÁXIMA AUDITORIA - 2016 - Prefeitura de Fronteira/MG - Fonoaudiólogo) - A dentição possui 20 elementos dentários, não apresenta curvatura em sua disposição no arco, não há muitas variáveis em comparação com outras, nas relações oclusais, e apresenta algo peculiar, os “espaços primatas”, diastemas localizados entre o crânio e os primeiros molares na mandíbula e entre caninos e incisivos laterais na maxila. O enunciado acima refere-se a dentição:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
Código da questão
Q26539Ca
08

(INSTITUTO ÍPRO - 2016 - Prefeitura de São Miguel do Guaporé/RO - Fonoaudiólogo) - Assinale a alternativa correta quanto às características eletroacústicas para a seleção da prótese auditiva para o paciente adulto.

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q36658Ca
09

(UNC - 2014 - Prefeitura de Paial/SC - Fonoaudiólogo) - São considerados neonatos ou lactentes com indicadores de risco para deficiência auditiva , aqueles que apresentam os seguintes fatores em sua histórias clínicas:

( ) Antecedentes familiares de surdez permanente por hereditariedade e casos de consanguinidade.

( ) Permanência em UTI por mais de 25 dias

( ) Utilização de ventilação extracorpórea, ventilação assistida, exposição a drogas ototóxicas, hiperbilirrubinemia, anóxia perinatal grave, apgar neonatal inferior a 4 no primeiro minuto, ou inferior a 6 no segundo minuto, peso ao nascer inferior a 1500g.

( ) Traumatismo craniano e quimioterapia.

( ) Síndromes genéticas. Distúrbios neurodegenerativos e infecções virais pós – natais

Assinale a sequência de respostas CORRETAS:

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q23391Ca
10

(INSTITUTO ÍPRO - 2016 - Prefeitura de São Miguel do Guaporé/RO - Fonoaudiólogo) - A respeito dos Testes Comportamentais na Avaliação Audiológica Infantil, analise as assertivas e assinale a alternativa que aponta as corretas.

I. A bateria de testes utilizada na avaliação audiológica infantil depende só da idade da criança.

II. Um princípio importante da audiologia pediátrica é que nenhum teste é considerado conclusivo ou redundante.

III. O local para a realização da Audiometria de Reforço Visual (VRA) pode ser uma sala (criança e avaliador estão na mesma sala) ou uma cabina acústica (criança e avaliador dentro da cabina).

IV. Os testes de reconhecimento de fala são importantes para confirmação dos limiares tonais.

V. A partir dos 2 anos de idade o índice percentual de reconhecimento de fala (IPRF) também pode ser feito com uso de figuras para não haver influência de trocas fonêmicas comuns ao desenvolvimento de linguagem nessa faixa etária.

  1. a
  2. b
  3. c
  4. d
  5. e
Código da questão
Q36657Ca