Sine Fácil: encontre vagas de emprego pelo app do Governo

Pelo aplicativo Sine Fácil você consegue encontrar as vagas de emprego mais próximas que combinem com o seu perfil profissional. Saiba mais.

sine fácil: a imagem mostra a logo do aplicativo

Veja como usar o aplicativo. - Foto: Logo / Divulgação

O Sine Fácil é um aplicativo desenvolvido pelo Ministério da Economia em parceria com o Ministério do Trabalho e a Dataprev para facilitar que trabalhadores encontrem vagas de emprego. A plataforma pode ser acessada por smartphone ou tablet que estejam conectados na internet. O app permite que pessoas com idade para trabalhar se candidatem às vagas e marquem entrevistas com os empregadores.

Como instalar o Sine Fácil?

Assim como qualquer outro aplicativo, é preciso ir na loja virtual de app que existe no seu aparelho e pesquisar "Sine Fácil". Então é só clicar em "instalar" e esperar o download ser feito. Depois disso, clique no botão verde "abrir" e inicie o processo de cadastramento na plataforma. Vale ressaltar que o acesso ao app requer a leitura de um QR Code gerado no Portal Emprega Brasil.

Como eu me cadastro no Sine Fácil?

Antes de acessar o aplicativo, você precisa fazer um cadastro presencial no Sistema Público de Emprego ou online no Emprega Brasil para conseguir o código de validação do Sine Fácil. Para você não ter que sair de casa, veja como se cadastrar digitalmente:

  1. Acesse site do Emprega Brasil e clique em "cadastrar" no canto superior direito da tela;
  2. Clique em "Crie sua conta gov.br" (se você não tiver uma);
  3. Selecione a opção de cadastro por CPF, complete os campos pedidos e clique em "Avançar";
  4. Informe seus dados pessoas, responda às perguntas e clique em "Avançar";
  5. Informe seu número de celular e clique em "Avançar";
  6. Depois de receber o código de verificação por mensagem, digite-o no campo correto e clique em "Avançar";
  7. Cadastre uma senha, repita sua senha e clique em "Concluir".

Você será redirecionado para o seu perfil de usuário onde deve finalizar o formulário. Vá na Área do Trabalhador (página inicial) para gerar o seu QR Code, que irá validar o app Sine Fácil. 

Como acessar o Sine Fácil pelo QR Code?

Abra o aplicativo no seu celular e siga os passos:

  • Clique em "Entrar" e depois no botão "Já tenho cadastro";
  • Digite seu CPF e senha, marque a caixa "Não sou um robô" e clique em "Entrar";
  • O dite vai pedir que você autorize algumas informações, então clique no botão azul "Autorizo";
  • Quando as ferramentas do Emprega Brasil forem exibidas, clique em "QR Code";
  • Abra seu celular no app Sine Fácil e clique em "Entrar com QR Code";
  • A camêra do celular irá abrir, então posicione o quadrado em frente ao QR Code.

Como usar o Sine Fácil?

Quando você acessar o Sine Fácil, verá uma série de quadradinhos com as funcionalidades da plataforma. Clique em "Objetivos Profissionais" e defina quais carreiras você quer seguir e os tipos de trabalho que quer exercer. Então, verifique quais são as vagas de emprego que se encaixam com o seu perfil profissional, baseado nos dados do cadastro. Sendo assim:

  • Clique em "Consultar vagas de emprego";
  • Uma lista com oportunidades próximas a você e os salários oferecidos vai aparecer. Clique na vaga e leia seus requisitos;
  • Se você se interessar, clique em "Quero esta Vaga";
  • Ao ser redirecionado para entrevistas, clique em "Agendar Entrevista";
  • Selecione a data e o horário da entrevista, depois clique em "Agendar".

Você poderá ver todas as informações sobre as entrevistas no ícone "Entrevistas Agendadas", mas essa opção só vale para quem marcou pelo Sine Fácil. De acordo com o site Emprega Brasil, "Os encaminhamentos para entrevistas realizados pelos Postos do Sine e Emprega Brasil estarão disponíveis nas próximas versões do aplicativo".

Isadora Tristão
Redatora
Nascida na cidade de Goiânia e formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás, hoje, é redatora no site "Concursos no Brasil". Anteriormente, fez parte da criação de uma revista voltada para o público feminino, a Revista Trendy, onde trabalhou como repórter e gestora de mídias digitais por dois anos. Também já escreveu para os sites “Conhecimento Científico” e “KoreaIN”. Em 2018 publicou seu livro-reportagem intitulado “Césio 137: os tons de um acidente”, sobre o acidente radiológico que aconteceu na capital goiana no final da década de 1980.

Compartilhe

Especial Auxílio Emergencial

Veja mais »