Tipos de narrador

Toda narração, obviamente, possui um narrador, que é quem descreve fatos e acontecimentos vistos, ouvidos, lidos ou imaginados em um momento e local determinados. Existem diferentes tipos de narrador em uma história literária.

Narrador Onisciente

  • Conta a história em terceira pessoa e, portanto, o narrador não participa das ações.
  • Conhece todos os detalhes da trama.
  • Tem o conhecimento sobre seus personagens, desde sentimentos, emoções, pensamentos, medos, fortalezas, fragilidades e suas aspirações.
  • Tenta ser o mais objetivo possível no fornecimento de dados.

Narrador Onisciente Intruso

  • Se posiciona onde deseja ao longo da trama.
  • Critica os personagens e insere juízos de valor sobre algumas ações.
  • Livre para se posicionar sobre os fatos da trama e, portanto, apresenta suas concepções e visões.
  • Insere observações sobre a existência, os hábitos, o caráter, enfim, acerca de tudo que têm a possibilidade de estar vinculado à narrativa.

Narrador Onisciente Neutro

  • Não insere observações sobre a trama.
  • Preza pela descrição dos personagens sem intervir na história, contando  fatos do ponto de vista da terceira pessoa.
  • Seu relato é imparcial e não influencia o leitor. Ele se ocupa somente das descrições dos personagens e da narração da história. 

Narrador Onisciente Múltiplo

  • Narrador seletivo onde prevalece o discurso indireto livre.
  • Influencia o leitor para que este tome alguma posição.
  • está vinculado ao onisciente múltiplo.
  • Utiliza meios diversificados, transitando entre pontos de vista contíguos ou afastados, sujeitos ao número de dados que ele pretende transmitir.
  • Relata em detalhes o que se passa, e descreve minúcias do universo em que a história se passa.

Narrador Observador

  • O mais encontrado na literatura.
  • Ele se comunica com o leitor na terceira pessoa.
  • Não tem qualquer participação na trama que se desenrola, porém, conhece toda a história que será narrada.
  • Apresenta características de objetividade e limitação espaço-temporal.
  • Narra com certa neutralidade, apresentando os fatos e as personagens com imparcialidade, sem possuir conhecimento à respeito da vida, pensamentos, sentimentos ou personalidade das personagens.

Narrador Personagem

  • Narra na primeira pessoa a trama na qual está envolvido como personagem
  • Subjetividade é uma marca fundamental.
  • Ele pode ser o personagem principal (narrador protagonista), ou mesmo um personagem secundário (narrador testemunhaAlém do narrador personagem, ele pode ser observador ou onisciente.
  • Tem conhecimento de tudo o que se passa, mas não sabe tudo acerca de seus personagens.
  •  Possui uma relação íntima com os elementos da narrativa.

Narrador Protagonista

  • Personagem principal da história.
  • Todos os acontecimentos giram em torno de si mesmo.
  • Precisa conhecer cada ponto da história melhor do que ninguém.
  • Relata o que se passa exatamente do ponto central da narrativa.
  • É essencial que o narrador protagonista tenha a necessária habilidade para engajar o leitor desde o primeiro momento.

Narrador Testemunha

  • Contando a história em primeira pessoa, este tipo de narrador observa do interior da história o que nela acontece.
  • É um dos personagens que vive a história que está sendo contada, mas não é o personagem principal.
  • Dá testemunho daquilo que vê, dos fatos que considera verídico ou daqueles que deseja transmitir como se fosse algo verdadeiro.
  • É imparcial e impessoal.
  • Ocupa uma posição secundária. Reproduz o que vivenciou em sua trajetória no âmbito da obra.

Por Paloma Gomes