Dicas para as provas do concurso de Natal - RN 2016

Conteúdo programático para estudos do concurso da Prefeitura de Natal.

No Rio Grande do Norte, há 912 vagas esperando candidatos aprovados no recém aberto concurso da Prefeitura de Natal. A remuneração varia de R$ 1.043,80 a R$ 2.396,01 e as contratações irão contribuir para a reposição de pessoal em três secretarias municipais. 

A seleção dos candidatos consistirá de provas escritas objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório, e avaliação de títulos, de caráter apenas classificatório. As datas de aplicação serão 28 de fevereiro e 06 de março de 2016.

O IDECAN é a organizadora responsável por este concurso. Trata-se de uma banca com bastante experiência em concursos públicos em todas as esferas, principalmente prefeituras municipais e governos estaduais. Ainda que não seja possível prever o nível de dificuldade das provas de Natal, os professores experientes lembram que esta banca não costuma apresentar questões de alta complexidade, preferindo enunciados mais objetivos, no tocante à linguagem utilizada. Nem por isso, as questões esperadas serão fáceis, portanto, é preciso leitura atenta e calma, apesar do calor da hora...

Em determinados concursos realizados pelo IDECAN, houve muitos recursos, com várias questões necessitando ser anuladas. Por outro lado, quantidade de recursos e questões anuladas não "prova" coisa alguma sobre o IDECA, assim como não prova sobre outras organizadora. A empresa continua atuando no mercado, conquistando respeito ao longo das seleções que executa.

Gramática normativa não pode ficar de fora dos estudos, independente da banca em voga. Com o IDECAN não é diferente, exigindo dos candidatos um preparo significativo, principalmente quanto às normas gramaticas mais conhecidas e suas populares "armadilhas" (ou exceções às regras). Nas provas de nível médio do concurso de Natal, serão cobrados: Fonologia, Morfologia, Sintaxe, Semântica e Interpretação de texto, sempre naqueles aspectos mais gerais, conforme veremos na tabela programática no final deste artigo.

Seguindo uma tendência, o IDECAN geralmente apresenta nas questões de Informática uma predileção por análise de atalhos dos pacotes Office e do sistema operacional Windows. Em Legislação, o texto da lei é predominante, em detrimento da interpretação doutrinária.

No mais, a prova escrita objetiva será do tradicional tipo múltipla escolha, com 5 opções (A a E) e uma única resposta correta. Fundamental será resolver o máximo de provas anteriores do IDECAN que o candidato tiver acesso.

Baixe aqui o conteúdo programático verticalizado

Faça as adaptações necessárias conforme o cargo pretendido e acompanhe a evolução dos seus estudos.

Compartilhe

Comentários

Mais Dicas