Dicas para Oficial de Promotoria - Concurso MPSP

Expectativa é de que concurso tenha concorrência bastante acirrada. Não perca tempo, estude com a maior antecedência possível!

O Ministério Público de São Paulo abriu um concurso que, nos próximos dias, vai dar o que falar: estão abertas 73 vagas para Oficial de Promotoria I, cuja exigência é de apenas o nível médio completo. Das 73 vagas, 32 são destinadas à Capital e o restante (41) para o interior e litoral. 

O salário inicial é o grande atrativo deste cargo: corresponde a R$ 4.095,00. Para se inscrever, acesse a página da VUNESP até 18 de dezembro de 2015 e pague uma taxa de R$ 80,00.

Apostila específica para Oficial de Promotoria do Ministério Público - SP

PROVAS DA VUNESP

A elaboração da prova está a cargo da Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP), instituição com mais de 30 anos de experiência em processos seletivos de grande porte, em todas as esferas.

O fato - relativamente preocupante - é que a prova do MPSP acontecerá no dia 31 de janeiro de 2016. Isto pode ser vantajoso, pois significa que os candidatos devem - teoricamente - aproveitar os possíveis recessos de final e início de ano para intensificar os estudos. Porém, pode ser desvantajoso, pois, justamente por conta dos recessos, festas e viagens de fim e início de ano, muitas pessoas correm o risco de interromper os estudos, necessários até a véspera da prova.  

As questões serão sobre os temas de Língua Portuguesa, Noções de Direito, Matemática e Raciocínio Lógico e Atualidades. A cidades de aplicação serão São Paulo, Araçatuba, Bauru, Campinas, Franca, Presidente Prudente, Piracicaba, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, Sorocaba e Taubaté.

Todas as provas da VUNESP seguem o tradicional teste de múltipla escolha – com cinco alternativa por questão, havendo alternância entre solicitações de alternativas corretas ou incorretas, conforme o tema dado. É considerada de dificuldade baixa a média em questões de Informática, mas também costuma cobrar grande parte dos conteúdos listados nos programas.

Também é uma banca que cobra conhecimento literal das leis (legislação atualizada), portanto, a leitura atenta do texto integral da lei contribuirá muito para uma boa prova. Nas questões de Português, os "clássicos" não são muito cobrados, ficando mais com textos da atualidade, principalmente os de jornais e revistas. Domínio de gramática normativa, como sempre, ajudará bastante o candidato.

Em Atualidades, os candidatos devem se inteirar dos principais fatos ocorridos e divulgados na mídia a partir do segundo semestre de 2015.

Os conteúdos cobrados na prova objetiva serão:

MPSP – Oficial de Promotoria – provas 31/01/2016 (sugestão: copie e cole, para se organizar)

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

JÁ ESTUDOU: SIM? NÃO?

OBSERVAÇÕES

Língua Portuguesa

Análise,  compreensão  e  interpretação  de  diversos  tipos  de  textos  verbais,  não  verbais, literários e  não  literários.  Informações  literais  e  inferências  possíveis.  Ponto  de  vista  do  autor.

   

Estruturação  do  texto:  relações  entre  ideias; recursos  de  coesão.

   

Significação  contextual  de palavras e expressões.

   

Sinônimos e antônimos.

   

Sentido próprio e figurado das palavras.

   

Classes de  palavras:  emprego  e  sentido  que  imprimem  às  relações  que  estabelecem:  substantivo,

   

adjetivo, 

   

artigo, 

   

numeral, 

   

pronome, 

   

verbo, 

   

advérbio, 

   

preposição 

   

e  conjunção. 

   

Concordância verbal e nominal.

   

Regência verbal e nominal.

   

Colocação pronominal.

   

Crase.

   

Pontuação.

   

Direito Penal

Código Penal, com as alterações vigentes: artigos 293 a 301 e §§ 1° e 2°; 305; 311 - A a 317 e §§ 1° e 2°; 319 a 333; 337; 339 a 344; 347; 357 e 359.

   

Direito Processual Penal

Código de Processo Penal, com as alterações vigentes: artigos 24 e §§ 1º e 2º; 25; 27; 28; 40 a 42; 46 e §§ 1° e 2°; 47; 257 e 258.

   

Lei nº 9.099, de 26.09.1995, artigos 60; 61; 76 e §§ 1º a 6º; 89 e §§ 1° a 7°. Ato Normativo nº 314 - PGJ/CPJ, de 27.06.2003.

   

Direito Administrativo

Estatuto dos Funcionários Públicos Civis do Estado (Lei Estadual n° 10.261/68, de 28.10.68, com as alterações vigentes) artigos: 241 a 263.

   

Improbidade Administrativa (Lei n° 8.4129/92)

   

Lei de Acesso à Informação (Lei Federal nº 12.527/11)

   

Ato Normativo n° 664 – PGJ - CGMP- CSMP, de 08.10.2010.

   

Ato Normativo nº 484 - CPJ, de 05.10.2006.

   

Resolução 23/2007 do CNMP.

   

Direito Constitucional e Ministério Público

Constituição Federal: Título II,

   

Capítulos I, II, III e IV;

   

Título III, Capítulo VII, Seções I e II;

   

Título IV, Capítulo IV, Seção I, com as alterações vigentes.

   

Lei Orgânica do Ministério Público de São Paulo (Lei Complementar Estadual nº 734, de 26 de novembro de 1993), artigos 1° ao 9°; 43 a 48; 59 a 75, com as alterações vigentes.

   

Direito Processual Civil

Código de Processo Civil, artigos 81 a 85; 177 a 199, com as alterações vigentes.

   

Matemática e Raciocínio Lógico

Operações  com  números  reais. 

   

Razão  e proporção. 

   

Mínimo  múltiplo  comum  e máximo  divisor  comum. 

   

Porcentagem.  Regra  de  três  simples  e composta. 

   

Média  aritmética  simples  e ponderada.

   

Juro simples.

   

Equação do 1.º e 2.º graus. Sistema de equações do 1.º grau.

   

Relação entre grandezas: tabelas e gráficos. Sistemas de medidas usuais.

   

Noções de geometria: forma, perímetro,  área,  volume,  ângulo, teorema  de  Pitágoras. 

   

Raciocínio  Lógico:  estrutura  lógica  das relações arbitrárias entre pessoas, lugares, coisas, eventos fictícios; deduzir novas informações das  relações  fornecidas  e  avaliar  as  condições  usadas  para  estabelecer  a  estrutura  daquelas relações.

   

Estruturas lógicas, lógicas de argumentação, diagramas lógicos, sequências.

   

Atualidades

Questões  relacionadas  a  fatos  políticos, econômicos,  sociais  e  culturais,  nacionais  e internacionais,  ocorridos  a  partir  do 2°  semestre  de  2015, divulgados  na  mídia  local  e/ou nacional.

   

A segunda fase do concurso consistirá de prova prática de digitação, na qual o candidato demonstrará a sua habilidade prática nas atividades a serem desempenhadas no exercício do cargo, que tem muita proximidade com o uso do computador. Para essa fase, somente serão convocados os candidatos habilitados e melhor classificados da lista geral e os candidatos com deficiência habilitados e melhor classificados, conforme os quantitativos disponíveis no edital.

Apostila específica para Oficial de Promotoria do Ministério Público - SP

Consequentemente, será considerado apto quem produzir o melhor texto e errar menos. Os erros serão contados caractere a caractere (a mais, a menos ou diferente), em comparação com o texto original, considerando - se erro toda e qualquer divergência. A correção considerará como correto, somente a cópia fiel do texto que será fornecido para a digitação, e a cada erro, descontar-se-á 0,05 ponto.

Comentários

  1. Mario Afonso Jacon disse:

    Tem modelo de prova de digitação?

    Responder

Mais Dicas