Mapa mental como auxilio de estudos para concursos

Conheça este método de estudo e verifique se ele contempla a sua realidade.

São vários os métodos utilizados por estudantes para serem mais assertivos na hora de estudar. Procurar o que mais se identifica com a sua realidade e maneira de estudar é imprescindível para o sucesso. Neste artigo vamos falar sobre os mapas mentais e como essa técnica pode te ajudar a passar naquele tão sonhado concurso.

O que são mapas mentais

Os mapas mentais representam o relacionamento entre informações que normalmente são fragmentadas no ambiente operacional. Essa ferramenta visa ilustrar ideias e conceitos, traçar os relacionamentos de causa e efeito e ilustrar as ideias.

Normalmente os mapas mentais são projetos específicos do indivíduo. Dificilmente outra pessoa entenderá o mapa mental criado por alguém. Esse diagrama foi sistematizado pelo psicólogo inglês Tony Buzan.

Para que servem os mapas mentais na hora do concurso público

Algumas pessoas tem dificuldades de lembrar o conteúdo estudado. E, com o nervosismo na hora da prova essa situação piora. Para essas pessoas, é recomendável estudar com o auxílio de mapas mentais.

O mapa mental nada mais é que um diagrama desenhado por uma pessoa, com o intuito de estabelecer vinculo de um assunto com o outro.

O mapa mental ajuda o estudante a desenvolver a concentração, melhorar a absorção de informações e lidar com o excesso de informações.

Com essa ferramenta o aprendizado torna-se mais interessante e criativo e dessa forma mais difícil de ser esquecido. O mapa deve ser desenhado a mão, para que o cérebro possa ter tempo que receptar e entender as informações.

Como aplicar o método

Os desenhos devem ser feitos a partir de um único centro e a partir daí irradiar informações interligadas. Para isso é necessário criar algo bem ilustrativo e desenhado.

O seu criador sugere que as criações sejam feitas a partir das diretrizes: iniciar no centro com uma imagem do assunto (podem ser usadas imagens, símbolos e códigos); use palavras-chave para determinar o assunto; mantenha o mapa cronológico; desenvolva um método que você consiga entender; use várias cores para maior estimulação visual; mantenha o mapa sempre claro.

Assim, será mais fácil evitar apagões na mente, já que a memória visual pode te auxiliar quando as informações não chegam corretamente. É sempre importante identificar qual método de estudo melhor te atende. Esse é um dos métodos, experimente-o.

Compartilhe

Comentários

Mais Guia do Concurseiro

Especial Concurso BB

Veja mais »