Aprenda a fazer revisões da maneira certa

Revisar o conteúdo é parte da rotina de estudos.

Fazer a revisão do conteúdo estudado é imprescindível para a fixação da matéria. Para isso, é necessário realizar essas revisões de maneira assertiva, a fim de que o tempo designado para esta tarefa seja bem aproveitado.

Neste artigo aprenda formas diferentes de revisar um assunto. Confira 5 dicas para realizar suas revisões.

Faça boas anotações

Esse é o primeiro passo quando começar a estudar. Anote ou destaque os itens importantes daquele assunto para que, quando se faça a revisão, abranja apenas os temas mais importantes. Com isso, você ganha tempo nas revisões.

Faça revisões em até 24 horas

Para fixar o conteúdo é importante que seja revisada a matéria estudada logo nas primeiras 24 horas ou logo depois do estudo, sendo a última etapa do processo diário. Sendo assim, faça pequenas revisões diárias para que o conteúdo seja melhor absorvido.

Outra dica é realizar as revisões antes de dormir, pois novos assunto neste horário não serão bem assimilados, é mais interessante revisar o conteúdo já visto.

Revisões curtas

Não tire um dia inteiro para revisar todo o conteúdo previsto no edital. Essa forma de estudo não será objetiva. Sendo assim, faça pequenas revisões semanais ou até diárias para fixar todo o conteúdo. Essa é uma estratégia para manter os assuntos sempre em evidência.

Tabelas

Construa tabelas para te ajudar a memorizar os assuntos estudados. Essa é uma técnica que se aplica bem as disciplinas de direito. Nela você vai indicar o assunto e um exemplo da sua aplicação. Depois de criadas as tabelas, utilize-as em suas revisões. Essa é uma maneira aplicada do assunto explicado. Os exemplos sempre são importantes para visualizar aquilo estudado.

Explique o assunto para você mesmo

Após estudado o assunto, fale sobre ele. Explique-o a você mesmo em voz alta. Com essa técnica você poderá perceber onde está mais seguro e em qual tema tem mais dificuldade de abordar. Fale alto e se olhando de frente do espelho. Assim, serão palpáveis os problemas do estudante e ele poderá reforçar o assunto, até compreendê-lo melhor.

Compartilhe

Comentários

Mais Guia do Concurseiro

Especial IBGE

Veja mais »